Cristo realiza a obra do julgamento com a verdade (Trecho II)

Nos últimos dias, Cristo usa uma variedade de verdades para ensinar o homem, expor a essência do homem e dissecar suas palavras e ações. Tais palavras abrangem várias verdades: o dever do homem, como o homem deveria obedecer a Deus, como o homem deveria ser leal a Deus, como o homem deve viver a humanidade normal, bem como a sabedoria e o caráter de Deus e assim por diante. Tais palavras são todas dirigidas à essência do homem e ao seu caráter corrupto. Em especial, tais palavras que expõem como o homem desdenha de Deus são faladas em relação a como o homem é a materialização de Satanás e uma força inimiga contra Deus. Ao realizar Sua obra de julgamento, Deus não só torna clara a natureza do homem com apenas algumas palavras, como também a expõe, o tratamento e a poda no longo prazo. Tais métodos de exposição, tratamento e poda não podem ser substituídos por palavras comuns, mas pela verdade que o homem absolutamente não possui. Apenas métodos desse tipo são considerados julgamento; só por meio de julgamento desse tipo é que o homem pode ser subjugado e completamente convencido a se submeter a Deus e, além disso, ganhar verdadeiro conhecimento de Deus. O que a obra de julgamento produz é o entendimento do homem da verdadeira face de Deus e da verdade sobre a própria rebelião. A obra de julgamento permite que o homem ganhe bastante entendimento da vontade de Deus, do propósito da obra de Deus e dos mistérios que lhe são incompreensíveis. Também permite que o homem reconhece e conheça sua substância corrupta e as raízes de sua corrupção, bem como descubra a fealdade do homem. Tais efeitos são todos produzidos pela obra de julgamento, pois a substância dessa obra é, de fato, a obra de abrir a verdade, o caminho e a vida de Deus a todos aqueles que têm fé Nele. Tal é a obra de julgamento realizada por Deus. Se você não atribui importância a essas verdades e sempre pensa em evitá-las ou em encontrar um novo caminho além delas, então digo que você é um pecador atroz. Se você tem fé em Deus, mas não busca a verdade ou a vontade de Deus, nem ama o caminho que o leva para mais perto de Deus, digo que você é alguém que está tentando se esquivar do julgamento, um fantoche e um traidor que foge do grande trono branco. Deus não poupará nenhum rebelde que fuja de Sua vista. Tais homens irão receber punição até mais severa. Aqueles que comparecerem perante Deus para ser julgados, e que tenham, ademais, sido purificados, viverão para sempre no reino de Deus. Evidentemente, isso é algo que acontecerá no futuro.

Extraído de “A Palavra manifesta em carne”

O significado da obra do julgamento de Deus nos últimos dias

I

Nos últimos dias, Cristo ensina o homem com verdades, a fim de expor a essência humana e dissecar suas palavras e ações.

II

As palavras de Cristo contém verdades sobre o dever do homem, como ser leal, a Deus obedecer, viver humanidade normal, a sabedoria e o caráter de Deus.

III

Tais palavras voltadas à essência e à corrupção humana mostram como o homem rejeita Deus, incorpora Satanás e é Seu inimigo.

A obra do juízo faz o homem entender a real face de Deus e a verdade sobre sua rebelião. Permite saber a vontade de Deus, o propósito de Sua obra, os mistérios não entendidos, conhecer suas raízes corruptas, descobrir a feiúra humana.

IV

Deus aclara a natureza humana, não com poucas palavras, mas com o tempo, expondo, tratando e podando, ao realizar Sua obra, obra de juízo.

V

Palavras não repõem esses meios, só a verdade que o homem não tem pode fazê-lo. Esses meios são juízo, ajudam a conhecer a Deus e convencem o homem a sujeitar-se a Ele.

A obra do juízo faz o homem entender a real face de Deus e a verdade sobre sua rebelião. Permite saber a vontade de Deus, o propósito de Sua obra, os mistérios não entendidos, conhecer suas raízes corruptas, descobrir a feiúra humana.

A obra do juízo tem esses efeitos, já que abre a verdade, caminho e vida de Deus a todo o que Nele tem fé. Esta é a obra do juízo feita por Deus.

de Seguir o Cordeiro e cantar cânticos novos

Quando o desastre vem, como nós cristãos devemos lidar com ele? Convidamos você a participar da nossa reunião online, onde podemos explorar juntos e encontrar o caminho.
Contate-nos
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo relacionado