226 Vi a justiça de Deus

1 Quando experimentei julgamento diante do trono de Cristo, de repente despertei. Quando fazia parte da religião, grande parte da minha fé no Senhor era impura. Apesar de ter abandonado tudo e labutado muitos anos pelo Senhor, faltava-me conhecimento real do Senhor, eu estava cheio de concepções e imaginações. Pensava que Deus era misericordioso e compassivo, que eu merecia receber graça da minha fé no Senhor. Durante anos, segui o exemplo de Paulo, sofrendo e pagando um preço pelo Senhor. Quando estava preso e sofria dor extrema, eu não me tornei um Judas. Era tudo para ganhar a coroa da glória e receber as bênçãos do reino dos céus. Em meio às revelações e ao julgamento das palavras de Deus, eu me prostrei no chão.

2 O julgamento das palavras de Deus revela a natureza corrupta da humanidade. Mesmo que nossos pecados sejam perdoados, nossa natureza satânica está profundamente enraizada. A despeito de trabalhar duro pelo Senhor, meu caráter satânico é exposto com frequência. Sou arrogante, presunçoso, minto, tudo que quero é distinguir-me. Fazer pequenas boas ações serve apenas para ser abençoado, mas não para praticar a verdade. Despender-se e sofrer dificuldades por Deus é negociar com Deus. Minhas orações a Deus nada são além de enganação, não tenho temor de Deus. Como eu, tão imundo e corrupto, poderia ser apto para viver diante de Deus? Dou graças a Deus por não me abandonar; isso é realmente o Seu amor.

3 Após experimentar o julgamento, vejo que Deus é santo e justo. Deus determina o fim das pessoas com base em se elas possuem a verdade. O caráter justo de Deus se manifesta inteiramente em Seu julgamento. Provei o caráter de Deus; nele não há apenas compaixão, mas também julgamento. No passado, tudo que eu dizia e fazia transbordava de caracteres satânicos. Todos os dias eu orava a Deus e confessava meus pecados, mas eu não me arrependia de verdade. Foi o julgamento de Deus que purificou o meu caráter corrupto. A santidade e justiça de Deus são tão belas que merecem o louvor do homem. Cumprirei bem o meu dever e amarei e obedecerei a Deus para sempre.

Anterior : 225 Foi Deus quem me salvou

Próximo : 227 Eu não posso ficar sem o castigo e julgamento de Deus

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado

Capítulo 29

Você sabe que o momento é urgente? Assim, em curto prazo, você confiará em Mim e rejeitará todas as coisas de você que são incompatíveis...

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Conteúdos

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro