Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

O que é arrebatamento?

23

Por Zhang Li

Chen Li estava caminhando para casa após uma reunião quando pensou naquilo que a irmã Wang tinha acabado de lhe dizer sobre o fato de o Senhor Jesus já ter retornado, pedindo que Chen Li fosse até a sua casa naquela tarde para ouvir um sermão. Lembrando o que ela tinha dito, Chen Li perguntou a si mesma: “O Senhor Jesus nos deu uma promessa: ‘Vou preparar-vos lugar. E, se eu for e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos tomarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também’ (João 14:2-3). Ele voltou para o Céu numa nuvem branca, portanto, o lugar que Ele está preparando para nós deve estar no céu, e quando o Senhor retornar, Ele nos levará diretamente para o reino dos céus. Além disso, os pastores e presbíteros costumam dizer que, quando Ele retornar, nós seremos arrebatados e encontraremos o Senhor — estaremos juntos com Ele. Se o Senhor Jesus já tivesse retornado, nós deveríamos ter sido arrebatados por Ele, por que, então, ainda estamos na terra?” Esse pensamento fez Chen Li franzir as sobrancelhas, com dúvidas estampadas em seu rosto.

Naquele momento, alguém atrás de Chen Li de repente tocou seu ombro. Ela olhou para trás e viu que era sua boa amiga Han Meihua — elas não tinham se visto havia anos. Chen Li se lembrou que Han Meihua viajava pela região pregando e que ela tinha um entendimento bastante puro da Bíblia e que, quando lia as Escrituras, muitas vezes, ela tinha um novo esclarecimento e entendimento. Ela percebeu que essa oportunidade era o arranjo do Senhor, então ela se apressou a compartilhar seu dilema e convidou Han Meihua para a sua casa.

O arrebatamento é realmente ser elevado para o céu?

O que é arrebatamento?

Chen Li ofereceu a Han Meihua um copo d’água e se sentou ao lado dela. Han Meihua olhou para Chen Li e disse solenemente: “Irmã Chen, a pergunta que você acabou de fazer é essencial para a nossa capacidade de acolher o Senhor. Recentemente, estive numa reunião com alguns outros colaboradores e ganhei algum entendimento dessa questão por meio da nossa comunhão”. Os olhos de Chen Li começaram a brilhar — ela não via a hora de ouvir sua comunicação. Han Meihua continuou: “Sempre estivemos esperando que o Senhor viesse e nos arrebatasse para o reino dos céus, onde nos encontraríamos com o Senhor. Mas alguma vez já nos perguntamos se esse tipo da nossa crença está em linha com a verdade e a realidade da obra de Deus? Ser arrebatado realmente significa ser elevado para o céu? O Senhor Jesus disse: ‘Ora, ninguém subiu ao céu, senão o que desceu do céu, o Filho do homem, que está no céu’ (João 3:13). O Senhor nos disse claramente que, além Dele, nenhum homem tem subido para o céu. O céu é a morada de Deus, e apenas Deus pode ascender para as maiores alturas, como, então, nós, seres humanos corruptos, poderíamos ascender para as maiores alturas e ver Deus? Além disso, no início, Deus criou as pessoas na terra, como está registrado em Gênesis 2:7-8: ‘E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou-lhe nas narinas o fôlego da vida; e o homem tornou-se alma vivente. Então plantou o Senhor Deus um jardim, da banda do oriente, no Éden; e pôs ali o homem que tinha formado’. Deus usou o pó da terra para criar nossos ancestrais Adão e Eva e então Ele os colocou no Jardim de Éden. Isso nos mostra que o âmbito da vida que Deus ordenou para nós está na terra, não no céu. Podemos verificar isso também através dos fatos da obra de Deus. Quando Deus destruiu a terra com o dilúvio, Ele quis salvar Noé, mas Ele não o arrebatou para o céu para que escapasse do dilúvio. Em vez disso, ordenou que Noé construísse a arca e fez com que ele e seus outros sete membros da família aguardassem nela o fim do dilúvio. Quando o dilúvio passou, Noé e sua família continuaram a viver e florescer na terra. Havia também os israelitas escravizados pelo faraó no Egito. Eles clamaram a Deus para que Ele os tirasse de sua vida de sofrimento, e Deus respondeu ao seu clamor, mas Ele não os arrebatou para o céu. Em vez disso, usou Moisés para tirá-los do Egito e, depois disso, decretou as leis e os mandamentos através de Moisés para guiar os israelitas em sua vida na terra. No final da Era da Lei, os israelitas estavam enfrentando os perigos da condenação e da morte por causa das violações da lei. Deus queria salvar a humanidade do pecado, mas Ele não levou as pessoas diretamente para o céu ou fez com que subissem por conta própria para obter uma oferta pelo pecado. Em vez disso, Ele se tornou carne pessoalmente como Senhor Jesus e veio para a terra, onde Ele foi crucificado e se tornou a oferta pelo pecado para a humanidade. Tudo isso mostra que, ao longo dos milênios da obra de Deus, tudo tem sido feito na terra, e nós seres humanos sempre temos vivido na terra e temos acreditado e adorado a Deus na terra. É aqui que experimentamos a obra e as palavras de Deus — ninguém jamais foi arrebatado para o céu.

“E não é só isso. A Bíblia profetiza claramente que, nos últimos dias, o reino de Deus será estabelecido na terra, exatamente como no Pai Nosso, que o Senhor Jesus nos ensinou: ‘Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o teu nome; venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu’ (Mateus 6:9-10). E em Apocalipse 21:2-3, encontramos a profecia: ‘E vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que descia do céu da parte de Deus, […] Eis que o tabernáculo de Deus está com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e Deus mesmo estará com eles, e será o seu Deus’. E há outra no capítulo 11, versículo 15: ‘O reino do mundo passou a ser de nosso Senhor e do seu Cristo, e Ele reinará pelos séculos dos séculos’. E, além disso, há essas coisas das palavras e profecias do Senhor Jesus: ‘venha o teu reino’, ‘o tabernáculo de Deus está com os homens’ e ‘a nova Jerusalém, que descia do céu da parte de Deus’. Tudo isso mostra que, quando o Senhor Jesus retornar, Ele estabelecerá Seu reino na terra, não no céu. Deus viverá entre os homens na terra, e todas as nações da terra se tornarão nações de Cristo por toda a eternidade. Irmã Chen, agora você tem uma clareza maior sobre isso, certo? Quando o Senhor Jesus retornar para a terra nos últimos dias, Ele executará a vontade de Deus e estabelecerá o Seu reino. Mas nós, seres humanos corruptos, meros mortais, sempre queremos ser arrebatados para o céu e encontrar o Senhor nas alturas. Isso não é totalmente irrealista? Isso não é contrário à vontade do Senhor? Isso nos mostra que nossa ideia de sermos arrebatados para o céu no retorno do Senhor e de O encontrarmos nas alturas de forma alguma está em linha com as palavras do Senhor nem com as profecias bíblicas. É nada mais do que nossas próprias noções e imaginação! Se continuarmos a insistir nisso e jamais nos deixarmos convencer, nunca seremos capazes de ser arrebatados para diante do Senhor!”

Ao ouvir isso, Chen Li ficou maravilhada e disse: “Graças ao Senhor! Com essa comunicação, entendo agora. Então, durante todo esse tempo, Deus tem operado e guiado a humanidade na terra, e sempre O seguimos e adoramos na terra, não no téu. O Senhor Jesus também nos instruiu a orar para que a vontade de Deus seja feita na terra, e há várias profecias no livro de Apocalipse segundo as quais, nos últimos dias, Deus estabelecerá Seu reino na terra. Mas nós não temos contemplado e buscado dentro das palavras do Senhor, em vez disso, temos esperado cegamente que o Senhor viesse e nos arrebatasse para o céu. Isso é totalmente contrário às palavras de Deus! Então isso significa que a nossa espera pelo Senhor para que Ele venha e nos arrebata para o céu para que possamos encontrá-lo nas alturas não está em linha com a vontade de Deus, mas é apenas a nossa própria noção, nossa própria imaginação. Ah, Meihua, já que o arrebatamento não significa que seremos levados para o céu para nos encontrarmos com o Senhor nas alturas, ao que ele se refere realmente? Eu gostaria de ouvir mais comunicação”.

O significado verdadeiro do arrebatamento

O que é arrebatamento? O verdadeiro significado do arrebatamento na Bíblia

Han Meihua sorriu e disse: “No que diz respeito ao arrebatamento, existe um mistério aqui que nós, os seres humanos, não conseguimos enxergar nem explicar claramente. No entanto, após ler algo num livro recentemente, entendi o que o arrebatamento realmente é. Sugiro darmos uma olhada juntas”. Ao ouvir isso, Chen Li consentiu com alegria, e Han Meihua tirou um livro de sua bolsa enquanto falava. Ela o abriu e leu o seguinte: “‘Ser apanhado’ não é ser levado de um lugar baixo para um lugar alto, como as pessoas imaginam. Esse é um grande engano. Ser apanhado refere-se à Minha predestinação e seleção. Destina-se a todos aqueles a quem predestinei e escolhi. […] Os que partilham da Minha casa no futuro são todos aqueles que foram apanhados diante de Mim. Essa é a verdade absoluta, imutável, que não pode ser refutada por ninguém. É o contra-ataque a Satanás. Qualquer um que predestinei será apanhado diante de Mim” (do capítulo 104 de “Declarações de Cristo no princípio”). Então, Han Meihua compartilhou esta comunicação: “Essa passagem nos mostra que ser arrebatado não é, de forma alguma, aquilo que imaginávamos, elevar as pessoas da terra para o céu ou ser levantado para as alturas para encontrar o Senhor. Em vez disso, refere-se ao tempo em que o Senhor Jesus retorna para a terra e em que todos que foram predeterminados, selecionados por Deus serão capazes de reconhecer a Sua voz a partir de Suas palavras e aceitarão e se submeterão à nova obra de Deus. Eles seguirão os passos de Deus e serão arrebatados para diante do trono de Deus. Esse é o verdadeiro significado de arrebatamento.

“Estamos agora nos últimos dias, e o Senhor Jesus profetizou que Ele retornaria. Ele também nos disse claramente: ‘Ainda tenho muito que vos dizer; mas vós não o podeis suportar agora. Quando vier, porém, aquele, o Espírito da verdade, ele vos guiará a toda a verdade’ (João 16:12-13). ‘Quem me rejeita, e não recebe as minhas palavras, já tem quem o julgue; a palavra que tenho pregado, essa o julgará no último dia’ (João 12:48). ‘Porque o Pai a ninguém julga, mas deu ao Filho todo o julgamento’ (João 5:22). E 1 Pedro 4:17 diz: ‘Porque já é tempo que comece o julgamento pela casa de Deus’. E em Hebreus 9:28 lemos: ‘Assim também Cristo, oferecendo-se uma só vez para levar os pecados de muitos, aparecerá segunda vez, sem pecado, aos que o esperam para salvação’. Essas profecias mostram que, quando o Senhor retornar nos últimos dias, Ele professará mais palavras e realizará a obra de julgamento, a começar pela casa de Deus, guiando-nos para entrar em todas as verdades, permitindo-nos a alcançar a salvação plena de Deus. Apenas se aceitarmos a obra de julgamento de Deus nos últimos dias e se acompanharmos Seus passos, poderemos ganhar a salvação de Deus dos últimos dias, ser arrebatados para diante de Deus e participar do banquete nupcial do Cordeiro. É como na parte final da Era da Lei, quando o Senhor Jesus veio para realizar a obra da redenção, e Pedro, João, Mateus e outros saíram da Era da Lei e aceitaram a salvação do Senhor Jesus — eram pessoas que foram arrebatadas para diante de Deus. Agora que estamos nos últimos dias, se formos capazes de buscar e aceitar a obra do Senhor Jesus retornado, isso é ser arrebatado para diante de Deus!”

Ao ouvir isso, Chen Li repentinamente viu a luz e disse: “Uau! Então o arrebatamento se refere à vinda de Deus para operar e às pessoas buscando e aceitando Sua nova obra, acompanhando os passos do Cordeiro. Graças ao Senhor! Meihua, eu também li aquelas mesmas profecias várias vezes, mas nunca recebi a luz que você acaba de compartilhar a partir delas. Agora entendo que, quando o Senhor Jesus retornar nos últimos dias, Ele professará novas palavras e fará a obra de julgamento, a começar pela casa de Deus. Ser verdadeiramente arrebatado é aceitar a obra nova de Deus dos últimos dias e acompanhar os passos do Cordeiro. O fato de Deus operar dessa maneira é tão prático! Agora que penso em como não temos entendido a obra de Deus, mas apenas ansiado pelo arrebatamento para o céu e pelo encontro com o Senhor nas alturas, vejo como isso é absurdo. Então, parece que crer no Senhor sem entender a verdade significa que não há como agir de acordo com a vontade de Deus! Ei, Meihua, já que o Senhor realizará uma nova obra quando Ele vier nos últimos dias, o que devemos fazer para podermos acolher o Senhor e sermos arrebatados para diante de Seu trono?”

Han Meihua sorriu e disse: “Graças ao Senhor! Na verdade, o Senhor Jesus apontou a senda para nós muito tempo atrás. O Senhor Jesus disse: ‘Mas à meia-noite ouviu-se um grito: Eis o noivo! saí-lhe ao encontro!’ (Mateus 25:6). E os capítulos 2 e 3 de Apocalipse profetizam muitas vezes que: ‘Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas’. E o capítulo 3, versículo 20 de Apocalipse diz: ‘Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo’. O Senhor exige que sejamos virgens sábias, para que, quando ouvirmos alguém espalhar a notícia do retorno do Senhor, nós a tratemos com cautela, buscando e investigando com uma mente aberta. Devemos concentrar nossa atenção em ouvir a voz de Deus, e se determinarmos que é a Sua voz, que é uma expressão da verdade e que as palavras contêm autoridade e poder, não devemos perder tempo para aceitá-la. Essa é a única maneira como podemos acolher o Senhor, acompanhar os passos do Cordeiro e ser arrebatados para diante do trono de Deus. Como Pedro, Tiago, João e os outros que seguiram o Senhor Jesus — eles realmente ansiavam ouvir o Senhor Jesus pregar e mantiveram um coração de busca aberto. Reconheceram a voz de Deus a partir da obra e das palavras do Senhor e assim O aceitaram e seguiram, por fim recebendo a salvação do Senhor. Mas os fariseus, que odiavam a verdade, viram claramente que a obra e as palavras do Senhor Jesus continham autoridade e poder e que vinham de Deus, mas, visto que Sua obra e palavras não estavam alinhadas com suas noções e imaginações, eles se opuseram loucamente e O condenaram, pregando o Senhor Jesus na cruz. Isso lhes trouxe a punição de Deus. Então, devemos aprender essa lição do fracasso dos fariseus e ser virgens sábias, que se concentram em ouvir a voz de Deus. Quando ouvirmos notícias de que o Senhor retornou e está fazendo uma nova obra, devemos buscar e investigar isso proativamente; essa é a única maneira de termos a chance de sermos arrebatados para diante de Deus. Se nos agarrarmos cegamente às nossas noções e imaginações e não nos concentrarmos em ouvir a voz de Deus, se não buscarmos ou investigarmos a nova obra de Deus, isso fará de nós virgens tolas, e perderemos a nossa chance de sermos arrebatados!”

Entusiasmada, Chen Li disse: “Graças ao Senhor! Acontece, então, que a chave para sermos arrebatados é se somos capazes de ser virgens sábias e dar importância a ouvir a voz de Deus. Se ouvirmos pessoas pregando que o Senhor retornou, mas arrogantemente nos agarrarmos às nossas próprias noções e imaginações e não nos concentrarmos em ouvir a voz de Deus, não seremos capazes de seguir os passos de Deus. Seremos simplesmente rejeitados e eliminados por Deus. Ah, Meihua, em nossa reunião de hoje, a irmã Wang me disse que o Senhor Jesus já retornou e queria que fosse até a casa dela para ouvir um sermão hoje à tarde. Eu hesitei até agora e não sabia se deveria ir, mas agora que ouvi sua comunicação, acredito que devo ser uma virgem sábia e ir para buscar e investigar o mais rápido possível. Você gostaria de ir comigo?”

Feliz, Han Meihua respondeu: “Maravilha! Vamos agora mesmo!”

Conteúdo Relacionado