Palavras diárias de Deus | "O Próprio Deus, o Único IV" | Trecho 141

Deus criou o homem e, desde então, tem sempre conduzido a vida da humanidade. Quer ao dar bênçãos à humanidade, dar-lhe as leis e Seus mandamentos, ou ao estipular as várias regras para a vida, vocês sabem quais são os objetivos pretendidos por Deus ao fazer essas coisas? Em primeiro lugar, vocês podem dizer ao certo que tudo que Deus faz é para o bem da humanidade? (Sim, podemos.) Vocês podem pensar que essa é uma sentença relativamente ampla e vazia, mas, falando de modo específico, tudo que Deus faz é conduzir e guiar o homem na direção de uma vida normal. Quer seja para que o homem guarde Suas regras ou respeite Suas leis, o objetivo de Deus para o homem é que este não adore Satanás, não seja prejudicado por Satanás; isso é fundamental e foi isso que aconteceu no princípio. No começo de tudo, quando o homem não entendia a vontade de Deus, Ele tomou algumas leis e regras simples e fez provisões que cobriam todos os aspectos concebíveis. Essas provisões são muito simples e, não obstante, contêm a vontade de Deus. Deus preza, valoriza e ama profundamente a humanidade. Não é esse o caso? (Sim.) Podemos então dizer que Seu coração é santo? Podemos dizer que Seu coração é puro? (Sim.) Deus tem alguma intenção ulterior? (Não.) Então, esse Seu objetivo é correto e positivo? (Sim.) Não importa que provisões Deus tenha feito, no curso de Sua obra todas têm um efeito positivo para o homem, e elas mostram o caminho. Existe então algum pensamento interesseiro na mente de Deus? Deus tem quaisquer objetivos adicionais no que diz respeito ao homem, ou quer usar o homem de alguma maneira? (Não.) De modo algum. Deus faz o que diz, e Ele também pensa desse modo em Seu coração. Não existem propósitos misturados, nem pensamentos interesseiros. Deus não faz nada para Si Mesmo, mas faz absolutamente tudo para homem, sem nenhum propósito pessoal. Embora Ele tenha planos e intenções para o homem, Ele não faz nada para Si Mesmo. Tudo que Ele faz é feito puramente para humanidade, para protegê-la e impedi-la de ser levada a se desviar. Esse coração, portanto, não é precioso? (Sim.) Você consegue ver em Satanás o menor indício desse coração precioso? Você consegue ver? (Não.) Você não consegue ver nenhum indício disso em Satanás. Tudo que Deus faz é revelado naturalmente. Olhando para o modo como Deus opera, como é que Ele opera? Deus pega essas leis e Suas palavras e as amarra bem apertado na cabeça de cada pessoa como o feitiço do aro dourado, impondo-as a cada uma? Ele opera desse modo? (Não.) Então, de que maneira Deus faz Sua obra? (Ele nos guia.) (Ele aconselha e encoraja.) Ele ameaça? Usa rodeios para falar com vocês? (Não.) Quando você não compreende a verdade, como Deus guia você? (Ele acende uma luz.) Ele acende uma luz em você, dizendo-lhe claramente que isso não está de acordo com a verdade, e o que você deve fazer. Com base nessas maneiras como Deus opera, que espécie de relacionamento você sente que tem com Deus? Elas fazem você pensar que Deus está além de seu entendimento? (Não.) Como, então, elas fazem você se sentir? Deus está especialmente próximo de você, não existe distância entre vocês. Quando Deus guia você, quando Ele provê para você, ajuda-o e o apoia, você sente a amabilidade de Deus, Sua respeitabilidade, você sente como Ele é adorável, como é afetuoso. Mas, quando Deus reprova sua corrupção, ou quando Ele julga e disciplina você por se rebelar contra Ele, que método Deus usa? Ele o repreende com palavras? Ele o disciplina por meio do seu ambiente e das pessoas, das situações e das coisas? (Sim.) Que nível essa disciplina alcança? (Um nível que o homem consegue tolerar.) O nível de disciplina de Deus atinge o mesmo ponto em que Satanás prejudica o homem? (Não.) Deus opera de maneira gentil, amorosa, delicada e atenciosa, uma maneira especialmente dosada e apropriada. Sua maneira não faz você sentir emoções intensas como “Deus deve me deixar fazer isto” ou “Deus deve me deixar fazer aquilo”. Deus nunca lhe proporciona esse tipo de mentalidade intensa ou de sentimentos intensos que torna as coisas insuportáveis. Isso não está correto? Mesmo quando você aceita as palavras de Deus de julgamento e castigo, como é que você se sente então? Quando sente a autoridade e o poder de Deus, como você se sente então? Você sente que Deus é divino e inviolável? (Sim.) Você se sente distante de Deus nesses momentos? Sente medo de Deus? (Não.) Não. Em vez disso, você sente uma temerosa reverência por Deus. As pessoas não sentem todas essas coisas somente por causa da obra de Deus? (Sim.) Então, elas teriam esses sentimentos se Satanás operasse no homem? (Não.) Deus usa Suas palavras, Sua verdade e Sua vida para prover continuamente ao homem, para apoiá-lo. Quando o homem é fraco, quando o homem está se sentindo abatido, Deus certamente não fala asperamente, dizendo: “Não fique abatido. Para que se abater? Por que se sente fraco? Que motivo há para se sentir fraco? você está tão fraco e sempre tão abatido. De que adianta viver? Morra de uma vez!” Deus opera desse modo? (Não.) Deus tem autoridade para agir assim? (Sim.) Mas Deus age assim? (Não.) A razão pela qual Deus não age assim é Sua essência, a essência da santidade de Deus. Seu amor pelo homem, Seu valorizar e estimar o homem não podem ser claramente expressos em apenas uma ou duas sentenças. Não é algo que é ocasionado pelo vangloriar do homem, mas é algo que Deus cria na prática real; é a revelação de Sua essência. Podem todas essas maneiras pelas quais Deus opera permitir que o homem veja a santidade de Deus? Em todas essas maneiras pelas quais Deus opera, incluindo Suas boas intenções, incluindo os efeitos que Deus deseja alcançar no homem, incluindo os diferentes meios que Ele adota para operar no homem, o tipo de obra que realiza, o que Ele quer que o homem compreenda, você enxergou alguma maldade ou astúcia nas boas intenções de Deus? (Não.) Então, em tudo que Deus faz, em tudo que Deus diz, em tudo que Ele tem em Seu coração, assim como toda a essência que Ele revela, podemos chamar Deus de santo? (Sim.) Algum homem já viu alguma vez essa santidade no mundo ou em si mesmo? Além de Deus, você a viu em qualquer homem ou em Satanás? (Não.) Com base no que falamos até aqui, podemos chamar Deus de o Próprio Deus único e santo? (Sim.) Tudo que Deus dá ao homem, incluindo Suas palavras, as diferentes maneiras pelas quais opera no homem, aquilo que Ele diz ao homem, aquilo que Deus faz o homem recordar, aquilo que Ele aconselha e encoraja, tudo isso se origina da mesma essência: tudo se origina da santidade de Deus. Se não houvesse um Deus santo assim, homem algum poderia ocupar Seu lugar para realizar a obra que Ele faz. Se Deus pegasse essas pessoas e as entregasse inteiramente nas mãos de Satanás, vocês já pensaram no tipo de condição em que todos vocês estariam hoje? Vocês estariam todos sentados aqui, completos e intactos? (Não.) Então, como estariam? Vocês também diriam: “De rodear a terra, e de passear por ela”? Iriam se gabar, ser tão descarados e se vangloriar sem vergonha diante de Deus, se exibindo e falando dessa maneira? (Sim.) Iriam cem por cento! Absolutamente, iriam! A atitude de Satanás quanto ao homem permite-lhe enxergar que a natureza de Satanás é radicalmente diferente da de Deus. Sua essência é completamente diferente da de Deus. Que essência de Satanás é o oposto da santidade de Deus? (O seu mal.) A natureza maligna de Satanás é o oposto da santidade de Deus. A razão pela qual a maioria das pessoas não reconhece essa expressão de Deus e essa essência da santidade de Deus é porque elas vivem sob o império de Satanás, dentro da corrupção de Satanás, no recinto onde Satanás vive. Elas não sabem o que a santidade é nem como definir santidade. Mesmo quando você percebe a santidade de Deus, você ainda não consegue defini-la como a santidade de Deus com alguma certeza. Isso é uma disparidade no conhecimento da santidade de Deus pelo homem.

Extraído de “A Palavra manifesta em carne”

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado