A mentalidade correta para compartilhar o evangelho

16 de Dezembro de 2022

Por Zhuiqiu, China

Uma vez, um irmão me contou que Li Ping, sua irmã caçula, tinha sido uma crente desde pequena e, por anos, tinha trabalhado para o Senhor com entusiasmo, que tinha uma fé genuína. Ele queria que eu compartilhasse o evangelho com ela. Muito feliz, eu concordei. Mas quando conversei com Li Ping, ela se levantou e, nervosa, disse: “Nosso pastor disse que falsos cristos aparecerão nos últimos dias para enganar as pessoas e que qualquer notícia sobre o retorno do Senhor é falsa. Você está pregando para a Relâmpago do Oriente. Não ouvirei. Podemos conversar sobre outras coisas, mas não converse comigo sobre assuntos de fé”. Quando vi que ela havia sido enganada pelos rumores e mentiras do pastor, tentei dizer-lhe: “Irmã, você sabe a que ‘Relâmpago do Oriente’ se refere? O Senhor Jesus profetizou claramente: ‘Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até o ocidente, assim será também a vinda do Filho do homem(Mateus 24:27). ‘Relâmpago do Oriente’ se refere à obra e às palavras de Deus. Todas as verdades expressadas por Deus Todo-Poderoso são como uma grande luz que aparece no Oriente, daí o nome ‘Relâmpago do Oriente’. Essa luz da verdade já brilhou desde o Oriente até o Ocidente. A profecia do Senhor se cumpriu completamente. Analisemos se a Relâmpago do Oriente é a aparição e a obra do Senhor”. Ela não quis ouvir e disse: “Nosso pastor disse que, se alguém prega um caminho diferente do nosso, nós não devemos ouvir, por melhor que pareça ser. Não devemos ouvir nem nossos pais ou irmãos, e jamais devemos acolher estranhos”. Essa não é a vontade do Senhor. A Bíblia diz: “Não vos esqueçais da hospitalidade, porque por ela alguns, sem o saberem, hospedaram anjos” (Hebreus 13:2). Com paciência, eu respondi: “Irmã, a Bíblia diz: ‘Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas(Apocalipse 2:7). ‘Mas à meia-noite ouviu-se um grito: Eis o noivo! saí-lhe ao encontro!(Mateus 25:6). Essas profecias nos dizem que, para acolher o Senhor, devemos tentar ouvir Sua voz. Se alguém testifica que o Senhor retornou, devemos sair ao encontro Dele. É o único jeito de termos uma chance de acolher o Senhor. Se não ouvirmos nem buscarmos quando ouvimos alguém testificar que o Senhor retornou, perderemos nossa chance de acolhê-Lo!”. Porém, ela se recusou a ouvir e inventou uma desculpa para se despedir. A atitude de Li Ping me colocou numa situação difícil. Se ela não queria ouvir, como eu poderia compartilhar o evangelho com ela? Mas eu sabia que essa não era a atitude certa. Eu nem tinha testificado o retorno do Senhor, como, então, eu poderia desistir tão fácil? Contanto que ela fosse uma crente verdadeira, eu deveria dar tudo de mim para compartilhar o evangelho com ela.

Mais tarde, fomos até a casa de Li Ping para compartilhar o evangelho com ela, mas fechou a porta assim que nos viu e se recusou a abri-la, não importava o que disséssemos. Não havia nada que pudéssemos fazer, e fomos embora. Fomos mais algumas vezes, porém ela não abriu a porta e disse: “Nosso pastor disse que vocês querem roubar ovelhas e que devemos espancar qualquer um da Relâmpago do Oriente até a morte, jogá-lo no rio ou simplesmente denunciá-lo à polícia. Sumam daqui e não deixem o pastor vê-los”. Fiquei muito incomodada quando ela disse isso e quis desistir. Mas, no momento, eu não estava certa se desistir estava alinhado com a vontade de Deus ou não, por isso fiz uma oração silenciosa. Então uma passagem das palavras de Deus me veio à mente: “Ao propagar o evangelho, você deve cumprir sua responsabilidade e lidar seriamente com todos a quem você o propaga. Deus salva as pessoas na maior medida possível, e você deve considerar a vontade de Deus, não deve ignorar descuidadamente qualquer um que esteja buscando e considerando o caminho verdadeiro. […] Desde que ele esteja disposto a considerar o caminho verdadeiro e seja capaz de buscar a verdade, vocês devem fazer tudo que podem para ler mais das palavras de Deus para ele e para comungar mais da verdade com ele, e para testificar da obra de Deus e resolver as noções dele, para que possam ganhá-lo e trazê-lo para diante de Deus. É isso que está de acordo com os princípios para espalhar o evangelho(A Palavra, vol. 3: As declarações de Cristo dos últimos dias, “Divulgar o evangelho é o dever a que todos os crentes estão moralmente obrigados”). Senti vergonha quando refleti sobre as palavras de Deus. Deus salva as pessoas na maior medida do possível. Deus não desistirá de alguém enquanto houver um pingo de esperança. Como alguém que compartilhava o evangelho, eu deveria dar tudo de mim. Contanto que a pessoa se conforme aos princípios, eu deveria pregar a ela com paciência e amor e cumprir minhas responsabilidades. Esse é o meu dever. Mas eu quis recuar e desistir diante da menor dificuldade. Eu não era nem um pouco dedicada ao meu dever. Eu me senti muito culpada quando percebi isso. Orei e decidi que, não importava como Li Ping me tratasse, já que ela possuía humanidade boa e era uma crente verdadeira, eu não desistiria e lhe daria testemunho das palavras e da obra de Deus e a traria para diante de Deus. Quando eu aceitei a obra de Deus dos últimos dias, se os irmãos não tivessem comungado a verdade com paciência para resolver minhas noções, provavelmente, eu teria permanecido na religião. Compartilhar o evangelho exige amor e paciência incríveis, que façamos tudo que pudermos e cumpramos nossas responsabilidades. Essa é a vontade de Deus.

Supreendentemente, quando voltamos para a casa de Li Ping, ela abriu a porta para nós. Mas então ela foi indelicada e não quis falar. Achei que, contanto que ela abrisse a porta, nós teríamos uma chance de comungar, que, aos poucos, ela entenderia as coisas se ela ouvisse um pouco. Aproveitamos essa chance para comungar com ela. Eu disse: “Irmã, acolher a vinda do Senhor é um assunto importante. Se não seguirmos as palavras do Senhor, mas ouvirmos cegamente os humanos quando investigarmos o caminho verdadeiro, podemos ir contra Deus. Quando o Senhor Jesus apareceu e operou, os fiéis judeus ouviram seus líderes religiosos, condenando e rejeitando o Senhor junto com eles. No fim, foram punidos por Deus. Os pastores e líderes religiosos de hoje não querem buscar nem investigar a obra de Deus dos últimos dias e até fazem tudo que podem para selar suas igrejas e espalhar mentiras para enganar os crentes. Dizem que qualquer notícia sobre a vinda do Senhor é falsa, e mesmo que nossos próprios irmãos nos digam isso, não devemos ouvi-los, mas denunciá-los à polícia. Dizer isso e agir desse jeito está de acordo com os ensinos do Senhor? Alguém que diz algo assim é um crente?”. A atitude dela melhorou muito quando ela viu que tudo que dizíamos era verdade e se dispôs a conversar conosco. Ela também compartilhou o que a confundia: “O Senhor Jesus nos alertou: ‘Se, pois, alguém vos disser: Eis aqui o Cristo! ou: Ei-lo aí! não acrediteis; porque hão de surgir falsos cristos e falsos profetas, e farão grandes sinais e prodígios; de modo que, se possível fora, enganariam até os escolhidos(Mateus 24:23-24). Nos últimos dias, quando o Senhor retornar, haverá falsos cristos e falsos profetas que desviam as pessoas. Nosso pastor disse que qualquer pregação sobre o retorno do Senhor fala de um falso cristo que engana as pessoas. Não conhecemos a Bíblia muito bem, por isso ele disse que devemos ter cautela, caso contrário nossos anos de fé poderiam não dar em nada. Tenho medo do que acontecerá se eu tiver fé na coisa errada”. Imediatamente, eu respondi: “Irmã, entendemos seu medo de ser enganada. Mas temos que entender a vontade do Senhor. Ele disse isso para que tenhamos discernimento sobre falsos cristos e não sejamos enganados por eles, não para que fiquemos cegamente em alerta contra eles e deixemos de acolher o Senhor. Ele também explicou claramente as manifestações dos falsos cristos. Eles confiam em mostrar sinais e maravilhas para desviar as pessoas. Conhecemos os distintivos de um falso cristo para que não sejamos enganados enquanto estivermos em alerta contra eles. Se tirarmos as palavras do Senhor de seu contexto e acreditarmos que qualquer testemunho do retorno do Senhor é falso, sem nunca buscarmos nem investigarmos, não condenaríamos o retorno do Senhor Jesus? Como então poderíamos acolher o Senhor? Então, se quisermos determinar se este é o retorno do Senhor Jesus, o importante é atentar para a voz do Senhor e discernir o Cristo verdadeiro dos falsos cristos. Sempre ficar em alerta e rejeitar tudo não resolve o problema. A chave para acolher o Senhor é tentar ouvir a Sua voz. O Senhor Jesus disse: ‘Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a Minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele Comigo(Apocalipse 3:20)”.

Depois disso, lemos algumas passagens das palavras de Deus sobre como discernir o Cristo verdadeiro dos falsos cristos. Deus Todo-Poderoso diz: “Se, durante o dia de hoje, surgisse uma pessoa que seja capaz de mostrar sinais e maravilhas, expulsar demônios, curar os doentes e realizar muitos milagres e, se essa pessoa afirmasse que ela é Jesus que veio, então isso seria uma fraude produzida pelos espíritos malignos que imita Jesus. Lembre-se disso! Deus não repete a mesma obra. O estágio da obra de Jesus já foi concluída, e Deus nunca mais realizará aquele estágio da obra. A obra de Deus é irreconciliável com as noções do homem; por exemplo, o Antigo Testamento predisse a vinda de um Messias, e o resultado dessa profecia foi a vinda de Jesus. Isso já tendo acontecido, seria errado se outro Messias viesse novamente. Jesus já veio uma vez, e seria errado se Jesus viesse novamente desta vez. Existe um nome para cada era, e cada nome contém a caracterização daquela era. Nas noções do homem, Deus deve sempre mostrar sinais e maravilhas, deve sempre curar os doentes e expulsar demônios e deve sempre ser igual a Jesus. Mas desta vez, Deus não é nada assim. Se, durante os últimos dias, Deus ainda mostrasse sinais e maravilhas e ainda expulsasse demônios e curasse os doentesse Ele fizesse exatamente o mesmo que Jesusentão Deus estaria repetindo a mesma obra, e a obra de Jesus não teria significado nem valor. Assim, Deus realiza um estágio de obra em cada era. Uma vez que cada estágio de Sua obra foi concluído, logo ele é imitado por espíritos malignos e, depois que Satanás começa a seguir os passos de Deus, Deus adota um método diferente. Uma vez que Deus completou um estágio de Sua obra, ele é imitado por espíritos malignos. Isso deve estar claro para vocês(A Palavra, vol. 1: A aparição e a obra de Deus, “Conhecer a obra de Deus hoje”). “Aquele que é Deus encarnado há de possuir a essência de Deus e Aquele que é Deus encarnado há de possuir a expressão de Deus. Uma vez que Se torna carne, Deus há de levar adiante a obra que intenciona fazer, e, já que Deus Se torna carne, Ele há de expressar o que Ele é e de ser capaz de trazer a verdade ao homem, de conceder-lhe vida e de lhe indicar o caminho. A carne que não contém a essência de Deus decididamente não é o Deus encarnado; disso não há dúvida. Se o homem pretende inquirir se é a carne de Deus em pessoa, então deve corroborar isso a partir do caráter que Ele expressa e das palavras que Ele profere. O que quer dizer que, para corroborar se é ou não a carne de Deus em pessoa e se é ou não o verdadeiro caminho, é preciso discriminar com base em Sua essência. E assim, ao determinar se é a carne do Deus em pessoa, a chave está em Sua essência (Sua obra, Suas declarações, Seu caráter e muitos outros aspectos), em vez de na aparência exterior. Se o homem examina apenas a Sua aparência exterior e, como resultado, ignora a Sua essência, isso demonstra que o homem é inculto e ignorante(A Palavra, vol. 1: A aparição e a obra de Deus, “Prefácio”). Depois de ler as palavras de Deus, eu comunguei: “As palavras de Deus são muito claras. Distinguir o Cristo verdadeiro dos cristos falsos deve ser feito a partir da obra, das palavras de Deus e do caráter que Ele expressa. Isso é porque a essência de Cristo é o caminho, a verdade e a vida. Ele concede a verdade à humanidade e exsuda o caráter de Deus. Ele faz a obra de redenção e salvação. Quando o Senhor Jesus operou, Ele deu à humanidade o caminho do arrependimento. Ele nos ensinou a confessar e a nos arrepender, a amar os outros como a nós mesmos, a ser tolerantes e pacientes. Ele também mostrou muitos sinais e maravilhas, curando os enfermos, expulsando demônios, ressuscitando os mortos, fazendo paralíticos voltarem a andar. Ele concedeu graça infinita ao homem, permitiu que provássemos do amor e da misericórdia de Deus e víssemos Seu poder e autoridade. No fim, o Senhor Jesus foi pregado na cruz, completando a obra de redenção. A partir das palavras e da obra do Senhor e do caráter que Ele expressou, podemos ver que Ele tinha uma essência divina, que Ele era Deus encarnado. Agora, Ele retornou nos últimos dias como Deus Todo-Poderoso. Ele expressa a verdade e está fazendo a obra de julgar e purificar a humanidade. As palavras de Deus Todo-Poderoso são ricas e abundantes, elas revelam tantos mistérios e verdades, por exemplo, como podemos escapar dos laços do pecado, como buscar mudança de caráter e ser plenamente salvo, e o desfecho e o destino do homem. Ele nos apontou para a senda para sermos salvos e entrarmos no reino de Deus. Deus Todo-Poderoso também julga e expõe a verdade de como Satanás corrompe a humanidade, desnudando os caracteres satânicos do homem que são contra Deus, como a arrogância, a astúcia e a maldade. Ele também revela Seu caráter justo, que não tolera ofensa. Suas palavras nos mostram as sendas de prática e entrada, por exemplo, como sermos pessoas honestas, como nos dedicarmos ao nosso dever, como nos submetermos a Deus. Ao comer e beber as palavras de Deus e experimentar o julgamento e o castigo de Deus, os caracteres de Seu povo escolhido mudam, e ele tem muitas experiências e testemunhos. A obra e as palavras de Deus Todo-Poderoso nos mostram que Ele é Cristo dos últimos dias, Ele é o Próprio Deus. Deus Todo-Poderoso é o retorno do Senhor. Mas falsos cristos são, em essência, espíritos malignos. Eles não possuem a verdade e não conseguem salvar nem purificar as pessoas. Tudo que podem fazer é desviar as pessoas mostrando sinais e maravilhas. Podemos ver que falsos cristos não possuem a essência de Cristo e não conseguem fazer a Sua obra. Todos eles se chamam de Deus, mas são falsos e só podem enganar as pessoas temporariamente”.

Depois de ouvir minha comunhão, Li Ping disse: “O que você lê é ótimo — muito convincente. Não me surpreende que o pastor disse que seríamos atraídos assim que ouvíssemos o que vocês pregam. Eu gosto muito do que ouvi de vocês, mas ainda preciso refletir sobre isso”. Eu respondi: “Irmã, ao longo de todos esses anos de fé, nós não temos ansiado pelo retorno do Senhor? Espero que você aborde isso com cautela. Se você perder sua chance de ser salva por Deus, você se arrependerá pelo resto da sua vida”. Depois disso, não importava como comungássemos, ela não reagia nem dizia mais nada. Eu me senti esgotada, e minha paciência estava no fim. Pensei que, já que ela não o aceitava após tanta comunhão, não havia nada que pudéssemos fazer. Mas esse pensamento me deixou incomodada. Lembrei-me de algo que Deus disse: “Você está ciente do fardo sobre seus ombros, da sua comissão e da sua responsabilidade? Onde está seu senso de missão histórica? Como você servirá adequadamente como mestre na próxima era? Você tem um forte senso do papel de mestre? Como explicaria o mestre de todas as coisas? Será que é mesmo o mestre de todas as criaturas vivas e de todas as coisas físicas no mundo? Quais são os seus planos para o progresso da próxima fase da obra? Quantas pessoas estão à sua espera para que você seja seu pastor? A sua tarefa é pesada? Elas são pobres, lastimáveis, cegas e perdidas, lamentando na escuridãoonde está o caminho? Como anseiam para que a luz, como uma estrela cadente, desça repentinamente e disperse as forças da escuridão que oprimem a humanidade há tantos anos! Quem pode saber a extensão de sua esperança ansiosa, e como anelam, dia e noite, por isso? Mesmo num dia em que a luz passa brilhando, essas pessoas profundamente sofridas permanecem presas em um calabouço escuro sem esperança de libertação; quando deixarão de chorar? Terrível é o infortúnio desses espíritos frágeis, que nunca receberam descanso e que, há muito tempo, são mantidos presos nesse estado por laços impiedosos e história congelada. E quem já ouviu o som dos seus lamentos? Quem já contemplou seu estado miserável? Alguma vez já lhe ocorreu como o coração de Deus está entristecido e ansioso? Como Ele pode suportar ver a humanidade inocente, que Ele criou com Suas próprias mãos, sofrer tamanho tormento? Afinal de contas, os seres humanos são as vítimas que foram envenenadas. E, embora o homem tenha sobrevivido até hoje, quem poderia saber que a humanidade foi, há muito tempo, envenenada pelo maligno? Você se esqueceu de que é uma das vítimas? Em nome de seu amor a Deus, você não está disposto a se esforçar para salvar esses sobreviventes? Você não está disposto a dedicar toda a sua energia para retribuir ao Deus que ama a humanidade como Sua própria carne e sangue? No fim das contas, como você interpretaria ser usado por Deus para viver sua vida extraordinária? Você realmente tem a determinação e a confiança para viver a vida significativa de uma pessoa piedosa, que serve a Deus?(A Palavra, vol. 1: A aparição e a obra de Deus, “Como você deve cuidar de sua missão futura”). As palavras de Deus nos dizem como Ele está triste e ansioso, que Ele espera que todos os crentes verdadeiros de cada denominação, que todos que estão nas trevas, ansiando amargamente pelo retorno do Senhor, ouçam logo a voz de Deus e voltem para a Sua casa. Mas quando uma receptora potencial do evangelho, enganada pelo seu pastor e presa a noções religiosas, esteve bem na minha frente, eu não consegui comungar a verdade nem a orientar com paciência. Eu estava delimitando-a e desistindo dela com indiferença. Onde estavam meu amor e meu senso de responsabilidade? Pensei em como eu costumava ansiar pelo retorno do Senhor diariamente. Eu temia ser enganada por um falso cristo, assim, quando alguém deu testemunho de que o Senhor tinha retornado, eu não ousei investigar. Era uma estrada cheia de buracos. Eu tive a sorte de aceitar a obra de Deus dos últimos dias antes de Li Ping, portanto, era minha responsabilidade, meu dever compartilhar, o evangelho com ela. Eu também não aceitei este estágio da obra num piscar de olhos. No início, eu também tive muitas noções. Os irmãos comungaram comigo com paciência repetidas vezes antes de eu ter a sorte de vir para diante de Deus. Mas eu não queria me colocar no lugar dela e ver as coisas do ponto de vista dela. Faltavam-me amor e paciência, e eu não estava cumprindo minha responsabilidade. Enquanto houvesse um pingo de esperança e ela estivesse inclinada a buscar e investigar, eu tinha que pensar em algum jeito de continuar comungando com ela. Só isso era cumprir a minha responsabilidade. Quando pensei sobre isso desse jeito, eu senti simpatia por ela. Acolher o Senhor é algo importante, que diz respeito ao nosso desfecho. A abordagem cautelosa dela era muito normal. Eu só tinha feito algumas viagens adicionais e, quando vi que Li Ping tinha muitas noções, eu quis delimitá-la e desistir dela. Eu fui tão arrogante e insensata. Eu me senti péssima e muito culpada quando pensei sobre isso desse jeito. Orei e jurei a Deus que eu continuaria compartilhando o evangelho com ela e que faria de tudo para trazê-la para diante de Deus.

Voltei para a casa de Li Ping com a irmã Cheng Aizhen alguns dias depois. Ela nos recebeu calorosamente assim que nos viu, dizendo: “Irmãs, vocês já comeram? Senão, prepararei algo. É um dia tão frio — sintam-se em casa”. Quando vimos a atitude dela mudar tão rápido, Aizhen e eu também fomos pegas de surpresa. Eu tinha me perguntado se ela nos receberia ou não. A meia-volta na atitude dela foi inesperada. Quando nos sentamos, Li Ping compartilhou conosco o que ela estava pensando: “Tenho refletido ao longo desses últimos dias. Vocês vieram compartilhar o evangelho comigo repetidas vezes. Se não tivessem fé no caminho verdadeiro, se isso não viesse do Espírito Santo, como vocês poderiam ter tanto amor e paciência? Também estive pensando que todas as vezes que vocês vieram, eu não as ouvi nem lhes ofereci hospitalidade, mas só ouvia meu pastor, temendo ser enganada por um falso cristo. Eu não estava buscando a voz de Deus. Eu não estava investigando seu testemunho de que o Senhor retornou, mas me escondia quando as via. Como eu poderia acolher o Senhor desse jeito? Tenho sido tão tola e arrogante!”. Fiquei muito comovida ao ouvi-la dizer isso e agradeci a Deus sem parar no meu coração. Lembrei-me de algo que Deus disse: “O coração e o espírito do homem são guardados na mão de Deus, tudo de sua vida é observado pelos olhos de Deus. Não importa se você acredita nisso ou não, todas as coisas, vivas ou mortas, vão se transformar, mudar, se renovar e desaparecer de acordo com os pensamentos de Deus. Tal é a maneira pela qual Deus preside sobre todas as coisas(A Palavra, vol. 1: A aparição e a obra de Deus, “Deus é a fonte da vida do homem”). Naquele dia, também conversamos sobre como não podemos entrar no reino de Deus se fomos apenas redimidos do pecado e não aceitamos o julgamento de Deus nos últimos dias. Eu disse: “Crer no Senhor, confessar e se arrepender só significa que o Senhor nos redime e não nos vê como sendo do pecado, mas não significa que estamos livres do pecado. Ainda vivemos num ciclo de pecar e confessar. Se nossos caracteres corruptos não forem resolvidos, continuaremos pecando e resistindo a Deus e não poderemos entrar no Seu reino. A Bíblia diz: ‘Sem santificação, ninguém verá o Senhor(Hebreus 12:14). ‘Sereis pois santos, porque Eu sou santo(Levítico 11:45). ‘Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é escravo do pecado. Ora, o escravo não fica para sempre na casa; o filho fica para sempre(João 8:34-35). Deus é santo e Ele não permitirá que humanos imundos manchem terra santa, mas não conseguimos nos impedir de pecar o tempo todo. Como podemos entrar no reino de Deus quando estamos cheios de corrupção e presos ao pecado? Só Deus pode nos salvar. Nos últimos dias, Deus aparece e opera, expressando verdades e fazendo a obra de julgamento para resolver a corrupção da humanidade, libertar plenamente as pessoas dos grilhões do pecado e nos purificar da corrupção para que, no fim, possamos entrar na terra santa de Deus”. Emocionada, Li Ping disse: “Então, se queremos ser purificados, devemos experimentar o julgamento de Deus dos últimos dias, caso contrário nossos caracteres corruptos nunca mudarão”. Fiquei tão feliz por ela ser capaz de entender isso.

Então comungamos como discernir pastores religiosos, fariseus. Lemos algumas passagens das palavras de Deus Todo-Poderoso. Deus Todo-Poderoso diz: “Basta olhar para os líderes de cada denominaçãosão todos arrogantes e hipócritas, e suas interpretações da Bíblia carecem de contexto e são guiadas por suas noções e imaginações. Eles todos se fiam em seus dons e em sua erudição para realizar seu trabalho. Se fossem incapazes de pregar qualquer coisa, as pessoas os seguiriam? Afinal de contas, eles possuem certo conhecimento e conseguem pregar sobre alguma doutrina ou sabem como conquistar as pessoas e como usar alguns artifícios. Eles usam isso para enganar as pessoas e para trazê-las para diante de si mesmos. Nominalmente, essas pessoas acreditam em Deus, mas, na realidade, seguem seus líderes. Quando encontram alguém pregando o caminho verdadeiro, algumas dizem: ‘Temos que consultar nosso líder sobre a nossa fé’. Veja como as pessoas ainda precisam do consentimento e da aprovação dos outros quando acreditam em Deus e aceitam o caminho verdadeiroisso não é um problema? Então, no que esses líderes se transformaram? Será que não se tornaram fariseus, falsos pastores, anticristos e pedras de tropeço impedindo que as pessoas aceitem o caminho verdadeiro?(A Palavra, vol. 3: As declarações de Cristo dos últimos dias, “Parte 3”). “Existem aqueles que leem a Bíblia em igrejas majestosas e a recitam o dia inteiro, mas nem um deles entende o propósito da obra de Deus. Nem um deles é capaz de conhecer Deus; menos ainda pode qualquer um deles estar de acordo com a vontade de Deus. Todos eles são pessoas inúteis e vis, cada uma se empinando para repreender a Deus. Eles intencionalmente se opõem a Deus mesmo quando carregam o estandarte Dele. Afirmando ter fé em Deus, ainda comem a carne e bebem o sangue do homem. Todas as pessoas assim são diabos que devoram a alma do homem, demônios chefes que deliberadamente se interpõem aos que tentam entrar na senda certa e pedras de tropeço que impedem os que buscam a Deus. Elas podem parecer ter uma ‘constituição robusta’, mas como os seus seguidores podem saber que não passam de anticristos que levam as pessoas a ficarem contra Deus? Como os seus seguidores podem saber que esses anticristos são diabos vivos dedicados a devorar as almas humanas?(A Palavra, vol. 1: A aparição e a obra de Deus, “Todos os que não conhecem a Deus são pessoas que se opõem a Deus”). Eu comunguei: “As palavras de Deus Todo-Poderoso revelam incisivamente a natureza e a essência dos líderes religiosos, que são contra Deus. No passado, não tínhamos nenhum discernimento sobre o clero. Achávamos que eles conheciam bem a Bíblia, que eles tinham estatura e entendiam a verdade, por isso nós os ouvíamos cegamente. Fazíamos tudo que eles arranjavam. Víamos as palavras dos nossos pastores como mais importantes do que as do Senhor, e algo tão grande quanto acolher o Senhor precisava ter a aprovação deles. Se não tivesse, não ousávamos buscar nem aceitar, mesmo se ouvíssemos a voz do Senhor. Nós os admirávamos demais. Não éramos crentes nem seguidores. Agora, os fatos nos mostraram que, quando líderes no mundo religioso ouvem o testemunho do retorno do Senhor Jesus, eles não guiam os crentes a investigarem, mas os enganam com todos os tipos de mentiras e os impedem de investigar o caminho verdadeiro. Eles só têm um objetivo: impedir que os crentes aceitem a salvação de Deus dos últimos dias, mantê-los firmemente sob seu controle e arrastá-los para o Inferno com eles. Esse seu comportamento nos mostra que sua essência é contra Deus, que eles são demônios que devoram a alma das pessoas. É como disse o Senhor Jesus: ‘Mas ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque fechais aos homens o reino dos céus; pois nem vós entrais, nem aos que entrariam permitis entrar(Mateus 23:13)”. A resposta de Li Ping foi: “Se Deus não tivesse encarnado, aparecido e operado nos últimos dias, expressando verdades, expondo a hipocrisia desses líderes religiosos, nós nunca veríamos sua face verdadeira, sua malícia e hipocrisia, mas continuaríamos sendo seduzidos por eles. Que tolice!”. Foi graças a Deus que ela teve discernimento sobre o pastor dela. Depois disso, Li Ping leu muitas das palavras de Deus Todo-Poderoso e nós comungamos os três estágios da obra de Deus, por que Deus encarnou para operar nos últimos dias, como experimentar o julgamento de Deus para ser purificado e outros aspectos da verdade.

Depois de algum tempo de busca e investigação, ela teve certeza de que Deus Todo-Poderoso é o retorno do Senhor Jesus. Mas o que não esperávamos era que, logo após ter certeza da obra de Deus, o pastor dela descobrisse.

Uma noite, assim que nos sentamos, ouvimos uma batida urgente à porta. Li Ping viu muitos pés pela fenda da porta e disse, em pânico: “Ah não, eles disseram que levariam vocês à beira da morte se conseguissem pegá-las e as entregariam à polícia. Não posso permitir que eles vejam vocês”. Ela nos escondeu imediatamente e logo depois sete ou oito pessoas invadiram a casa. Furiosos e falando todos ao mesmo tempo, eles disseram: “Onde estão elas? Vimos que duas pessoas vieram à sua casa e que não saíram. Devem estar aqui. Quebraremos seus braços e pernas quando as acharmos”. Por uma fenda pequena, eu conseguia ver suas expressões cruéis, iguais a lobos. Eles começaram a procurar por toda parte, no pátio, sob as camas, no chiqueiro, em todo canto. Quando se aproximaram de onde nós estávamos, apontando suas lanternas para todos os lados, e quando chegaram quase à minha frente, meu coração palpitou de medo. Se nos encontrassem, se não nos espancassem até a morte, eles nos deixariam mutiladas. Rapidamente, fiz uma oração a Deus, não ousando me afastar Dele nem por um momento. Eu sabia que Deus era a minha rocha, e tudo que fizessem comigo naquele dia estava nas mãos Dele. Eles não poderiam fazer nada comigo se Deus não o permitisse. Quando pensei nisso, meu medo diminuiu. Eles procuraram em muitos lugares, mas não nos encontraram. Isso foi a proteção de Deus! Então ouvi alguém dizer enfurecido: “Isso é estranho. Duas pessoas vieram à sua casa e não saíram. Por que não conseguimos encontrá-las?”. Li Ping os repreendeu com raiva: “Seu comportamento me mostra que vocês não são crentes. Elas vieram compartilhar o evangelho, mas é como se tivessem entrado numa cova de lobos, enfrentando xingamentos ou uma surra. O Senhor Jesus nos ensinou a amar os outros como a nós mesmos. Com base em seu comportamento, vocês não chegam nem aos pés dos incrédulos. Agora vi o que vocês realmente são. Vocês realmente são cristãos? Vocês são fariseus”. Eles foram embora com raiva quando ela disse isso. Aizhen e eu ficamos muito felizes quando ela disse isso. Finalmente ela discerniu esses líderes religiosos e não foi mais enganada nem perturbada por eles. Quando foram embora, Li Ping disse emocionada: “Depois da interrupção deles, vi quem realmente são. Eles são anticristos, inimigos de Deus. Por mais que me assediem, eu seguirei Deus Todo-Poderoso”. Fiquei realmente comovida ao ouvi-la dizer isso e agradeci a Deus sem parar.

Essa experiência me deu uma visão mais clara dos rostos demoníacos dos líderes religiosos de resistir a Deus. Eles não querem buscar nem investigar a obra de Deus, e eles vão ao extremo quando ouvem alguém dando testemunho do retorno do Senhor e o levam até a porta da morte. Eles não são crentes. São anticristos, fariseus que estão fartos da verdade, que a odeiam. Também vi os feitos maravilhosos de Deus, e isso fortaleceu a minha fé. Não importa as dificuldades que eu enfrente ao compartilhar o evangelho, contanto que haja um receptor potencial do evangelho, eu deveria recorrer ao amor e à paciência para dar testemunho da obra e das palavras de Deus para que ele possa ouvir a voz de Deus e aceitar Sua salvação dos últimos dias. Esse é o único jeito de cumprir meu dever e responsabilidade.

Todos os dias temos 24 horas e 1440 minutos. Você está disposto a dedicar 10 minutos para estudar o caminho de Deus? Você está convidado a se juntar ao nosso grupo de estudo.👇

Conteúdo relacionado

Leave a Reply

Conecte-se conosco no Whatsapp