Palavras diárias de Deus | "A respeito da Bíblia (1)" | Trecho 266

Depois que Deus realizou a obra da Era da Lei, foi produzido o Antigo Testamento, e foi então que as pessoas começaram a ler a Bíblia. Quando Jesus veio, Ele fez a obra da Era da Graça, e Seus apóstolos escreveram o Novo Testamento. Assim foram produzidos o Antigo e o Novo Testamento da Bíblia, e ainda hoje todos aqueles que creem em Deus têm lido a Bíblia. A Bíblia é um livro de história. Claro que ela também contém algumas previsões dos profetas e, essas previsões não são históricas de modo algum. A Bíblia inclui várias partes — não há apenas profecias, ou apenas a obra de Jeová, nem há apenas as epístolas paulinas. Você deve saber quantas partes a Bíblia contém; o Antigo Testamento inclui Gênesis, Êxodo… e há também os livros de profecia que os profetas escreveram. No final, o Antigo Testamento termina com o Livro de Malaquias. Ele registra a obra da Era da Lei, que foi liderada por Jeová; de Gênesis ao Livro de Malaquias, ele é um registro abrangente de toda a obra da Era da Lei. Isso quer dizer que o Antigo Testamento registra tudo o que foi vivenciado pelas pessoas que foram guiadas por Jeová na Era da Lei. Durante a Era da Lei do Antigo Testamento, o grande número de profetas levantados por Jeová proclamavam profecia por Ele, davam instruções a várias tribos e nações e prediziam a obra que Jeová faria. Essas pessoas que foram levantadas receberam o Espírito de profecia de Jeová: puderam enxergar as visões de Jeová e ouvir Sua voz e, assim, foram inspiradas por Ele e escreveram profecias. O trabalho que fizeram foi a expressão da voz de Jeová, a expressão da profecia de Jeová, e, à época, a obra de Jeová era simplesmente orientar as pessoas usando o Espírito; Ele não Se tornou carne, e as pessoas nada viram de Sua face. Assim, Ele levantou muitos profetas para fazer Sua obra e deu-lhes oráculos que repassaram para cada tribo e clã de Israel. Sua obra era profetizar, e alguns anotavam as instruções de Jeová para mostrar aos outros. Jeová elevou essas pessoas para fazer profecias, para prever a obra do futuro ou a obra ainda a ser feita durante aquele tempo, para que as pessoas pudessem contemplar a maravilha e a sabedoria de Jeová. Esses livros de profecia eram bem diferentes dos outros livros da Bíblia; eram palavras ditas ou escritas por aqueles que receberam o Espírito de profecia — por aqueles que ganharam as visões ou a voz de Jeová. Além dos livros de profecia, o restante do Antigo Testamento são registros feitos por pessoas após Jeová ter terminado Sua obra. Esses livros não podem substituir as previsões feitas pelos profetas levantados por Jeová, da mesma forma que Gênesis e Êxodo não podem ser comparados ao Livro de Isaías e ao Livro de Daniel. As profecias foram feitas antes que a obra tivesse sido realizada; os outros livros, enquanto isso, foram escritos depois que ela tinha sido concluída, que é o que as pessoas eram capazes de fazer. Os profetas da época foram inspirados por Jeová e proferiram algumas profecias, proferiram muitas palavras e profetizaram as coisas da Era da Graça, bem como a destruição do mundo nos últimos dias — a obra que Jeová planejou fazer. Os livros restantes registram a obra feita por Jeová em Israel. Assim, quando você lê a Bíblia, está lendo principalmente sobre o que Jeová fez em Israel; o Antigo Testamento da Bíblia registra principalmente a obra de Jeová de guiar Israel, Seu uso de Moisés para guiar os israelitas para fora do Egito, que os livrou dos grilhões do faraó e os levou para o deserto, após o que entraram em Canaã e tudo a seguir foi sua vida em Canaã. Tudo que há além disso são registros da obra de Jeová em toda a Israel. Tudo registrado no Antigo Testamento é obra de Jeová em Israel, é a obra que Jeová fez na terra em que Ele criou Adão e Eva. A partir de quando Deus oficialmente começou a liderar o povo na terra depois de Noé, tudo o que está registrado no Antigo Testamento é a obra de Israel. E por que não está registrada nenhuma obra além de Israel? Porque a terra de Israel é o berço da humanidade. No início, não havia outras nações além de Israel, e Jeová não trabalhava em nenhum outro lugar. Dessa forma, o que está registrado no Antigo Testamento da Bíblia é puramente a obra de Deus em Israel naquele tempo. As palavras proferidas pelos profetas, por Isaías, Daniel, Jeremias e Ezequiel… suas palavras predizem Sua outra obra na terra, predizem a obra do Próprio Deus Jeová. Tudo isso veio de Deus, foi obra do Espírito Santo e, à parte desses livros dos profetas, todo o resto é um registro das coisas que as pessoas experimentaram da obra de Jeová na época.

A obra da criação aconteceu antes que houvesse humanidade, mas o Livro do Gênesis só veio depois de haver a humanidade; foi um livro escrito por Moisés durante a Era da Lei. É como as coisas que acontecem entre vocês hoje: depois de acontecerem, vocês as escrevem para mostrar às pessoas no futuro e, para as pessoas do futuro, que o que vocês registraram são coisas que aconteceram em tempos passados — nada mais são do que história. As coisas registradas no Antigo Testamento são a obra de Jeová em Israel, e aquilo que está registrado no Novo Testamento é a obra de Jesus durante a Era da Graça; elas documentam a obra feita por Deus em duas eras diferentes. O Antigo Testamento documenta a obra de Deus durante a Era da Lei e, assim, o Antigo Testamento é um livro histórico, enquanto o Novo Testamento é o produto da obra da Era da Graça. Quando a nova obra começou, o Novo Testamento também ficou desatualizado, assim, ele também é um livro histórico. É claro que o Novo Testamento não é tão sistemático como o Antigo Testamento, nem registra tantas coisas. Todas as muitas palavras proferidas por Jeová estão registradas no Antigo Testamento da Bíblia, enquanto apenas algumas das palavras de Jesus estão registradas nos Quatro Evangelhos. É claro que Jesus também fez uma grande obra, mas tal obra não foi registrada em detalhes. O fato de haver menos registrado no Novo Testamento é por causa do tamanho da obra que Jesus fez; Sua obra durante três anos e meio na terra e a obra dos apóstolos foi muito menor do que a obra de Jeová. Assim, há menos livros no Novo Testamento do que no Antigo Testamento.

Extraído de “A Palavra manifesta em carne”

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado