Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

A Palavra manifesta em carne

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Busca por

Nenhum resultado encontrado

`

A primeira declaração

Aqueles que testemunham as Minhas palavras realmente as aceitam? Vocês realmente Me conhecem? Vocês aprenderam verdadeiramente a obedecer? Vocês despendem-se sinceramente por Mim? Vocês realmente deram testemunhos fortes e resolutos a Mim diante do grande dragão vermelho? A devoção de vocês humilha verdadeiramente o grande dragão vermelho? Somente através da prova das Minhas palavras Eu posso alcançar o Meu objetivo de purificar a igreja e escolher aqueles que Me amam verdadeiramente. Pois de que outra forma poderia alguém Me entender? Quem é capaz de entender a Minha majestade, a Minha ira e a Minha sabedoria através das Minhas palavras? Eu terminarei o que comecei, porém, ainda sou Eu que mensuro os corações dos homens. Na verdade, homem algum Me entende por completo; por isso, Eu os conduzo com palavras e os levo a uma nova era dessa forma. No fim, Eu concluirei toda a minha obra através das Minhas palavras e levarei de volta para o Meu Reino todos aqueles que Me amam de verdade para viverem perante o Meu trono. A situação não é como já foi um dia, e a Minha obra adentrou um novo ponto inicial. Sendo assim, haverá uma nova abordagem: aqueles que leem a Minha palavra e a aceitam como a sua própria vida são o povo do Meu Reino. Uma vez que estão no Meu Reino, eles são o Meu povo no Reino. Como tais pessoas são conduzidas pelas Minhas palavras, embora sejam referidos como Meu povo, esse título não é, de forma alguma, inferior a serem chamados Meus “filhos”. Como Meu povo, todos devem ser fiéis no Meu Reino e cumprir seus deveres, e, aqueles que ofendem os Meus decretos administrativos devem receber o Meu castigo. Essa é a Minha admoestação a todos.

Como, agora, uma nova abordagem é utilizada, tudo aquilo do passado não precisa ser dito outra vez. Todavia, Eu disse estas palavras: o que Eu disse deve ser levado em consideração, o que é levado em consideração deve ser concluído, e isso não pode ser mudado por pessoa alguma; é absoluto. Seja o que Eu disse no passado ou o que digo no futuro, tudo acontecerá, e toda a humanidade verá. Esse é o princípio por trás da obra das Minhas palavras. Como a construção da igreja já foi realizada, agora, não se trata mais da era da edificação da igreja, mas, sim, da era na qual o Reino é edificado com êxito. Todavia, como vocês ainda estão na terra, as reuniões de vocês continuarão conhecidas como igreja. Contudo, a essência da igreja não é a mesma que já foi um dia e demonstrou êxito verdadeiro. Portanto, Eu digo que o Meu Reino desceu à terra. Ninguém pode compreender a raiz das Minhas palavras, tampouco podem entender o propósito por trás delas. Conforme falo hoje, vocês podem experienciar uma epifania. Talvez, alguns se romperão em lágrimas; outros podem temer ser essa a maneira como Eu falo. Alguns podem manter uma perspectiva antiquada para cada ação Minha; alguns podem arrepender-se de suas reclamações ou resistências a Mim; alguns podem regozijar-se interiormente, pois nunca se desviaram do Meu nome, e agora, hoje, estão restaurados; talvez, algumas pessoas tenham sido abalados por Minhas palavras há muitos anos e pairem entre a vida e a morte, desanimados e abatidos, e não têm mais coração para ouvir as palavras que Eu digo mesmo se Eu optar por uma maneira diferente de expressão. Talvez existam pessoas que sejam tão devotas a Mim que nunca reclamaram, nunca duvidaram e, hoje, são afortunadas o bastante para ganharem a libertação e sentirem gratidão em seus corações por Mim que vai além das palavras. Todos recaem sob essas categorias em níveis variados. No entanto, como o passado é passado, e agora é o presente, não há mais necessidade de ansiar pelo passado nem de se preocupar com relação ao futuro. Dentre os homens, aqueles que vão contra a realidade e não fazem as coisas de acordo com a Minha orientação não chegarão a um fim proveitoso e somente trarão problemas para si mesmos. De tudo o que ocorre no universo, não há nada sobre o que Eu não tenha a palavra final. O que existe que não esteja em Minhas mãos? Tudo o que eu digo, acontece e, dentre os homens, quem é que pode mudar a Minha mente? Poderia ser a aliança que Eu fiz na terra? Nada pode impedir o Meu plano; Eu estou sempre presente em Minhas obras assim como também nos planos da Minha gestão. Que homem pode interferir? Não sou Eu quem faz esses arranjos pessoalmente? Adentrar essa situação, hoje, ainda não desvia dos Meus planos ou daquilo que Eu previ; estava tudo determinado por Mim há muito tempo. Quem dentre vocês pode entender o Meu plano para esta etapa? O meu povo ouvirá a Minha voz e, cada um e todos dentre aqueles que Me amam verdadeiramente retornarão perante o Meu trono.

20 de fevereiro de 1992

Anterior:Introdução

Próximo:A segunda declaração

Coisas que talvez lhe interessem