642 A determinação que os descendentes de Moabe deveriam ter

1 Ninguém é mais atrasado ou corrupto do que os descendentes de Moabe. Somente se essas pessoas puderem ser conquistadas — essas que são as mais corruptas, que não reconheceram Deus nem acreditam que existe um Deus, foram conquistadas e reconhecem Deus com sua boca, louvam-No e são capazes de amá-Lo — esse será o testemunho da conquista. Embora vocês não sejam Pedro, vocês vivem a imagem de Pedro; vocês são capazes de possuir o testemunho de Pedro e o de Jó, e esse é o maior dos testemunhos.

2 No fim, você dirá: “Não somos os israelitas, mas os descendentes abandonados de Moabe, não somos Pedro de cujo calibre não somos capazes, nem Jó, e não podemos sequer nos comparar à determinação de Paulo de sofrer por Deus e se dedicar a Deus, e somos muito atrasados e, com isso, não estamos qualificados para gozar das bênçãos de Deus. Deus mesmo assim nos ergueu hoje; portanto, devemos satisfazê-Lo e, embora nosso calibre e nossas qualificações sejam insuficientes, estamos dispostos a satisfazer a Deus — temos essa determinação. Somos os descendentes de Moabe e fomos amaldiçoados. Isso foi decretado por Deus, e somos incapazes de mudar isso, mas nosso viver e nosso conhecimento podem mudar, e estamos determinados a satisfazer a Deus”.

Adaptado de ‘A verdade interna da obra de conquista (2)’ em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior: 641 Exaltação de Deus aos descendentes de Moabe

Próximo: 643 O significado da obra de Deus para os descendentes de Moabe

Quando ocorre um desastre, como nós, cristãos, devemos enfrentá-lo? Fique à vontade para nos contatar via WhatsApp, podemos explorar e encontrar caminhos juntos.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro