963 Deus não tolera ofensa

1 Para entender o caráter justo de Deus, é preciso primeiro entender os sentimentos de Deus: o que Ele odeia, o que detesta, o que ama, com quem Ele é tolerante e misericordioso e a que tipo de pessoa Ele concede essa misericórdia. Esse é um ponto principal. Também é preciso entender que não importa o quanto Deus seja amoroso, não importa quanta misericórdia e amor Ele tenha pelas pessoas, Deus não tolera ninguém ofendendo Seu status e posição, nem tolera ninguém ofendendo Sua dignidade. Embora ame as pessoas, Deus não as mima. Ele oferece Seu amor, Sua misericórdia e tolerância às pessoas, mas nunca as afagou; Deus tem Seus princípios e Seus limites.

2 Independentemente do quanto do amor de Deus você sentiu, independentemente de quão profundo esse amor possa ser, você nunca deve tratar Deus como trataria outra pessoa. Embora seja verdade que Deus trata as pessoas com a máxima intimidade, se alguém vê Deus apenas como outra pessoa, como se Ele fosse simplesmente outro ser criado, como um amigo ou um objeto de adoração, então Deus esconderá Seu rosto dessa pessoa e a abandonará. Esse é o Seu caráter, e as pessoas não devem tratar essa questão de maneira irrefletida.

3 Muitas vezes vemos palavras como estas faladas por Deus sobre o Seu caráter: não importa quantas estradas você tenha percorrido, quanto trabalho tenha feito ou quanto sofrimento tenha aguentado, uma vez que você ofende o caráter de Deus, Ele retribuirá a cada um de vocês com base no que fizeram. Quando as pessoas ofendem a Deus, pode não ser por causa de um evento ou de uma coisa que disseram, mas, sim, por causa de uma atitude que mantêm e de um estado em que estão. Isso é algo muito assustador. Então, você não deve esquecer que, não importa como Deus trate as pessoas nem como pense nas pessoas, a posição, a autoridade e o status de Deus nunca mudam. Para a humanidade, Deus é sempre o Senhor de todas as coisas e o Criador.

Adaptado de ‘O Próprio Deus, o Único VII’ em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior: 962 O caráter justo de Deus não tolera ofensa

Próximo: 964 Tudo que Deus faz é justo

Todos os dias temos 24 horas e 1440 minutos. Você está disposto a dedicar 10 minutos para estudar o caminho de Deus? Você está convidado a se juntar ao nosso grupo de estudo.

Conteúdo relacionado

Pergunta 4: Os pastores e presbíteros religiosos frequentemente pregam aos crentes que qualquer testemunho sobre o retorno do Senhor na carne é falso. Eles baseiam isso nos seguintes versículos da Bíblia: “Se, pois, alguém vos disser: Eis aqui o Cristo! ou: Ei-Lo aí! não acrediteis; porque hão de surgir falsos cristos e falsos profetas, e farão grandes sinais e prodígios; de modo que, se possível fora, enganariam até os escolhidos” (Mateus 24:23-24). Agora não temos ideia de como devemos discernir o verdadeiro Cristo dos falsos. Vocês podem lançar alguma luz sobre essa pergunta?

O Senhor Jesus previu que surgiriam falsos cristos e falsos profetas nos últimos dias. Isso é um fato. Mas o Senhor Jesus também profetizou muitas vezes que voltaria. Podemos, sem qualquer dúvida, acreditar nisso? Ao examinar as profecias sobre a volta do Senhor Jesus, muitas pessoas dão prioridade em ser cautelosas com os falsos cristos e profetas e não se preocupam em saudar o noivo e ouvir sua voz.

69. Voltando à trilha certa

Por Chen Guang, Estados UnidosDeus Todo-Poderoso diz: “Servir a Deus não é tarefa fácil. Aqueles cujo caráter corrupto permanece inalterado...

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro

Entre em contato conosco pelo WhatsApp