Mateus 24:27: o enigma da Relâmpago do Oriente é finalmente revelado

27 de Maio de 2020

Por Mingbian

Conteúdos

O verdadeiro caminho tem sofrido perseguição desde a antiguidade

Como podemos ter certeza de que a Relâmpago do Oriente é o verdadeiro caminho?

Nos últimos anos, a Relâmpago do Oriente tem dado testemunho abertamente de que o Senhor Jesus retornou como o Deus Todo-Poderoso encarnado nos últimos dias. Deus Todo-Poderoso já proferiu milhões de palavras e está realizando a obra de julgamento começando na casa de Deus. O surgimento da Relâmpago do Oriente abalou todo o mundo religioso e muitas pessoas que desejavam que Deus se manifestasse ouviram as palavras de Deus Todo-Poderoso e as reconheceram como a voz de Deus. Elas se convenceram de que Deus Todo-Poderoso é o Senhor Jesus retornado e, uma a uma, vieram perante Deus Todo-Poderoso. O surgimento da Relâmpago do Oriente cumpriu este versículo da Bíblia: “Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até o ocidente, assim será também a vinda do Filho do homem” (Mateus 24:27). “Relâmpago” é a verdade, a palavra de Deus; “como o relâmpago sai do oriente” significa que a verdade saiu da China e “mostra até o ocidente” significa que chegou ao Ocidente; “a vinda do Filho do homem” se refere a Deus encarnado se manifestando e realizando Sua obra no Oriente − na China − e depois expandindo Sua obra até ao Ocidente. Essas palavras foram agora cumpridas. No entanto, por acreditarem nas mentiras do Partido Comunista da China e nas condenações da Igreja de Deus Todo-Poderoso por parte dos pastores e presbíteros, muitos irmãos e irmãs não se atrevem a investigar a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias. Eles se perguntam: se a Relâmpago do Oriente fosse o verdadeiro caminho e a manifestação e obra de Deus, por que o governo chinês e os pastores e presbíteros da igreja a condenariam? A Relâmpago do Oriente é realmente a manifestação e a obra do Senhor Jesus retornado? Vamos nos concentrar nesse tema na comunhão a seguir.

O verdadeiro caminho tem sofrido perseguição desde a antiguidade

O Senhor Jesus disse certa vez: “Geração perversa é esta” (Lucas 11:29). “E o julgamento é este: A luz veio ao mundo, e os homens amaram antes as trevas que a luz, porque as suas obras eram más. Porque todo aquele que faz o mal aborrece a luz, e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas” (João 3:19-20). Com precisão cirúrgica, o Senhor Jesus expõe a maldade e as trevas deste mundo, mostrando que humanidade inteira vive sob o império de Satanás e é incapaz de tolerar a existência de Deus. Na Era da Graça, o Senhor Jesus em pessoa tornou-se carne, veio realizar na terra a obra de resgatar a humanidade e foi pregado na cruz pelos líderes religiosos judeus em conluio com as autoridades romanas. É evidente que a humanidade se tornou tão corrupta e perversa que negou e resistiu abertamente a Deus. Agora, Deus Todo-Poderoso veio nos últimos dias e expressou todas as verdades que permitem ao homem alcançar a salvação plena, mas também Ele tem sido freneticamente condenado e desafiado pelo mundo religioso e o governo chinês, e tem sido rejeitado por esta geração. Isso cumpre exatamente estas palavras do Senhor Jesus: “Pois, assim como o relâmpago, fuzilando em uma extremidade do céu, ilumina até a outra extremidade, assim será também o Filho do homem no Seu dia. Mas primeiro é necessário que Ele padeça muitas coisas, e que seja rejeitado por esta geração” (Lucas 17:24-25). O governo chinês é um governo ateu, sua própria essência se opõe a Deus e, portanto, não é estranho que condene a Igreja do Deus Todo-Poderoso. No entanto, os pastores e presbíteros do mundo religioso atual estão aguardando a volta do Senhor, então por que eles não buscam nem investigam a manifestação e a obra de Deus Todo-Poderoso ao invés de resistir a Ele e condená-Lo freneticamente? Isso merece consideração cuidadosa. Na verdade, muitos pastores e presbíteros já perceberam a autoridade e o poder nas palavras e obras de Deus Todo-Poderoso. No entanto, quando eles veem que tantas pessoas que ansiavam pela manifestação de Deus reconhecem, por meio das palavras de Deus Todo-Poderoso, que Ele realmente é o Senhor Jesus retornado, e que, uma a uma, elas vêm perante Deus Todo-Poderoso, esses pastores e presbíteros do mundo religioso temem que todos os crentes seguirão a Deus Todo-Poderoso e que eles mesmos não serão mais seguidos e idolatrados por ninguém. A fim de preservar seus cargos e sustento, eles fingem “guardar o verdadeiro caminho e proteger o rebanho”, ao mesmo tempo em que condenam arbitrariamente a manifestação e a obra de Deus Todo-Poderoso e tentam evitar que os crentes investiguem o verdadeiro caminho. O fato de que a manifestação e a obra das duas encarnações de Deus foram condenadas pelo mundo religioso nos mostra que este se tornou tão sombrio e maligno que chega mesmo a se opor a Deus. Portanto, é inevitável que Deus seja condenado e perseguido pelas forças de Satanás quando Ele vem a este mundo perverso para realizar a Sua obra.

Assim, quando investigamos o verdadeiro caminho, que atitude devemos adotar diante da condenação e do desafio dos líderes do mundo religioso? Quando pensamos em Pedro, João e outros discípulos naqueles dias, vemos que eles não acreditaram cegamente nas mentiras dos líderes religiosos condenando o Senhor Jesus, mas, em vez disso, procuraram humildemente ouvir a voz do Senhor. Quando reconheceram que as palavras do Senhor Jesus eram a verdade, eram a voz de Deus, eles foram capazes de abandonar suas noções e seguir o Senhor, recebendo ao fim a Sua salvação. É exatamente como o Senhor Jesus disse: “Pedí, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei e abrir-se-vos-á” (Mateus 7:7). Se desejamos saber se a Relâmpago do Oriente é o verdadeiro caminho, devemos examinar a obra de Deus Todo-Poderoso e ler as palavras expressas por Ele. Essa é a única maneira de chegar à verdade sobre a questão. Se acreditarmos cegamente no que dizem os pastores e presbíteros, provavelmente seguiremos os passos do povo judeu nos dias de Jesus, seguindo os fariseus, resistindo e rejeitando ao Senhor Jesus, perdendo a chance de investigar o verdadeiro caminho e sendo eternamente incapazes de acolher o retorno do Senhor.

Como podemos ter certeza de que a Relâmpago do Oriente é o verdadeiro caminho?

Como então podemos ter certeza de que a Relâmpago do Oriente é o verdadeiro caminho? Vamos ler as palavras de Deus Todo-Poderoso. Deus Todo-Poderoso diz: “Qual é o princípio mais básico na busca do caminho verdadeiro? Você deve ver se há ou não a obra do Espírito Santo nesse caminho, se essas palavras são ou não a expressão da verdade, a quem se dá testemunho e o que isso pode lhe trazer. Distinguir entre o caminho verdadeiro e o caminho falso requer vários aspectos do conhecimento básico e o mais fundamental é saber se existe ou não a obra do Espírito Santo. Pois a substância da crença do homem em Deus é a crença no Espírito de Deus e até a sua crença no Deus encarnado é porque essa carne é a encarnação do Espírito de Deus, o que significa que essa crença ainda é a crença no Espírito. Existem diferenças entre o Espírito e a carne, mas porque essa carne vem do Espírito e a Palavra Se torna carne, o que o homem crê é ainda a substância inerente de Deus. E assim, ao distinguir se é ou não o verdadeiro caminho, acima de tudo você deve ver se é ou não a obra do Espírito Santo, e depois ver se existe verdade nesse caminho. Essa verdade é o caráter da vida da humanidade normal, isto é, o que era exigido do homem quando Deus o criou, no começo, ou seja, tudo referente à humanidade normal (incluindo o sentido humano, a percepção, a sabedoria e o conhecimento básico de ser homem). Ou seja, você deve ver se esse caminho pode levar o homem a uma vida de humanidade normal, se a verdade da qual se fala é exigida ou não de acordo com a realidade da humanidade normal, se essa verdade é ou não prática e real, e se é ou não oportuna. Se existe verdade, ela é capaz de levar o homem a experiências normais e reais; o homem, além disso, se torna cada vez mais normal, seu sentido humano se torna cada vez mais completo, a vida do homem na carne e a vida espiritual se tornam cada vez mais ordenadas e as emoções do homem se tornam cada vez mais normais. Este é o segundo princípio. Existe um outro princípio, que é se o homem tem ou não um conhecimento crescente de Deus, se experimentar ou não essa obra e verdade pode inspirar o amor a Deus nele e o aproximá-lo ainda mais de Deus. Nisso se pode avaliar se esse é ou não o caminho verdadeiro” (‘Somente aqueles que conhecem Deus e Sua obra podem satisfazer Deus’ em “A Palavra manifesta em carne”).

As palavras de Deus afirmam com extrema clareza que existem três princípios básicos para distinguir entre o verdadeiro e o falso caminho. Primeiro, verifique se o caminho tem a obra do Espírito Santo. Deus é Espírito, e embora Ele realize Sua obra na carne, Sua essência continua sendo a do Seu Espírito; portanto, a obra de Deus deve andar lado a lado com a obra do Espírito Santo. Segundo, verifique se o caminho tem a verdade. Todos nós sabemos que apenas a palavra de Deus é a verdade; a verdade pode se tornar nossa própria vida, é o princípio que governa nosso comportamento, nossa conduta e nossa adoração a Deus, e pode nos permitir recuperar a humanidade adequada. Terceiro, verifique se o caminho pode proporcionar às pessoas um conhecimento cada vez maior de Deus. Porque a obra Dele é feita pelo Próprio Deus, porque tudo que Ele revela é o que Ele tem e é, e porque toda vez que Deus se manifesta e realiza a obra para salvar o homem, ele diz ao homem Sua vontade e Suas exigências; quanto mais lemos as palavras de Deus e experimentamos a Sua obra, mais aumenta nossa fé em Deus e mais cresce nosso conhecimento Dele.

Quando o Senhor Jesus veio para realizar Sua obra, por exemplo, Ele concedeu graça abundante ao homem, curou os enfermos, expulsou demônios e trouxe o caminho do arrependimento para a humanidade. Ele ensinou o homem a confessar e a se arrepender, a amar o próximo como a si mesmo, a carregar sua cruz, a ser paciente e tolerante, a perdoar os outros setenta vezes sete vezes, a amar a Deus com todo o coração e mente, e assim por diante. Esses ensinamentos do Senhor Jesus foram palavras que nenhum ser humano poderia ter proferido. Antes que o Senhor Jesus viesse e expressasse a verdade, os que viviam sob a lei sabiam apenas como viver; não tinham compreensão das verdades de como amar e perdoar os outros. No entanto, ao seguir o Senhor e praticar Seus ensinamentos, eles viram que a palavra do Senhor Jesus era a verdade e que ela poderia mostrar a senda da prática às pessoas da época. Por meio da obra do Senhor Jesus as pessoas também vieram a compreender que o caráter de Deus é pleno de misericórdia e bondade, e então elas se dispuseram a seguir o Senhor. Embora a obra do Senhor Jesus na época tenha sido constantemente condenada, desafiada e perseguida pelos principais sacerdotes, escribas e fariseus, o número de seguidores do Senhor Jesus aumentou cada vez mais. Por fim, esses líderes religiosos conspiraram com as autoridades romanas para crucificar o Senhor Jesus, acreditando que assim poderiam abolir a Sua obra. Os que acreditavam sinceramente em Deus, no entanto, perceberam por meio da obra e das palavras do Senhor Jesus que Sua obra vinha de Deus, e então O seguiram com o coração transbordando de fé e espalharam o evangelho do Senhor, por mais que fossem perseguidos pelas autoridades romanas e pelo mundo religioso da época. O evangelho do Senhor Jesus chegou agora aos confins do universo e a todos os cantos do mundo, e nenhuma força pode detê-lo. Podemos ver pelo fruto das palavras e da obra do Senhor Jesus que Sua obra veio de Deus e que esse é o verdadeiro caminho.

Da mesma maneira, se quisermos confirmar se a obra de Deus Todo-Poderoso é ou não o verdadeiro caminho, podemos verificar se a obra de Deus Todo-Poderoso expressa a verdade, se tem a obra do Espírito Santo e se proporciona às pessoas maior conhecimento de Deus. Deus Todo-Poderoso veio nos últimos dias e, sobre a fundação da obra de redenção do Senhor Jesus, expressou todas as verdades que permitem ao homem alcançar a purificação e a plena salvação; Ele realiza a etapa da obra de julgar e purificar o homem e nos salva de uma vida de sofrimento no ciclo de pecar e confessar. Deus Todo-Poderoso diz: “Quando Deus Se torna carne desta vez, Sua obra é expressar Seu caráter, primeiramente por meio de castigo e julgamento. Usando isso como fundamento, Ele traz mais verdade ao homem, mostra mais caminhos de prática e assim alcança Seu objetivo de conquistar o homem e salvá-lo de seu caráter corrupto. Isso está por trás da obra de Deus na Era do Reino” (‘Prefácio’ em “A Palavra manifesta em carne”). “Por meio dessa obra de julgamento e castigo, o homem conhecerá por completo a substância imunda e corrupta dentro de si mesmo, e ele poderá mudar completamente e se tornar limpo. Só assim o homem pode se tornar digno de retornar diante do trono de Deus. Toda a obra feita neste dia é para que o homem possa ser limpo e mudado; através do julgamento e castigo pela palavra, bem como por meio do refinamento, o homem pode remover sua corrupção e ser purificado. Em vez de considerar este estágio da obra como sendo o da salvação, seria mais apropriado dizer que é a obra de purificação” (‘O mistério da encarnação (4)’ em “A Palavra manifesta em carne”). As palavras de Deus Todo-Poderoso nos falam de verdades como o mistério do plano de gestão de seis mil anos de Deus, o mistério de Suas encarnações, o futuro desfecho e destino da humanidade, o significado de ser arrebatado, como distinguir o verdadeiro Cristo dos falsos cristos, a verdade da corrupção da humanidade por Satanás, como se livrar dos grilhões do pecado e como temer a Deus e evitar o mal. Todas essas verdades foram expressas por Deus a partir de nossas necessidades e são mais elevadas do que as verdades da Era da Graça. Não só nos revelam os mistérios da Sua obra de gestão, como também expõem nosso caráter satânico de arrogância, maldade, egoísmo, engano e perversidade. Ao experimentarmos o julgamento e castigo das palavras de Deus, vemos o quanto Ele detesta a corrupção do homem, percebemos o caráter justo e santo de Deus que não tolera ofensas, e um coração temente a Deus nasce dentro de nós. Quando não mais ousarmos pecar e resistir a Deus levianamente, teremos disposição para renunciar à nossa carne e praticar a verdade, e aos poucos começaremos a viver uma aparência de humanidade. Além disso, reconheceremos sinceramente que, sem o julgamento e o castigo de Deus, nunca seríamos capazes de conhecer nosso caráter satânico tão profundamente enraizado; só poderíamos ser como aqueles nas religiões, eternamente presos no ciclo de pecar e confessar. Mesmo que crêssemos em Deus até o fim, não poderíamos alcançar Sua salvação plena. Ao experimentarmos a obra de julgamento de Deus nos últimos dias, vemos que Seu caráter não é apenas misericordioso e afetuoso, mas, mais que isso, é justo e majestoso e não tolera ofensas. Seja o caráter de Deus misericordioso e afetuoso ou justo e majestoso, ele sempre contém a grande salvação de Deus para o homem.

Além disso, se é a obra de Deus ou o verdadeiro caminho, então possui a obra do Espírito Santo e é sustentada pelo Espírito Santo, e nenhuma força inimiga pode impedir a obra de Deus. Desde que Deus Todo-Poderoso se manifestou e começou a realizar Sua obra na China em 1991, o governo chinês e o mundo religioso nunca deixaram de resistir à Igreja de Deus Todo-Poderoso e a persegui-la. No entanto, de modo algum o evangelho do reino de Deus foi impedido por essas forças inimigas, e no curto espaço de tempo de vinte e tantos anos se espalhou por todo o continente chinês e por diversas nações mundo afora. O livro das palavras de Deus Todo-Poderoso, A Palavra manifesta em carne, está disponível há muito tempo na internet e já foi traduzido para mais de vinte idiomas e pregado e testificado abertamente a toda a humanidade. Filmes, espetáculos de dança, esquetes e diálogos cômicos que dão testemunho da obra de Deus nos últimos dias, bem como depoimentos de irmãos e irmãs que passaram pelo julgamento e castigo das palavras de Deus e experimentaram a purificação e transformação de seu caráter corrupto, foram publicados na internet. Muitos crentes verdadeiros que anseiam pela manifestação de Deus ouviram Sua voz e assistiram a esses depoimentos − a luz entrou em suas vidas. Eles se convenceram de que as palavras expressas por Deus Todo-Poderoso são as declarações do Espírito Santo às igrejas e que Deus Todo-Poderoso é o retorno do Senhor Jesus, que a Relâmpago do Oriente é o verdadeiro caminho. Um a um eles se renderam a Deus Todo-Poderoso. A Igreja de Deus-Todo Poderoso está agora presente em muitos países em todo o mundo e isso cumpre inteiramente esta profecia do Senhor Jesus: “Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até o ocidente, assim será também a vinda do Filho do homem” (Mateus 24:27).

Irmãos e irmãs, o fruto da obra de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias nos dá a certeza de que a Relâmpago do Oriente tem a obra do Espírito Santo e a expressão da verdade, e que, ao experimentarmos a obra de Deus, nosso conhecimento Dele seguirá crescendo. A Relâmpago do Oriente é o verdadeiro caminho, a manifestação e a obra do Senhor Jesus retornado. Se seremos capazes ou não de seguir os passos do Cordeiro e sermos abençoados por Deus, isso dependerá de nossas escolhas individuais. Deus Todo-Poderoso diz: “A obra de Deus é como ondas poderosas que se levantam. Ninguém pode detê-Lo, ninguém pode interromper Seus passos. Só aqueles que ouvem atentamente Suas palavras, os que O procuram e têm sede Dele é que podem seguir Seus passos e receber Sua promessa. Aqueles que não o fazem estarão sujeitos a um desastre esmagador e a uma punição merecida” (‘Deus preside o destino de toda a humanidade’ em “A Palavra manifesta em carne”). “Vocês não devem condenar cegamente as palavras expressas por Deus por causa da aparição de falsos cristos durante os últimos dias, e não devem ser pessoas que blasfemem contra o Espírito Santo por temer o engano. Não seria uma grande pena? Se, após muito examinar, você ainda crer que estas palavras não sejam a verdade, não sejam o caminho e não sejam a expressão de Deus, então você irá finalmente ser punido, e ficará sem bênçãos. Se não consegue aceitar tal verdade falada de modo tão simples e tão claro, então você não é inapto para a salvação de Deus? Você não é alguém que não é favorecido o suficiente para retornar diante do trono de Deus? Pense nisso! Não seja imprudente e impetuoso, e não trate a crença em Deus como um jogo. Pense em prol de seu destino, em prol de suas perspectivas, em prol de sua vida; e não brinque consigo mesmo. Você pode aceitar essas palavras?” (‘Quando você contemplar o corpo espiritual de Jesus, Deus terá feito novo Céu e nova terra’ em “A Palavra manifesta em carne”).

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado

As profecias do fim dos tempos se cumpriram: como acolher o retorno do Senhor

Você deseja seguir os passos do Cordeiro? Você deseja acolher o Senhor? Você deseja ser arrebatado antes da grande tribulação? As palavras de Deus nos dizem que, se quisermos acolher o Senhor, é essencial que aprendamos a como ouvir a voz de Deus examinando se as palavras expressadas por Deus Todo-Poderoso são a verdade, se elas são as palavras do Espírito Santo às igrejas. Acredito que, se possuirmos um coração humilde de buscar e ansiar pela verdade, Deus nos guiará para acolher o Senhor em breve!

Pregação o evangelho: como as dez virgens na Bíblia recebem o Senhor

O Senhor Jesus disse certa vez: “Então o reino dos céus será semelhante a dez virgens que, tomando as suas lâmpadas, saíram ao encontro do noivo. Cinco delas eram insensatas, e cinco prudentes. Ora, as insensatas, tomando as lâmpadas, não levaram azeite consigo. As prudentes, porém, levaram azeite em suas vasilhas, juntamente com as lâmpadas” (Mateus 25:1-4). As Escrituras nos mostram que as virgens sábias prepararam óleo para as lâmpadas e aguardaram reverentemente a vinda do Senhor. No fim, foram capazes de acolhê-Lo e de participar do banquete no reino dos céus. Assim, muitos irmãos e irmãs acreditam que, contanto que leiam as Escrituras consistentemente, participem de reuniões, empreendam diligentemente a obra do Senhor e aguardem com reverência, isso significa que eles prepararam o óleo e são virgens sábias e que eles serão levantados para o reino dos céus quando o Senhor chegar. No entanto, essa tem sido a nossa prática por muitos anos, e agora todos os tipos de catástrofes vieram, mas ainda não recebemos o Senhor. Isso não nos deixa outra escolha senão refletir e perguntar a nós mesmos: executar diligentemente o trabalho do Senhor dessa forma é realmente ser uma virgem sábia? Nós seremos capazes de receber o Senhor e de ser levantados antes da tribulação?

Perguntas da Bíblia: O mistério de Mateus 24:36, “Daquele dia e hora, porém, ninguém sabe”, foi revelado

As quatro luas de sangue já surgiram e catástrofes como terremotos, fome e epidemias são cada vez mais comuns. As profecias sobre o retorno do Senhor já foram essencialmente cumpridas e algumas pessoas deram testemunho pela internet de que Ele já veio. Alguns irmãos e irmãs estão confusos, já que a Bíblia diz claramente: “Daquele dia e hora, porém, ninguém sabe, nem os anjos do céu, nem o Filho, senão só o Pai” (Mateus 24:36). Como eles podem saber que o Senhor já retornou? Ele realmente retornou? O que devemos fazer para que possamos acolhê-Lo? Vamos comunicar juntos sobre essa questão em particular.

Os dias de Noé se aproximam no fim dos tempos: como devemos buscar a manifestação de Deus?

Muitas pessoas mencionam este versículo da Bíblia: “Verão vir o Filho do homem sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória” (Mateus 24:30). Elas acreditam que quando o Senhor retornar, Ele virá cavalgando abertamente sobre uma nuvem e nos elevará diretamente ao reino dos céus, à vista de todos. Assim, elas aguardam passivamente a vinda do Senhor sobre uma nuvem. No entanto, a verdade é que temos desconsiderado as profecias bíblicas que afirmam que há mais de uma maneira pela qual o Senhor retornará, por exemplo, “Eis que venho como ladrão” (Apocalipse 16:15). “Pois se não vigiares, virei como um ladrão” (Apocalipse 3:3). “Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a Minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele Comigo” (Apocalipse 3:20).

Deixar uma resposta