Capítulo 96

Castigarei qualquer um nascido de Mim que ainda não Me conhece de modo a tornar manifesta toda a Minha ira, Meu grande poder e Minha plena sabedoria. Em Mim, tudo é justo, e não existe absolutamente nenhuma injustiça, nenhum logro, nenhuma desonestidade; quem for desonesto e enganador deve ser um filho do inferno, nascido no Hades. Em Mim, tudo é aberto; tudo o que digo será realizado, será, de fato, realizado; tudo o que digo será estabelecido, será estabelecido, e ninguém pode mudar ou imitar essas coisas porque Eu sou o único e Próprio Deus. No que está por vir, todos os que estiverem no grupo dos Meus filhos primogênitos predestinados e escolhidos serão revelados um a um, e todos os que não estiverem no grupo de filhos primogênitos serão eliminados por Mim por meio disso. É assim que faço e realizo a Minha obra. Neste momento, exponho algumas pessoas, só para que Meus filhos primogênitos possam ver Meus feitos maravilhosos, mas depois não vou operar assim. Antes, vou proceder a partir da situação geral em vez de deixá-los mostrar sua verdadeira natureza uma a uma (como os demônios são todos basicamente os mesmos, é suficiente escolher só alguns para servirem de exemplo). Todos os Meus filhos primogênitos têm clareza no coração e não Me é necessário entrar em detalhes (porque na hora marcada, eles certamente serão revelados um após o outro).

É Meu caráter manter as Minhas promessas, e em Mim nada está oculto ou escondido. Eu lhes direi tudo sobre cada uma das coisas que vocês deveriam entender, mas Eu não lhes direi absolutamente nada que vocês não deveriam saber, para que vocês não se tornem incapazes de se manter firmes. Não se agarrem a coisas pequenas, perdendo, portanto, as coisas importantes — isso realmente não vale a pena. Acreditem que Eu sou o Deus todo-poderoso, e então tudo será realizado e se tornará fácil e agradável. É assim que faço as coisas. Todo aquele que acredita, Eu lhe permito ver, e quem não acredita, não lhe permito saber e nunca o deixo entender. Em Mim não há sentimento nem misericórdia, e não importa quem ofenda o Meu castigo, Eu certamente o matarei sem impedir a Minha mão e tratarei a todos da mesma maneira. Eu sou o mesmo para com todos — não tenho sentimentos pessoais e de maneira alguma ajo com emoção. Como as pessoas puderam não ver a Minha justiça e majestade por meio disso? Isso é Minha sabedoria e Meu caráter, os quais ninguém consegue mudar nem conhecer completamente. Minhas mãos estão sempre no comando de tudo, em todo o tempo, e Eu sempre arranjo tudo para fazer o serviço a Mim ao Meu sinal e chamado. Inúmeras pessoas prestam serviço em Meu favor a fim de realizar o Meu plano de gestão, mas no fim elas veem as bênçãos sem poder desfrutá-las — que pena! Porém, ninguém pode mudar Meu coração. Esse é o Meu decreto administrativo (sempre que decretos administrativos são mencionados, isso se refere a algo que ninguém pode mudar, de forma que, quando falo no futuro, se fixei Minha mente em algo, então, esse certamente é Meu decreto administrativo. Lembrem-se! Não ofendam isso, para que não sofram perdas) e também faz parte do Meu plano de gestão. É obra Minha, não algo que qualquer homem possa fazer. Preciso fazer isso — preciso arranjar isso, o que é suficiente para mostrar a Minha onipotência e manifestar a Minha ira.

A maioria das pessoas ainda não conhece nem tem clareza da Minha humanidade. Eu já disse isso várias vezes, mas vocês ainda estão anuviados e não entendem bem. Mas esta é Minha obra, e agora, neste momento, quem conhece, conhece, e quem não conhece, Eu não coajo. Só pode ser assim. Tenho falado sobre ela com clareza e não o falarei sobre isso novamente depois (porque falei demais e o fiz com muita clareza. Quem Me conhece certamente tem a obra do Espírito Santo e sem dúvida é um dos Meus filhos primogênitos. Quem não Me conhece decididamente não o é, provando que Eu já afastei Meu Espírito dele). Mas, no fim, farei com que todos Me conheçam — Me conheçam completamente, tanto em Minha humanidade como em Minha divindade. Esses são os passos da Minha obra e tenho de operar assim. Esse também é o Meu decreto administrativo. Todos devem Me chamar de o único Deus verdadeiro, Me louvar e aclamar alegremente, sem cessar.

Meu plano de gestão já foi totalmente completado e tudo foi executado há muito tempo. Aos olhos humanos, parece que grande parte da Minha obra ainda está em progresso, mas Eu já a arranjei devidamente, e tudo que está à espera é a sua conclusão segundo os Meus passos, uma tarefa de cada vez (isso acontece porque, antes da criação do mundo, Eu predestinei quem é capaz de permanecer firme sob provação, quem não pode ser escolhido e predestinado por Mim, e quem não pode compartilhar do Meu sofrimento. Os que podem compartilhar do Meu sofrimento, isto é, os predestinados e escolhidos por Mim, Eu certamente os manterei e os capacitarei a transcender tudo). Em Meu coração, sou claro em relação a quem está em cada papel. Estou bem ciente de quem presta serviço a Mim, quem é um filho primogênito e quem está entre Meus filhos e Meu povo. Conheço isso como a palma da Minha mão. Quem Eu disse no passado que é um filho primogênito ainda agora é um primogênito e quem Eu disse no passado que não é um primogênito ainda agora não é um filho primogênito. O que quer que Eu faça, Eu não Me arrependo nem o mudo facilmente. O que Eu digo é de fato (em Mim, nada é frívolo) e isso nunca muda! Os que prestam serviço a Mim sempre prestam serviço a Mim: eles são Meu gado; são Meus cavalos (mas essas pessoas nunca são esclarecidas em seu espírito; quando faço uso delas, elas são úteis, mas, quando não faço uso delas, Eu as mato. Quando falo de gado e cavalos, Me refiro aos que não são iluminados em seu espírito, que não Me conhecem e que desobedecem a Mim, e mesmo se forem obedientes, submissos, simples e honestos ainda são verdadeiros gado e cavalos). Agora, a maioria das pessoas é libertina e desimpedida diante de Mim, conversando e rindo à descontroladamente, comportando-se de modo irreverente — elas veem apenas a Minha humanidade e não a Minha divindade. Em Minha humanidade esses comportamentos podem passar e consigo forçar-Me a perdoá-los, mas na Minha divindade não é tão fácil. No futuro, vou decidir que você pecou por blasfemar contra Mim. Em outras palavras, a Minha humanidade pode ser ofendida, mas a Minha divindade não, e quem conflitar Comigo ainda que seja da maneira mais leve, Eu julgarei imediatamente, sem demora alguma. Não pense que, por ter se associado por muitos anos com essa pessoa que Eu sou e se familiarizado Comigo, você pode falar e agir libertinamente. Verdadeiramente, não Me importo! Independentemente de quem for, vou tratá-lo com justiça. Essa é a Minha justiça.

Dia a dia, os Meus mistérios são revelados às pessoas e, dia a dia, elas se tornam mais esclarecidas, seguindo as etapas da revelação, o que é suficiente para mostrar o ritmo da Minha obra. Essa é Minha sabedoria (não digo isso diretamente. Eu esclareço os Meus filhos primogênitos e cego a prole do grande dragão vermelho). Ademais, hoje Eu lhes revelarei Meu mistério através de Meu Filho. Coisas que são inimagináveis para as pessoas Eu lhes revelarei hoje, para permitir que vocês conheçam a fundo e tenham uma compreensão clara. Além disso, esse mistério existe em todos, exceto em Meus filhos primogênitos, mas ninguém consegue entendê-lo. Embora exista dentro de cada pessoa, ninguém consegue reconhecê-lo. O que estou dizendo? Em Minha obra e em Minhas declarações durante este período, menciono com frequência o grande dragão vermelho, Satanás, o diabo e o arcanjo. O que são eles? Quais são suas relações? O que é manifestado nessas coisas? As manifestações do grande dragão vermelho são resistência a Mim, falta de entendimento e de compreensão do significado de Minhas palavras, frequente perseguição a Mim, e a busca de usar esquemas que interrompam Minha gestão. Satanás se manifesta das seguintes maneiras: lutando Comigo por poder, querendo possuir Meu povo escolhido, e divulgando palavras negativas para enganar o Meu povo. As manifestações do diabo (aqueles que não aceitam Meu nome, que não creem, são todos diabos) são as seguintes: cobiçar os prazeres da carne, entregar-se à lascívia maligna, viver em a servidão a Satanás, alguns resistindo a Mim e alguns Me apoiando (mas sem provar que são Meus filhos amados). As manifestações do arcanjo são as seguintes: falar de modo insolente, ser impiedoso, adotar amiúde o Meu tom para reprovar as pessoas, concentrar-se apenas em aparentemente Me imitar, comer o que como e usar o que uso; em resumo, querer estar em pé de igualdade Comigo, ser ambicioso, mas sem ter Meu calibre e não tendo a Minha vida, e ser um peça desperdiçada. Satanás, o diabo e o arcanjo são todos demonstrações típicas do grande dragão vermelho, de modo que os que não são predestinados e escolhidos por Mim são todos a prole do grande dragão vermelho: é absolutamente assim que as coisas são! Esses são todos Meus inimigos. (Todavia, as interrupções de Satanás estão excluídas. Se a sua natureza for a Minha qualidade, ninguém pode mudá-la. Porque agora você ainda vive na carne, vez ou outra você vai se defrontar com as tentações de Satanás — isso é inevitável —, mas você tem de ser sempre cuidadoso.) Portanto, abandonarei toda a prole do grande dragão vermelho com exceção dos Meus filhos primogênitos. A natureza de tal prole nunca pode mudar e é a qualidade de Satanás. É o diabo que eles manifestam e é o arcanjo que eles vivem. Isso é completamente verdadeiro. O grande dragão vermelho do qual falo não é um grande dragão vermelho; em vez disso, é o espírito maligno que se opõe a Mim, e para ele “grande dragão vermelho” é um sinônimo. Assim, todos os espíritos, fora o Espírito Santo, são malignos e também pode-se dizer que são a prole do grande dragão vermelho. Tudo isso deveria ser cristalino para toda e qualquer pessoa.

Anterior : Capítulo 95

Próximo : Capítulo 97

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado

Obra e entrada (1)

Desde que as pessoas começaram a percorrer a senda certa da crença em Deus, sempre houve várias coisas que ainda não estão claras para...

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Conteúdos

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro