A tempestade do divórcio debelada

20 de Novembro de 2019

Por Lu Xi, Japão

Em 2015, comecei a acreditar em Deus Todo-Poderoso por influência de uma amiga. Depois de receber a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias, devorei avidamente a palavra de Deus e por meio dela compreendi muitos mistérios da verdade que eu não conhecia antes, tais como: a divisão em três etapas da obra de Deus de salvação da humanidade, a maneira como Deus realiza Sua obra em cada etapa, a relação entre as três etapas, o que é a encarnação e por que Deus deve se tornar carne. Isso aumentou minha convicção de que Deus Todo-Poderoso é o Senhor Jesus retornado. Como eu tinha a orientação das palavras de Deus, não ficava mais assistindo TV como antes e meu marido me disse: “Sua fé em Deus a incentivou a ler, o que é melhor do que assistir novelas coreanas todo dia. Fico muito feliz com isso”. Embora meu marido não frequentasse as assembleias, ele sempre acreditou que existe um Deus, pois sua mãe era crente. Assim, ele também apoiava minha fé em Deus. Normalmente, sempre que eu ganhava alguma iluminação da palavra de Deus, eu a compartilhava com meu marido, e ele também aprovava a minha fé. Mais tarde, meu marido ficou curioso para saber por que eu sempre falava em “Deus Todo-Poderoso” quando sua mãe acreditava no Senhor Jesus, então ele decidiu pesquisar a A Igreja de Deus Todo-Poderoso na internet. Mas, inesperadamente, o que ele viu foi que a internet estava repleta de rumores, falsos testemunhos e blasfêmias contra Deus Todo-Poderoso. Ele ficou profundamente envenenado por aquilo e começou a se opor à minha fé em Deus Todo-Poderoso. Como eu havia lido a palavra de Deus Todo-Poderoso e ouvido a comunhão e os testemunhos de irmãos e irmãs, já estava convicta em meu coração de que Deus Todo-Poderoso é o único Deus verdadeiro e sabia que aquelas coisas na internet não passavam de boatos e mentiras para enganar as pessoas. No entanto, meu marido foi iludido pelos boatos e não conseguiu compreender a realidade da situação. Por mais que eu tentasse convencê-lo e desse testemunho a ele da obra de Deus nos últimos dias, ele não me escutava.

Depois de algum tempo, com a ajuda das repetidas comunhões e testemunhos da irmã Yinghe, ele finalmente concordou relutantemente em examinar a obra de Deus nos últimos dias. No entanto, meu marido era influenciado por sua mãe e relativamente conservador em relação à Bíblia. Assim, para resolver esse problema dele, algumas irmãs recomendaram que eu assistisse com ele ao filme evangélico Divulgue o mistério da Bíblia. No entanto, ao invés disso, tomei a iniciativa de fazê-lo assistir ao filme Rompendo armadilhas, que expõe como o governo do Partido Comunista da China e os anticristos do mundo religioso resistem à obra de Deus. Depois de ver apenas uma parte do filme, ele disse: “O Partido Comunista da China é um governo ateu e a China é um país ateu que sempre perseguiu os crentes religiosos. A Igreja de Deus Todo-Poderoso está sendo reprimida pelo governo do Partido Comunista da China e nós somos apenas um braço, que não é páreo para uma perna. E se voltássemos à China e fôssemos presos? Além disso, há tanta coisa na internet que não sei dizer o que é verdadeiro e o que é falso. Ainda acho que você não deveria acreditar nisso”. Pedi ao meu marido que terminasse de assistir ao filme antes que tomasse sua decisão, mas ele não quis. Vendo que eu insistia em manter minha fé, em certo momento ele avançou sobre mim com raiva e disse: “Se você insiste em acreditar, então acredite, se você quiser ser presa, então seja presa. Mas se você for presa, não diga que sou seu marido! Você não vê a pressão que estou sofrendo? Se eu não acreditar, temo que este seja o verdadeiro Deus, mas se eu acreditar, há todas aquelas coisas na internet e, além disso, eu correria o risco de ser preso. Então, a quem eu devo dar ouvidos?”. Vendo o sofrimento de meu marido por se sentir restringido pelos boatos na internet, percebi o quão nocivos são os rumores e falsos testemunhos fabricados pelo Partido Comunista da China. Eles não só impedem que as pessoas aceitem o verdadeiro caminho, mas também destroem relacionamentos familiares. Aparentemente, essas pessoas que inventam boatos e dão falso testemunho são a prole de Satanás, o diabo, pura e simplesmente!

Um dia, meu marido chegou do trabalho e viu que eu estava em um encontro. Seu semblante se fechou imediatamente e ele abriu a porta e saiu. Quando passou da hora de jantar e ele ainda não havia retornado, comecei a me preocupar. Ele finalmente voltou para casa às 20 horas, mas ainda estava zangado. Eu havia planejado lhe servir o jantar, mas ele me disse friamente: “Não se preocupe! Como você não me escuta e segue mantendo sua fé, a partir de agora, não se meta na minha vida. De agora em diante serei apenas responsável por pagar nossas despesas, e o que eu fizer fora dessa casa não tem nada a ver com você! Mesmo que eu faça algo que decepcione essa família, não é da sua conta!”. Ao ouvir meu marido dizer aquilo, quanto mais eu pensava nisso, mais chateada ficava. Naquela noite fiquei me revirando na cama sem conseguir dormir, constantemente orando a Deus em meu coração: “Ó Deus! Meu marido foi enganado por boatos e está tentando reprimir minha fé em Ti, e está dizendo coisas tão cruéis. O que devo fazer? Por favor, mostra-me o caminho! Não quero me separar de Ti”. Na manhã seguinte, de repente me lembrei de algumas palavras de Deus que havíamos comunicado num encontro: “Em cada passo da obra que Deus faz no interior das pessoas, externamente ela parece ser interações entre pessoas, como se nascesse de arranjos humanos ou de interferência humana. Mas nos bastidores, cada passo da obra e tudo o que acontece, é uma aposta feita por Satanás diante de Deus e requer que as pessoas permaneçam firmes em seu testemunho a Deus. Veja quando Jó foi provado, por exemplo: Nos bastidores, Satanás estava fazendo uma aposta com Deus e o que aconteceu a Jó foram as ações dos homens e a interferência dos homens. Por trás de cada passo que Deus faz em vocês está a aposta de Satanás com Deuspor trás disso tudo há uma batalha. […] Quando Deus e Satanás lutam no reino espiritual, como você deve satisfazer a Deus e como você deve permanecer firme em seu testemunho a Ele? Você deve saber que tudo o que acontece com você é uma grande provação e é o momento em que Deus precisa que você dê testemunho” (de ‘Apenas amando a Deus é que verdadeiramente se crê em Deus’ em “A Palavra manifesta em carne”). A iluminação da palavra de Deus me despertou de certa maneira: durante esse tempo, eu havia concentrado minhas atenções no meu marido, pensando que com tantas fraudes e golpes no mundo hoje, as mentiras e enganos haviam se espalhavam por toda a parte, especialmente por meio das mentiras e declarações falsas divulgadas pelo Partido Comunista da China. Eu achava que uma pessoa minimamente inteligente seria capaz pensar nisso por um segundo e perceber que essas palavras na internet atacando, julgando e condenando Deus Todo-Poderoso são todas mentiras e bobagens, e não deveria ser enganada e confundida por elas. Infelizmente, meu marido acreditou nos boatos que ouviu na internet e eu realmente sentia que ele não deveria ter acreditado. Naquele momento eu não podia mais procurar a raiz do problema fora de mim. Deus estava me provando, usando isso para testar se minha fé Nele era verdadeira ou não, para ver se eu era capaz de me manter firme no verdadeiro caminho ao ser atacada por Satanás, e se eu era ou não capaz de dar testemunho de Deus em meio àquele julgamento. Quando percebi a vontade de Deus, a névoa que havia envolvido meu coração e minha mente se dispersou e meu coração se iluminou bastante.

No dia seguinte, durante o café da manhã, meu marido ainda tinha o mesmo ar severo e não falava comigo, mas como eu tinha a orientação das palavras de Deus, não estava tão preocupada ou assustada quanto no dia anterior. Eu disse a ele calmamente: “Eu acredito em Deus e nunca fiz nada para decepcionar esta família. Se você quer fazer isso, o motivo é a sua vontade de ser degenerado, e não a minha fé em Deus”. Ao me ouvir dizer isso, meu marido adotou um tom mais brando e disse: “Eu não disse aquelas coisas só porque você não me escutava e insistia em manter a sua fé?”. Ele não disse mais nada depois disso e a tempestade passou. Graças a Deus! Foram as palavras de Deus que me deram força para triunfar sobre as tentações de Satanás!

Mas nada que é bom dura para sempre. Um mês depois meu marido começou novamente a ler aqueles boatos na internet. Um dia, ao chegar do trabalho, ele viu que eu estava usando o computador e começou a gritar comigo: “Acho que você enlouqueceu! Já resolvi: ou você desiste de sua fé imediatamente ou vamos nos divorciar. Também já pensei na questão dos nossos dois filhos; você pode ficar com ambos, mas acho que você não poderá ficar no Japão, então leve-os de volta para Xangai! Darei a você nosso apartamento em Xangai e 100.000 ienes por mês de pensão alimentícia. E se você não quiser os filhos, tudo bem também, a escolha é sua! Eu até já pesquisei o processo de divórcio. É só ir à subprefeitura e assinar um acordo de divórcio, então me diga a sua posição!”. Depois de ouvi-lo dizer tudo isso, meu coração disparou e minha cabeça parecia estar zunindo. Fiquei ali sentada, incapaz de dizer alguma coisa, e até me esqueci de orar a Deus. Eu só conseguia pensar no que aconteceria com as crianças se nos divorciássemos. Elas poderiam vir comigo, mas eu não tinha recursos financeiros! Se elas não viessem comigo, seria uma lástima serem criadas sem mãe! E depois havia meus pais, amigos e outros parentes, o que eles pensariam de mim? Originalmente, a ideia de viver no exterior pareceu ser ótima, mas se nos divorciássemos, como meus pais poderiam manter a dignidade diante dos outros? Assim, eu não dei uma resposta ao meu marido; disse apenas que tinha de pensar sobre o assunto. Fui para o meu quarto e comecei a chorar amargamente. Quanto mais eu pensava em minha vida após o divórcio, mais dor eu sentia. Não dormi a noite toda e minhas lágrimas encharcaram minha fronha. No dia seguinte, meu marido saiu para o trabalho sem dizer uma palavra e só então eu vim diante de Deus em oração, pedindo a Ele que me desse mais força para que eu pudesse triunfar sobre a fraqueza da carne. Como eu estava sofrendo muito e não sabia o que fazer, contei a alguns irmãos e irmãs o que havia acontecido. Todos me incentivaram e consolaram, dizendo que eu estava passando por uma das tentações de Satanás, e me ajudaram a aprender a confiar em Deus. Disseram que eu não podia perder minha fé nem interpretar mal a Deus. Também compartilharam comigo as experiências e o testemunho de outros irmãos e irmãs, comunicaram sobre Deus ser Aquele que salva a humanidade e que somente Satanás nos afeta, nos faz sofrer e destrói nossos relacionamentos com outras pessoas. Além disso, leram para mim uma passagem da palavra de Deus Todo-Poderoso: “Quando as pessoas ainda precisam ser salvas, suas vidas são frequentemente perturbadas e até mesmo controladas por Satanás. Em outras palavras, pessoas que não foram salvas são prisioneiras de Satanás, elas não têm liberdade, elas não foram renunciadas por Satanás, elas não estão qualificadas ou têm o direito de adorar a Deus, e elas são perseguidas de perto e violentamente atacadas por Satanás. Essas pessoas não têm felicidade de que falar, não têm direito a uma existência normal de que falar e, além disso, não têm dignidade de que falar. Somente se você se levantar e lutar contra Satanás, usando sua fé em Deus e obediência e temor a Deus como armas para lutar uma batalha de vida ou morte com Satanás, de modo que você derrote completamente a Satanás e o faça se retirar e virar um covarde sempre que o vir, de modo que ele abandone completamente seus ataques e acusações contra vocêsomente então você será salvo e liberto” (de ‘A obra de Deus, o caráter de Deus e o Próprio Deus II’ em “A Palavra manifesta em carne”). A palavra de Deus me fez perceber que sempre que eu deixava de praticar minha fé em Deus, estava vivendo inteiramente sob o império de Satanás, sendo escrava e joguete de Satanás. Depois de ganhar minha fé, deixei a facção de Satanás e retornei perante Deus. Como eu renunciei a Satanás, ele se recusou a ser derrotado, por isso usou meu marido para atacar meus pontos fracos. Ele usou o divórcio para me obrigar a trair a Deus e retornar ao seu império. Essa foi de fato a trapaça de Satanás. Eu estava preocupada com o futuro dos meus filhos após o divórcio, a opinião que as pessoas da minha cidade natal teriam de mim e como meus pais poderiam preservar sua dignidade diante dos vizinhos. Todas essas preocupações eram fruto das interrupções de Satanás, e se eu fosse controlada por elas, seria controlada por Satanás, o que me levaria a me distanciar de Deus ou mesmo negar a Ele e retornar novamente à facção de Satanás. Minha fé e adoração pelo Criador são coisas completamente positivas, é a lei do céu e o princípio da terra e nenhum homem tem o direito de interferir com isso, mas Satanás tenta de tudo para me controlar, para me levar a trair a Deus. Satanás é tão desprezível e odioso! Naquele instante eu sabia que não tinha a fé necessária para enfrentar sozinha as tentações de Satanás, mas estava disposta a confiar em Deus e na orientação de Sua palavra para seguir a senda à minha frente e estava determinada a ficar ao lado de Deus e dar testemunho Dele; eu não cederia a Satanás de jeito nenhum. Ao tomar essa decisão, meu coração inquieto finalmente encontrou um chão mais firme e meu sofrimento diminuiu.

A tempestade do divórcio debelada

Mais tarde, alguns irmãos e irmãs compartilharam novamente a palavra de Deus comigo: “Sem a permissão de Deus, é difícil para Satanás tocar até mesmo uma gota de água ou grão de areia na terra; sem a permissão de Deus, Satanás nem ao menos é livre para mover as formigas sobre terraquanto mais a humanidade, que foi criada por Deus. Aos olhos de Deus, Satanás é inferior aos lírios na montanha, às aves que voam no ar, aos peixes no mar e às larvas na terra. Seu papel entre todas as coisas é servir a todas as coisas, e trabalhar para a humanidade, e servir à obra de Deus e ao Seu plano de gestão. Independentemente de quão maliciosa seja sua natureza e quão maligna seja sua substância, a única coisa que pode fazer é cumprir obedientemente a sua função: servir a Deus e ser um contraponto a Deus. Tais são a essência e posição de Satanás. Sua substância é alheia à vida, alheia a poder, alheia a autoridade; é um mero brinquedo nas mãos de Deus, apenas uma máquina a serviço de Deus!” (de ‘O Próprio Deus, o Único I’ em “A Palavra manifesta em carne”). Por meio da palavra de Deus, percebi que Sua autoridade é suprema, Ele controla os céus, a terra e todas as coisas, e tudo que temos está em Suas mãos. Meu divórcio e minha família também estão nas mãos de Deus e sem Sua permissão não há nada que Satanás possa fazer. Se eu me divorciaria ou não dependia da soberania e predestinação de Deus — não era meu marido quem tinha a palavra final, então eu estava disposta a me submeter à soberania e aos desígnios de Deus. Pensei nos incrédulos que se divorciam. Alguns o fazem por dinheiro, outros porque seus parceiros os traem e outros porque o relacionamento simplesmente se deteriora… Meu marido queria se divorciar de mim porque eu escolhi acreditar em Deus e seguir a senda correta da vida, buscar a verdade e viver uma vida significativa. Isso é honroso, não vergonhoso! Nesse instante, estas palavras de Deus me vieram à mente: “A fé é como uma ponte de um tronco só de árvore, os que se grudam abjetamente à vida terão dificuldade para cruzá-la, mas os que estão prontos a se sacrificar podem atravessá-la sem preocupação. Se o homem tem pensamentos tímidos e temerosos, ele está sendo enganado por Satanás. Ele teme que nós cruzemos a ponte da fé para entrar em Deus. Satanás inventa todos os meios possíveis para nos enviar seus pensamentos, devemos sempre orar para que a luz de Deus brilhe sobre nós e devemos sempre confiar em Deus para nos purificar do veneno de Satanás. Devemos sempre praticar em nossos espíritos para aproximar-nos de Deus. Devemos deixar Deus ter o domínio sobre todo o nosso ser” (de ‘Capítulo 6’ das Declarações de Cristo no princípio em “A Palavra manifesta em carne”). Mais uma vez as palavras de Deus me deram fé e força, uma senda para seguir e coragem para enfrentar meu marido. É isso mesmo — a única coisa que eu podia fazer era arriscar tudo. Independentemente do que o futuro me reservasse, eu não poderia errar se seguisse a senda da fé!

Quando meu marido voltou a casa naquela noite, eu disse a ele de maneira clara e simples: “Você não quer que eu acredite em Deus Todo-Poderoso, mas para mim isso é impossível. Se você quer se divorciar, que assim seja!”. Meu marido ficou meio atônito depois de ouvir isso e, sem mais opções, disse: “Aparentemente não consigo mais controlá-la! Há todo tipo de coisa na internet — se eu não a mantiver sob controle e algum dia algo lhe acontecer, eu serei responsável. Só estou usando o divórcio como uma forma de ameaçá-la, mas mesmo assim você se recusa a renunciar à sua fé em Deus. Se algo lhe acontecer por causa de sua fé, sua mãe saberá, então não ponha a culpa em mim”. Desse momento em diante ele não se preocupou mais com minha fé em Deus; nosso relacionamento se recuperou milagrosamente e ele não falou mais em se divorciar. Foi assim que a tempestade do divórcio provocada pelos boatos do Partido Comunista da China foi debelada.

Mais tarde, houve um dia em que minha filha mais nova e eu estávamos resfriadas. Estava garoando, mas minha filha mais velha precisava ir ao treino, então eu não tive escolha a não ser levá-la, arrastando meu corpo exausto junto com minha filha mais nova. Quando meu marido soube disso, ele disse: “Você trabalhou duro hoje. Lu Xi, notei uma mudança em você recentemente. Você tem sido mais carinhosa com as crianças e bastante atenciosa”. Ao ouvir essas palavras de meu marido, agradeci a Deus Todo-Poderoso em meu coração porque sabia que eu havia mudado graças às Suas palavras. Com as palavras de Deus como fundamento, eu tenho direção na vida, sei o que é humanidade adequada e o que é caráter corrupto. Somente agindo de acordo com a palavra de Deus é que uma pessoa pode viver a humanidade adequada. Consequentemente, não perco mais a calma com meus filhos por qualquer motivo nem vivo mais a vida apenas por prazer. Aos poucos, descobri que meu marido também havia mudado. Antes ele achava que sempre estava com a razão, mas agora ele pede minha opinião em relação a certas coisas. Ele até mesmo deu testemunho da autoridade e soberania de Deus a seus amigos. Ao ver essas coisas, meu coração se enche gratidão. Ó Deus, Tu és verdadeiramente todo-poderoso! Tuas palavras são nossa força vital, e por maior que seja a agressividade e fúria de Satanás, contanto que tenhamos Tuas palavras para nos guiar, seremos capazes de triunfar sobre todas as tentações de Satanás e viver pacificamente sob Teus cuidados e tutela.

Agradeço a Deus por arranjar tudo isso para mim e me permitir experimentar Sua palavra e compreender muitas verdades. Ao experimentar esse tipo de situação, vi que Satanás é verdadeiramente desprezível, que ele pensa em todos os meios possíveis para levar as pessoas a abandonarem Deus e se tornarem presas para ele devorar. Ao mesmo tempo, entendi que Deus controla todas as coisas e arranja tudo. Sem a permissão de Deus, por mais furioso que Satanás fique, ele não será capaz de fazer nem realizar nada, nem ao menos tocar um único fio de nosso cabelo. Desde que tenhamos fé e confiemos na palavra de Deus para viver, seremos capazes de superar a influência sombria de Satanás, dar testemunho de Deus e trazer glória a Ele! Os fatos também provam que os boatos e falsos testemunhos na internet são insustentáveis. Os fatos e o tempo provarão tudo e no final esses boatos entrarão para a história com infâmia eterna, assim como o “ateísmo”, a “teoria da evolução de Darwin” e o “comunismo”. Eles se tornarão uma marca de eterna vergonha para o Partido Comunista da China. As ovelhas de Deus escutarão a voz de Deus, por maior que seja a obstrução de Satanás. Todos que sinceramente creem em Deus e amam a verdade serão capazes de se livrar do engano e das amarras dos boatos, vir perante Deus e ser ganhos por Ele. O motivo é que isso é algo que Deus quer realizar — nenhuma das forças de Satanás poderá impedir!

Anterior: Por um Fio
Próximo: Uma batalha
Quando ocorre um desastre, como nós, cristãos, devemos enfrentá-lo? Fique à vontade para nos contatar via WhatsApp, podemos explorar e encontrar caminhos juntos.
Entre em contato conosco pelo Messenger
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado

Finalmente encontrei uma igreja verdadeira (parte 1)

Muitas pessoas começam a esmorecer em sua fé porque a igreja não tem a obra do Espírito Santo e elas não conseguem receber o sustento espiritual que precisam. Como, então, você pode encontrar uma igreja na qual o Espírito Santo esteja operando? Continue lendo…

Finalmente acolhi o Senhor

Xiyue, Japão Quando eu tinha seis anos de idade, minha mãe creu no Senhor Jesus e muitas vezes me levava às reuniões da igreja. Aos poucos,...

Espiritualmente ressecada, ela finalmente bebe do rio da vida (parte 2)

A Igreja de Deus Todo-Poderoso é a igreja verdadeira! Através da leitura das palavras de Deus Todo-Poderoso, experimentei pessoalmente o significado por trás daquilo que o Senhor Jesus disse: “Mas aquele que beber da água que Eu lhe der nunca terá sede; pelo contrário, a água que Eu lhe der se fará nele uma fonte de água que jorre para a vida eterna” (João 4:14). Acontece que apenas Cristo dos últimos dias tem a fonte de águas vivas, e agora finalmente encontrei a origem dessa fonte de vida.