Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

A estrada para a purificação

9

Christopher, Filipinas

Meu nome é Christopher e sou pastor de uma igreja doméstica nas Filipinas. Em 1987, fui batizado e retornei ao Senhor Jesus. Pela graça do Senhor, em 1996, tornei-me pastor da igreja local. Naquela época, além de pregar em muitos lugares nas Filipinas, eu também falava em outros locais, como Hong Kong e Malásia. Por causa da obra e da orientação do Espírito Santo, eu sentia que tinha uma energia sem fim em minha obra para o Senhor e um fluxo incessante de palavras em meus sermões. Com frequência, eu apoiava irmãos e irmãs quando eles estavam pessimistas e fracos. Algumas vezes, membros das famílias deles, que não acreditavam no Senhor, tratavam-me mal, mesmo assim, eu era tolerante e paciente, não perdia a fé no Senhor e acreditava que Ele poderia mudá-los. Portanto, eu sentia que havia mudado muito desde que passara a crer no Senhor. Contudo, a partir de 2011, eu não sentia mais a obra do Espírito Santo com a mesma intensidade de antes. Aos poucos, não tive mais nenhuma iluminação para meus sermões e não tive mais força para conseguir viver sem pecado. Não conseguia evitar ficar nervoso com minha esposa e filha e perdia a paciência na hora de ensiná-las quando via que elas não estavam agindo de acordo com o que eu desejava. Eu sabia que isso não estava de acordo com a vontade do Senhor, mas, com frequência, eu não conseguia evitar. Fiquei particularmente incomodado com isso. Para me livrar de uma vida de pecado e confissão, esforcei-me mais na leitura da Bíblia, jejuando e orando, e procurei diretores espirituais em todos os lugares para buscarmos e explorarmos juntos o meu problema. Mas todos os meus esforços não fizeram diferença na minha vida de pecado e na escuridão de minha alma.

Então, uma noite, na primavera de 2016, minha esposa me perguntou: “Christopher, notei que você está muito incomodado ultimamente. O que está passando na sua cabeça?” Depois que ouvi minha esposa dizer isso, eu disse a ela o que estava me incomodando: “Nesses últimos anos, tenho me perguntado por que não consigo me livrar da vida no pecado, apesar de ser um pastor e crer em Deus há muitos anos. Não consigo alcançar o Senhor agora. É como se Ele tivesse me abandonado. Embora eu pregue em todos os lugares, logo que tenho um tempo livre, especialmente tarde da noite, sempre sinto um vazio e uma ansiedade, e esses sentimentos estão ficando cada vez mais fortes. Penso em todo esses anos em que creio no Senhor, no quanto já li da Bíblia e em como decidi aceitar a cruz e conquistar a mim mesmo, mas, mesmo assim, estou preso ao pecado, sou capaz de dizer mentiras e não consigo cumprir o ‘E na sua boca não se achou engano’ (Apocalipse 14:5) para proteger meus próprios interesses e aparência. Quando enfrento tribulações e refinamentos, embora eu saiba que tenho o consentimento do Senhor, ainda não consigo deixar de reclamar com Ele e compreendê-Lo mal, e sou completamente incapaz de negar a mim mesmo de bom grado. Tenho medo de quando o Senhor vier, eu não consiga entrar no reino dos céus, porque vivo assim em pecado!”

Ao ouvir isso, minha esposa disse: “Christopher, como você pode pensar assim? Você deve ter fé, você é um pastor! Embora vivamos em pecado e não nos libertemos de suas amarras, a Bíblia diz, ‘Porque, se com a tua boca confessares a Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo’ (Romanos 10:9), ‘Porque: Todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo’ (Romanos 10:13). Se persistirmos na leitura da Bíblia, nos reunirmos e orarmos ao Senhor, carregarmos a cruz e sempre seguirmos até a segunda vinda do Senhor, poderemos entrar no reino dos céus e receber a bênção Dele”.

Então, eu disse à minha esposa: “Eu pensava assim, mas está dito em Pedro 1:16: ‘porquanto está escrito: Sereis santos, porque eu sou santo’. Eu creio no Senhor há trinta anos, mas ainda não consigo seguir o caminho Dele e, vivendo em pecado, ainda resisto a Ele muitas vezes. Isso não é nem um pouco santo. Ah! Quantas vezes decidi obedecer aos ensinamentos do Senhor, mas não consegui praticar Sua palavra. Como eu poderia ser digno de entrar no reino dos céus sob tais circunstâncias? O Senhor Jesus disse: ‘Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus’ (Mateus 7:21). De acordo com as palavras do Senhor, não é tão simples quanto pensamos entrar no reino dos céus. O Senhor é santo, então como as pessoas que não praticam Suas palavras e que resistem com frequência a Ele podem ser arrebatadas para o reino dos céus? Somente aqueles que mudam e que seguem a vontade de Deus podem entrar no reino dos céus!”

Minha esposa pensou por um momento e respondeu: “O que você diz faz sentido. O Senhor é santo e nós ainda somos pecadores. Nós não somos dignos do reino de Deus. Mas, acabei de me lembrar… o pastor Liu não convidou um pastor coreano chamado Kim para vir à igreja? Que tal pesquisarmos sobre esse assunto desta vez?” Eu disse: “Bem, isso também é bom. O Senhor Jesus disse: ‘Pedí, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei e abrir-se-vos-á’ (Mateus 7:7). Se continuarmos buscando, acredito que o Senhor nos conduzirá. Como pastor, devo considerar a vida de nossos irmãos e irmãs. Não posso crer em Deus de forma confusa, pois assim colocaria os irmãos e as irmãs em uma situação difícil e aprisionaria a mim mesmo. Então, vamos esperar até que o pastor coreano Kim chegue e depois perguntaremos a ele sobre o assunto”.

Como eu queria conversar com o pastor Kim, procurei saber um pouco sobre o passado dele. Então procurei pela igreja coreana na internet. Nas páginas que apareceram, vi o site https://www.holyspiritspeaks.org. Abri-o e algumas palavras nele me atraíram: “O homem recebeu muita graça, como a paz e a felicidade da carne, a bênção de toda a família sobre a fé de um e a cura de doenças, e assim por diante. O restante foram as boas ações do homem e sua aparência piedosa; se o homem fosse capaz de viver baseado nisso, ele era considerado um bom crente. Somente esses crentes poderiam entrar no céu após a morte, o que significa que estavam salvos. Mas, ao longo de suas vidas, não entenderam nada do caminho da vida. Eles simplesmente cometiam pecados, daí confessavam em um ciclo constante, sem qualquer caminho para um caráter transformado; tal era a condição do homem na Era da Graça. O homem recebeu a salvação completa? Não!” (de ‘O mistério da encarnação (4)’ em “A Palavra manifesta em carne”). Essas palavras eram tão boas que não consegui parar de ler: “Portanto, depois da conclusão desse estágio, ainda há a obra de julgamento e castigo. Esse estágio torna o homem puro através da palavra, de modo a dar ao homem um caminho para seguir. Esse estágio não seria frutífero ou significativo se continuasse com a expulsão de demônios, pois a natureza pecaminosa do homem não seria eliminada e o homem pararia apenas no perdão dos pecados. Através da oferta pelo pecado, o homem foi perdoado por seus pecados, pois a obra da crucificação já chegou ao fim e Deus prevaleceu sobre Satanás. Mas o caráter corrupto do homem ainda permanece dentro dele, e o homem ainda pode pecar e resistir a Deus; Deus não ganhou a humanidade. É por isso que neste estágio da obra, Deus utiliza a palavra para revelar o caráter corrupto do homem e pede ao homem que pratique de acordo com o caminho correto. Este estágio é mais significativo do que o anterior e mais frutífero também, pois agora é a palavra que abastece diretamente a vida do homem e permite que o caráter do homem seja completamente renovado; é uma etapa mais completa de obra” (de ‘O mistério da encarnação (4)’ em “A Palavra manifesta em carne”). Lendo isso, fiquei extremamente animado. Embora eu não conseguisse entender completamente essas palavras e algumas até me intrigassem, elas me deram esperança. Senti que ali eu poderia encontrar uma maneira de me purificar e mudar. Agradeci a Deus do fundo do meu coração por ouvir minha oração. Li alguns dos conteúdos novamente e senti que as palavras estavam tão bem escritas que elas regavam e pastoreavam minha alma sedenta. Quando li no site a seguinte frase: “Se você não conseguir encontrar a Central Telefônica do Evangelho em seu país ou região, por favor, deixe-nos uma mensagem e entraremos em contato o mais breve possível”. Procurei, mas não havia uma central nas Filipinas. Assim, escrevi imediatamente uma mensagem e não hesitei em informar meu número de contato e endereço de e-mail.

Depois de voltar para casa naquela noite, contei a minha esposa essa notícia e depois de ouvir o que eu disse, ela também estava disposta a buscar. Agradeço muito ao Senhor porque, no dia seguinte, eles responderam à mensagem e combinaram de conversar conosco pela internet naquela tarde. Assim, conversamos com a irmã Liu e a irmã Su. Na conversa, senti que elas falavam com simplicidade, habilidade e discernimento. Minha esposa estava ainda mais ansiosa do que eu e disse: “Tem uma coisa que gostaria de perguntar a vocês. Tudo bem?” Elas disseram entusiasmadas: “É claro”. Minha esposa continuou: “No site da sua igreja está escrito: ‘Deus dos últimos dias realizou um estágio da obra de julgamento e castigo’. Meu marido e eu sabemos que, sem santidade, ninguém verá o Senhor porque Ele é santo, mas em Romanos diz: ‘Porque, se com a tua boca confessares a Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo’ (Romanos 10:9), ‘Porque: Todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo’ (Romanos 10:13). Se cremos no Senhor Jesus, já estamos salvos e podemos entrar no reino dos céus, então por que Deus dos últimos dias realiza um estágio da obra de julgamento e castigo? Eu não entendo essa questão e espero que vocês possam falar sobre isso”.

Liu Yumei respondeu: “Graças a Deus! Vamos comungar e deixar que Deus nos guie. Primeiro, vamos ver o que “ser salvo” significa aqui. No último período da Era da Lei, todas as pessoas se afastavam de Deus e haviam perdido o respeito por Ele. Elas se tornavam cada vez mais pecadoras, a ponto de oferecer gado, ovelhas e pombos cegos, coxos e doentes em sacrifício. As pessoas daquela era não cumpriam mais a lei e corriam o risco de serem condenadas à morte por violá-la. Sob tais circunstâncias, a fim de salvar as pessoas da morte certa, Deus encarnou pessoalmente e empreendeu a obra da redenção e, no fim, foi crucificado para redimir toda a humanidade do pecado. O homem foi perdoado por seus pecados, porque creu no Senhor Jesus e tornou-se apto a se colocar diante de Deus, orar a Ele e desfrutar de Suas bênçãos. Esse é o verdadeiro significado de “ser salvo” na Era da Graça. Em outras palavras, “ser salvo” é apenas um perdão dos pecados do homem. Isto é, Deus não considera as pessoas como pecadoras, mas isso não significa que elas não tenham pecados. Portanto, ser salvo não significa que estamos completamente purificados e salvos. Se quisermos ser purificados, temos que aceitar a obra de julgamento de Deus dos últimos dias”.

Ouvindo a comunhão delas, minha esposa e eu entendemos que “ser salvo”, como dito na epístola dos Romanos, referia-se à aceitação da salvação do Senhor Jesus e a não ser mais condenado à morte por infringir a lei. Não era como havíamos imaginado: que “ser salvo” significava estar completamente purificado. O que eles disseram fazia sentido. Explicar “ser salvo” dessa maneira estava de acordo com nossa situação de viver em pecado e confessá-los. Então, o Senhor Jesus realizou apenas a obra de redenção, não a obra de purificação e salvação completa da humanidade. Embora as pessoas creiam no Senhor e sejam salvas, isso não significa que elas estejam totalmente purificadas. Ouvindo a comunhão delas, senti que a verdade estava presente nela, por isso expressei minha vontade de ouvir ainda mais. Eu disse: “Graças ao Senhor! Vocês falam muito bem. Nessa conversa, entendemos o verdadeiro significado de “ser salvo”. Por favor, continuem com a comunhão. Que o Senhor nos guie”. A irmã Su continuou: “Tudo bem, vamos ler algumas passagens da palavra de Deus Todo-Poderoso e tudo ficará mais claro. Deus Todo-Poderoso disse: ‘Na época, a obra de Jesus foi a redenção de toda a humanidade. Os pecados de todos que acreditavam Nele foram perdoados; contanto que você acreditasse Nele, Ele o redimiria; se você acreditasse Nele, não era mais pecador e estava aliviado de seus pecados. É isso que significava ser salvo e ser justificado pela fé. No entanto, naqueles que acreditavam ainda restava o que era rebelde e se opunha a Deus e o que ainda precisava ser removido lentamente. A salvação não significava que o homem havia sido completamente ganho por Jesus, mas sim que o homem não era mais do pecado, que ele havia sido perdoado de seus pecados: se você acreditasse, nunca mais seria do pecado’ (de ‘A visão da obra de Deus (2)’ em “A Palavra manifesta em carne”). ‘O homem foi curado de sua doença e seus pecados perdoados, mas a obra a respeito de como os caracteres satânicos corruptos dentro do homem poderiam ser descartadas não foi feita nele. O homem foi apenas salvo e perdoado por sua fé, mas a natureza pecaminosa do homem não foi retirada e ainda permaneceu dentro dele. Os pecados do homem foram perdoados através de Deus encarnado, mas isso não significa que o homem não tenha pecado algum dentro dele. Os pecados do homem podiam ser perdoados através da oferta pelo pecado, mas o homem tem sido incapaz de resolver a questão de exatamente como ele pode não pecar mais e como sua natureza pecaminosa pode ser eliminada completamente e transformada. Os pecados do homem foram perdoados por causa da obra da crucificação de Deus, mas o homem continuou a viver no velho e corrupto caráter satânico. Como tal, o homem deve ser completamente salvo do caráter satânico corrupto para que a natureza pecaminosa do homem seja completamente eliminada e nunca mais se desenvolva, permitindo, assim, que o caráter do homem seja alterado. Isso requer que o homem entenda o caminho do crescimento na vida, o caminho da vida e o caminho para mudar seu caráter. Também é necessário que o homem aja de acordo com esse caminho, para que o caráter do homem possa ser mudado paulatinamente e que ele possa viver sob o brilho da luz, que ele possa fazer todas as coisas de acordo com a vontade de Deus, eliminar o caráter satânico corrupto e libertar-se da influência das trevas de Satanás, emergindo, assim, completamente do pecado. Só então o homem receberá a salvação completa’ (de ‘O mistério da encarnação (4)’ em “A Palavra manifesta em carne”). ‘Embora Jesus tenha feito muitas obras no meio dos homens, Ele apenas completou a redenção de toda a humanidade e tornou-Se oferta pelos pecados dos homens e não livrou o homem de todo seu caráter corrupto. Livrar o homem plenamente da influência de Satanás não apenas exigiu de Jesus tomar os pecados do homem como oferta pelo pecado, mas também exigiu de Deus fazer uma obra maior para livrar completamente o homem de seu caráter, o qual tem sido corrompido por Satanás. E assim, depois que o homem foi perdoado por seus pecados, Deus voltou à carne para guiar o homem até a nova era, e começou a obra do castigo e julgamento, e esta obra tem trazido o homem a um domínio superior. Todo aquele que se submete ao Seu domínio desfrutará de uma verdade maior e receberá bênçãos ainda maiores. Eles viverão verdadeiramente na luz, e ganharão a verdade, o caminho e a vida’ (de ‘Prefácio’ em “A Palavra manifesta em carne”). Podemos ver pelas palavras de Deus Todo-Poderoso que se nos apegarmos somente à obra redentora de Deus da Era da Graça e não aceitarmos a obra de julgamento dos últimos dias, o problema da origem do nosso pecado não será resolvido. Deus Todo-Poderoso dos últimos dias chegou e realizou uma etapa da obra sobre o fundamento da obra de redenção, julgando e purificando o homem – proferindo verdades para revelar a verdade da corrupção do homem e julgando sua natureza satânica. Ele veio para mudar o caráter satânico das pessoas, libertá-las completamente da influência de Satanás e salvá-las. É evidente que a obra de julgamento de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias é a obra mais crítica e fundamental para purificar, salvar e aperfeiçoar as pessoas. Portanto, somente aceitando a obra de julgamento de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias podemos ter um verdadeiro entendimento de nossa própria essência corrompida e do caráter justo de Deus, libertar-nos completamente da influência de Satanás, ser salvos por Deus e tornar-nos pessoas que obedecem, adoram e são compatíveis com Ele”.

Ouvindo essas comunhões, meu coração iluminou-se e senti que meus antigos problemas tinham, finalmente, sido resolvidos. Então, Deus estava apenas realizando a obra de redenção na Era da Graça, não a obra de livrar as pessoas de seu caráter satânico corrupto. A obra de julgamento feita pelas declarações da verdade da encarnação dos últimos dias de Deus é a obra de total purificação e salvação do homem. Então, como Deus purifica, muda as pessoas e as salva completamente? Eu estava ansioso para saber a resposta para essa questão. Assim, eu não podia esperar para perguntar: “Eu entendi o que você acabou de falar e sei que só podemos alcançar a purificação com a segunda vinda do Senhor realizando uma etapa da obra de julgamento. É isso que eu desejo há muito tempo. O que eu realmente quero saber agora é como Deus Todo-Poderoso realiza a obra de julgamento, purificando e salvando as pessoas? Por favor, compartilhe sua comunhão”.

A irmã Su prosseguiu: “A questão de como Deus Todo-Poderoso realiza a obra de julgamento, purificando e salvando as pessoas, é particularmente importante para todos que queiram alcançar a transformação e a purificação. As palavras de Deus Todo-Poderoso dizem a verdade sobre esse assunto. Vou enviar-lhe as palavras de Deus Todo-Poderoso. Irmão, por favor, leia!”

Eu li com entusiasmo as palavras de Deus Todo-Poderoso: “Nos últimos dias, Cristo usa uma variedade de verdades para ensinar o homem, expor a essência do homem e dissecar suas palavras e ações. Tais palavras abrangem várias verdades: o dever do homem, como o homem deveria obedecer a Deus, como o homem deveria ser leal a Deus, como o homem deve viver a humanidade normal, bem como a sabedoria e o caráter de Deus e assim por diante. Tais palavras são todas dirigidas à essência do homem e ao seu caráter corrupto. Em especial, tais palavras que expõem como o homem desdenha de Deus são faladas em relação a como o homem é a materialização de Satanás e uma força inimiga contra Deus. Ao realizar Sua obra de julgamento, Deus não só torna clara a natureza do homem com apenas algumas palavras, como também a expõe, o tratamento e a poda no longo prazo. Tais métodos de exposição, tratamento e poda não podem ser substituídos por palavras comuns, mas pela verdade que o homem absolutamente não possui. Apenas métodos desse tipo são considerados julgamento; só por meio de julgamento desse tipo é que o homem pode ser subjugado e completamente convencido a se submeter a Deus e, além disso, ganhar verdadeiro conhecimento de Deus. O que a obra de julgamento produz é o entendimento do homem da verdadeira face de Deus e da verdade sobre a própria rebelião. A obra de julgamento permite que o homem ganhe bastante entendimento da vontade de Deus, do propósito da obra de Deus e dos mistérios que lhe são incompreensíveis. Também permite que o homem reconhece e conheça sua substância corrupta e as raízes de sua corrupção, bem como descubra a fealdade do homem. Tais efeitos são todos produzidos pela obra de julgamento, pois a substância dessa obra é, de fato, a obra de abrir a verdade, o caminho e a vida de Deus a todos aqueles que têm fé Nele. Tal é a obra de julgamento realizada por Deus” (de ‘Cristo realiza a obra do julgamento com a verdade’ em “A Palavra manifesta em carne”).

Depois que terminei de ler as palavras de Deus, a irmã Su continuou com sua comunhão: “As palavras de Deus Todo-Poderoso dizem com muita clareza como Ele julga e purifica as pessoas. Deus nos últimos dias está declarando, principalmente, a verdade a respeito do caráter corrupto do homem e sua natureza satânica de resistência a Deus, a fim de julgar, purificar e salvar o homem. Deus Todo-Poderoso enunciou verdades sobre muitos aspectos – como Satanás corrompeu as pessoas, como Deus as salvou, o que é seguir as pessoas, o que é obedecer a Deus, quais pontos de vista o homem deve ter ao crer em Deus, o que é transformação de caráter, o que é temer a Deus e evitar o mal, o que é ofender o caráter de Deus, como ser um homem honesto, etc. Todas essas verdades possuem autoridade e poder e podem prover as pessoas com vida. Esse é o caminho da vida eterna que Deus concede à humanidade. Se as pessoas aceitarem e praticarem a palavra de Deus, elas poderão alcançar a purificação e a salvação. Nós vivenciamos alguns anos da obra de julgamento de Deus Todo-Poderoso e tivemos uma experiência pessoal. Quando lemos as palavras de Deus Todo-Poderoso de julgamento, castigo e revelação do homem, sentimos que elas são como uma espada de dois gumes, revelando nossa rebeldia, corrupção, resistência, intenções erradas, noções, imaginações e, até mesmo, as toxinas de Satanás escondidas nas profundezas do nosso coração. Isso nos faz ver que somos arrogantes e presunçosos, desonestos e astutos, egoístas, mesquinhos e cegos a tudo, menos aos nossos próprios interesses, quase sem nenhum temor a Deus. Vemos que tudo o que fazemos e tudo que preenche nosso coração é imundície e corrupção. Somos como fantasmas vivos, sem qualquer semelhança humana. Todos sentimos muita vergonha de mostrar o rosto. Percebemos que, se continuarmos a viver de acordo com o caráter corrupto de Satanás, sempre seremos pessoas que desagradam a Deus, nunca conquistaremos o Seu louvor e estaremos destinados à eliminação e punição. O julgamento das palavras de Deus Todo-Poderoso e aquilo que elas revelam nos fazem sentir como se Deus estivesse nos julgando face a face, o que nos faz reconhecer Seu caráter majestoso, colérico e justo, e nos leva a desenvolver um coração temente a Deus, e a alcançar um arrependimento e uma mudança verdadeiros. Agora parece que estamos vivendo um pouco à semelhança do homem e vemos que, de fato, alcançamos a grande salvação de Deus. Se o julgamento de Deus não recaísse sobre nós, não seríamos capazes de conhecer Seu caráter justo que não tolera a ofensa do homem e Sua santa e boa essência. Também não desenvolveríamos ódio por nossa própria rebeldia e corrupção, nem seríamos capazes de deixar de lado nossa corrupção e de ser purificados. Então, quanto mais experimentamos o julgamento e o castigo de Deus, mais vemos que eles são a nossa melhor proteção, nossa maior bênção e a mais real salvação!”

A irmã Liu também comungou: “A obra de julgamento e castigo de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias é a obra de purificar, salvar e aperfeiçoar completamente as pessoas. Se não aceitarmos o julgamento diante do trono de Cristo dos últimos dias, não poderemos alcançar a purificação e as transformações em nosso caráter de vida. Assim, o resultado certamente será rejeição e eliminação por Deus. Além disso, sofreremos a perdição e perecermos. Nunca haverá uma chance de salvação e de entrar no reino dos céus. Isso é uma certeza”.

Eu disse com alegria: “Graças a Deus! Sinto meu coração iluminado depois de ouvir a sua comunhão. Eu creio no Senhor há muitos anos, mas vivo em pecado e não consigo me libertar. Agora entendo que se eu não experimentar o julgamento e castigo de Deus nos últimos dias, serei incapaz de me libertar da escravidão e da prisão do pecado. Hoje encontrei a senda para a purificação e a salvação”. Depois de vários dias de comunhão, minha esposa e eu entendemos algumas verdades e aceitamos a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias.

Graças a Deus Todo-Poderoso por me amar e me salvar! Como pastor, tenho a responsabilidade e a obrigação de trazer todos os pastores e os irmãos e irmãs que eu conheço para estarem diante de Deus. Depois de um período de cooperação, além de vários irmãos e irmãs, que compareciam às reuniões, aceitarem Deus Todo-Poderoso, eles também trouxeram outro pastor de uma igreja doméstica para a família de Deus, bem como a maioria dos irmãos e irmãs da igreja deles retornaram para Deus. Fiquei encantado ao ver que aqueles irmãos e irmãs haviam aceitado a salvação de Deus dos últimos dias e foram elevados diante de Seu trono. Tudo isso é fruto da obra de Deus Todo-Poderoso e atribuímos toda essa glória a Ele!

Conteúdo Relacionado

  • O tabernáculo de Deus está com os homens

    Um dia, fui à casa da minha irmã para ver nossa mãe. Antes de eu sair de lá, minha irmã me deu um livro, insistindo para que eu o lesse com cuidado. Pensei comigo mesma: “Este livro é com certeza uma obra espiritual. Meu espírito está muito seco hoje em dia, não parece que o Senhor está comigo e não me sinto iluminada ao ler a Bíblia. Quando eu voltar para casa, vou ler este livro com cuidado.

  • Eu encontrei um verdadeiro lar

    Yangyang, Estados Unidos Quando eu tinha três anos de idade, meu pai faleceu. Minha mãe tinha acabado de dar luz ao meu irmão caçula e minha avó, dev…

  • Encontrei a verdadeira felicidade

    Zhang Hua, Camboja Nasci em uma família de agricultores comuns. Mesmo que minha família não fosse rica, meu pai e minha mãe se amavam e me tratavam m…

  • Saindo da névoa para ver a luz

    Faith, China Eu sou um trabalhador comum. No final de novembro de 2013, um colega de trabalho viu que minha esposa e eu sempre fazíamos muito barulho …