Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

Seguir o Cordeiro e cantar cânticos novos

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

0 resultados

Nenhum resultado encontrado

1035 Tudo que Deus faz pelo homem é sincero

1 Tudo que Deus faz é prático e nada que Ele faz é vazio. Deus vem para o meio dos humanos, humilhando a Si mesmo para ser uma pessoa comum. Ele não vai embora após simplesmente realizar um pouco de obra e falar umas poucas palavras; antes, na verdade Ele vem para o meio dos humanos para experimentar o sofrimento do mundo. Ele paga o preço de Sua experiência própria do sofrimento em troca de um destino para a humanidade. Isso não é obra prática? Pais podem pagar um preço sincero pelo bem de seus filhos, e isso representa sua sinceridade. Ao fazer isso, é claro que o Deus encarnado está sendo extremamente sincero e fiel à humanidade.

2 A essência de Deus é fiel; Ele faz o que Ele diz, e o que quer que Ele faça é alcançado. Tudo o que Ele faz para o homem é sincero, e Ele não fala de maneira frívola. Quando Ele diz que pagará o preço, Ele paga o preço na prática; quando Ele diz que Se encarrega do sofrimento do homem, que toma o lugar do homem e sofre em seu lugar, Ele toma essa experiência para Si de modo prático e vem habitar em meio ao homem. Depois de Ele ter sentido esse sofrimento e testemunhado esse sofrimento com Seus próprios olhos, todas as coisas no universo dirão que tudo o que Deus faz é certo e justo, que tudo o que Deus faz é realístico: essa é uma prova poderosa.

3 A humanidade terá um belo destino no futuro e todos aqueles que permanecerem louvarão a Deus; eles elogiarão que os atos de Deus foram realmente feitos a partir de Seu amor pela humanidade. A essência de beleza e a bondade de Deus podem ser vistas no significado de Sua encarnação na carne. Tudo que Ele faz é sincero; tudo que Ele diz é sério e fiel. Todas as coisas que Ele pretende fazer são feitas de modo prático e Ele paga um preço real por elas; Ele não faz apenas declarações. Portanto, Deus é um Deus justo; Deus é um Deus fiel.

Adaptado de ‘O segundo aspecto da importância da encarnação’ em “Registros das falas de Cristo”

Anterior:A essência de Cristo é amor

Próximo:Deus concede verdade e vida livremente à humanidade

Conteúdo Relacionado