180 A humanidade e Deus compartilham a felicidade da união

I

Deus começou Sua obra através do universo.

As pessoas lá despertam e se movem por Sua obra.

Deus viaja dentro delas, quebram os laços de Satanás.

Dos laços de grande aflição, para sempre livres são.

II

Quando o dia de Deus chega, todos se alegram,

as tristezas em seus corações embora pra sempre vão.

Nuvens de tristeza somem, ar fresco flutua livre.

Juntos, Deus e o homem de alegria transbordam.

Quando todos louvam a Deus, Ele é exaltado em todas as coisas.

O céu fica azul e brilha. Flores se abrem, a grama é mais verde.

Todas as coisas na terra tão belas se tornam.

III

As ações do homem dão a Deus algo a saborear,

Assim, Deus não é mais magoado.

Com a chegada do dia de Deus,

a vida na Terra recupera a raiz da existência.

IV

Tudo na Terra renasce,

tomando Deus como fonte de existência,

pois Ele faz com que as coisas bilhem com vida,

como também faz desaparecer silenciosamente.

Todas as coisas aguardam a palavra dita por Deus.

E todos se alegram com Seus atos e palavras.

Ele é o Altíssimo, também vive com o homem.

Ações humanas, manifesto da criação de Deus.

Quando todos louvam a Deus, Ele é exaltado em todas as coisas.

O céu fica azul e brilha. Flores se abrem, a grama é mais verde.

Todas as coisas na terra tão belas se tornam.

Pela Sua voz, se ocupa o homem.

O povo em Seu reino se alegra; cresce a vida.

Deus trabalha entre os escolhidos.

Sua obra não pode ser maculada por noções humanas.

Pois Deus opera Sua obra.

Quando Deus faz Sua obra, tudo é renovado e mudado.

Quando a obra é terminada,

o homem é restaurado, não mais angustiado pelo pedido de Deus.

Toda a terra se alegra!

Quando todos louvam a Deus, Ele é exaltado em todas as coisas.

O céu fica azul e brilha. Flores se abrem, a grama é mais verde.

Todas as coisas na terra tão belas se tornam.

Quando a terra se encher de alegria,

Deus usará esse momento pra abençoar a humanidade.


Adaptado de ‘Capítulo 33’ das palavras de Deus para todo o universe em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior : 179 Os mandamentos da nova era

Próximo : 181 Toda nação adora a Deus Todo-Poderoso

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado

1. O verdadeiro Deus que criou os céus e a terra e todas as coisas é um ou três?

Há somente um Deus, somente uma pessoa nesse Deus, e somente um Espírito de Deus, tanto quanto está escrito na Bíblia que “existe somente um Espírito Santo e um só Deus”. Independentemente de se o Pai e o Filho de que você fala existem, há um só Deus no final das contas, e a substância do Pai, do Filho e do Espírito Santo em que você crê é a substância do Espírito Santo. Em outras palavras, Deus é um Espírito, mas Ele consegue Se tornar carne e viver entre os homens, assim como estar acima de todas as coisas. Seu Espírito é todo-inclusivo e onipresente. Ele pode estar simultaneamente na carne e em todo o universo. Já que todas as pessoas dizem que Deus é o único Deus verdadeiro, então há um único Deus, que não é divisível arbitrariamente por ninguém! Deus é um só Espírito e somente uma pessoa; e esse é o Espírito de Deus.

3. Como a obra de julgamento de Deus durante os últimos dias purifica e salva a humanidade?

Deus tem muitos meios de aperfeiçoar o homem. Ele emprega todo tipo de ambientes para lidar com o caráter corrupto do homem e utiliza várias coisas para desnudar o homem; num aspecto, Ele lida com o homem, em outro, Ele o desnuda, e em outro Ele o revela, desenterrando e revelando os “mistérios” das profundezas do coração do homem e mostrando ao homem a sua natureza ao revelar muitos de seus estados. Deus aperfeiçoa o homem através de muitos métodos — através de revelação, tratamento, refinamento e castigo — para que o homem saiba que Deus é prático.

7. Por que se diz que as duas encarnações de Deus completam o significado da encarnação?

A primeira encarnação foi para redimir o homem do pecado, para redimi-lo por meio do corpo de carne de Jesus, isto é, Ele salvou o homem da cruz, mas o caráter satânico corrupto ainda permaneceu dentro do homem. A segunda encarnação não é mais para servir como uma oferta pelo pecado, mas, em vez disso, salvar totalmente aqueles que foram redimidos do pecado. Isso é feito de modo que aqueles que são perdoados possam ser libertos de seus pecados e ser completamente limpos, e por alcançar um caráter transformado, libertar-se da influência das trevas de Satanás e retornar para diante do trono de Deus. Só dessa maneira o homem pode ser plenamente santificado.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Conteúdos

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro