93. Os princípios da rega e da provisão

(1) É necessário escolher que palavras de Deus comer e beber e que verdades comunicar à luz dos arranjos da obra. Só assim se pode passar gradualmente a compreender a verdade e entrar na realidade;

(2) É necessário conhecer a obra atual do Espírito Santo com base nos sermões e na comunicação a respeito de Deus e do homem que Ele usa, e treinar-se no uso da verdade para resolver problemas práticos;

(3) É necessário basear a comunhão da verdade na estatura, no calibre e nas dificuldades práticas de cada pessoa. Não empreguem métodos generalistas; adaptem a abordagem ao seu público;

(4) As palavras de Deus devem ser lidas em uma congregação, e a corrupção, corrigida por meio da comunicação da verdade, de uma forma que sintetize o estado real das pessoas e os problemas reais, dando-lhes assim uma senda na qual praticar.

Palavras de Deus relevantes:

Se vocês, como líderes e obreiros na igreja, quiserem conduzir as pessoas escolhidas de Deus para a verdade-realidade e para que sirvam como testemunhas de Deus, o mais importante é que vocês devem ter um entendimento mais profundo do objetivo de Deus de salvar as pessoas e do propósito de Sua obra. Vocês devem entender a vontade de Deus e Suas várias exigências às pessoas. Vocês devem ser práticos em seus esforços; pratiquem apenas tanto quanto entendem e comuniquem apenas o que sabem. Não se gabem, não exagerem e não façam observações irresponsáveis. Se você exagerar, as pessoas o detestarão e, depois, você se sentirá repreendido; isso simplesmente é inapropriado demais. Quando prover a verdade a outros, você não precisa necessariamente lidar com eles e repreendê-los para que eles alcancem a verdade. Se você mesmo não tiver a verdade e apenas lidar com os outros e os repreender, eles temerão você, mas isso não significa que eles entendem a verdade. Em algum trabalho administrativo, é bom você lidar com os outros, podá-los e, em certa medida, discipliná-los. Mas se você não puder prover a verdade e souber apenas ser autoritário e repreender os outros, sua corrupção e feiura serão reveladas. Com o passar do tempo, se as pessoas forem incapazes de obter a provisão de vida ou coisas práticas de você, elas virão a detestá-lo e se sentirão enojadas por você. Aqueles que carecem de discernimento aprenderão coisas negativas de você; aprenderão a lidar com os outros e podá-los, a se irritar e a perder a cabeça. Isso não é equivalente a conduzir os outros para a senda de Paulo, para uma senda da perdição? Isso não é um malefício? Seu trabalho deveria se concentrar em comunicar a verdade e prover vida para os outros. Se tudo que você faz é lidar com os outros cegamente e lhes passar sermões, como eles entenderão a verdade em algum momento? Com o passar do tempo, as pessoas verão quem você realmente é e o abandonarão. Como você pode esperar trazer os outros para diante de Deus dessa maneira? Como isso é fazer o trabalho? Você perderá todos se continuar trabalhando dessa maneira. Seja como for, qual é o trabalho que você espera realizar? Alguns líderes são incapazes de comunicar a verdade para resolver problemas. Em vez disso, eles apenas lidam cegamente com os outros e exibem seu poder para que os outros venham a temê-los e a obedecer a eles — tais pessoas pertencem aos líderes falsos e anticristos. Aqueles cujo caráter não mudou são incapazes de realizar o trabalho da igreja e estão impossibilitados de servir a Deus.

Extraído de ‘Somente aqueles com verdade-realidade podem liderar’ em “Registros das falas de Cristo dos últimos dias”

Vocês deveriam passar mais tempo falando dessas coisas essenciais relacionadas à entrada na vida, como comungar sobre a verdade, entrada na vida, mudanças no caráter e autoconhecimento. Não falem de assuntos que nada têm a ver com a verdade. Se frequentemente praticarem dessa forma, vocês ganharão alguma verdade-realidade. Dada a sua estatura atual, vocês não são capazes de fazer um trabalho que provê vida nem usar a verdade para resolver problemas. Tudo que conseguem fazer é convencer e exortar pessoas, dizendo: “Não desobedeçam nem resistam a Deus. A despeito de nosso ser tão corrompido, ainda assim Deus nos salva, portanto, devemos acatar Suas palavras e nos submeter a Ele”. Depois de ouvirem isso, as pessoas entendem doutrinas, mas ainda lhes falta energia e não sabem como praticar nem experimentar as palavras de Deus. Isso prova que vocês, como líderes e trabalhadores, também não possuem a verdade-realidade. Se vocês mesmos não alcançaram entrada, como, então, vocês podem prover para outros? Você não pode chegar à raiz das dificuldades e do caráter corrompido das outras pessoas, você não pode entender o que é crucial, pois ainda não se conhece. Como tal, prover a vida na igreja está além de vocês, e vocês só podem exortar as pessoas, dizendo-lhes para serem boas e obedecerem com sinceridade. Vocês são incapazes de resolver problemas reais, o que é evidência suficiente de que ainda não entenderam realmente a verdade nem alcançaram nenhuma entrada na vida. A maioria de vocês sabe apenas como pregar doutrina espiritual e teorias teológicas vazias, mas não podem prover vida; assim sendo, vocês são de estatura pequena demais. Ainda tem de haver uma mudança em sua visão da fé em Deus. Sua compreensão e suas motivações permanecem as mesmas. Você pede que os outros mudem, mas não oferece senda alguma e não tem nada para lhes prover. Você só pode repreender e exortar as pessoas com letras e doutrinas. Em última análise, os escolhidos de Deus guiados por você ainda não entenderão a verdade, nem terão verdadeiro conhecimento da obra de Deus. Se for esse o caso, como eles poderão desempenhar bem seus deveres? Como serão energizados como seguidores de Deus? Como líderes e obreiros, vocês deveriam entender e assimilar que tipo de compreensão os irmãos e irmãs na igreja têm das palavras de Deus, e que tipo de conhecimento eles têm de si mesmos. Isso se baseia em se vocês, como líderes e obreiros, possuem a verdade-realidade.

Extraído de ‘Como atravessar para a nova era’ em “Registros das falas de Cristo dos últimos dias”

Você precisa ter compreensão dos muitos estados em que as pessoas estarão quando o Espírito Santo operar nelas. Em particular, aquelas que coordenam o serviço a Deus devem captar ainda mais os vários estados resultantes da obra que o Espírito Santo realiza nas pessoas. Se você apenas fala sobre muitas experiências ou maneiras de alcançar entrada, isso mostra que a sua experiência é extremamente unilateral. Sem conhecer seu estado verdadeiro e captar o verdade-princípio, não é possível alcançar mudança no caráter. Sem conhecer os princípios da obra do Espírito Santo ou compreender o fruto que ela dá, será difícil para você discernir a obra de espíritos malignos. Você deve expor a obra dos espíritos malignos, assim como as noções do homem, e penetrar direto no cerne da questão; você deve, também, apontar vários desvios na prática das pessoas e os problemas que elas podem ter em sua fé em Deus, para que possam reconhecê-los. No mínimo, você não deve fazer com que elas se sintam negativas ou passivas. No entanto, você deve entender as dificuldades que existem objetivamente para a maioria das pessoas, e você não deve ser irracional nem deve tentar “ensinar um porco a voar”; isso é um comportamento tolo. Para resolver as muitas dificuldades que as pessoas experimentam, você deve primeiro compreender a dinâmica da obra do Espírito Santo; você deve entender como o Espírito Santo opera em pessoas diferentes, você deve ter um entendimento das dificuldades que as pessoas enfrentam e as suas deficiências, e você deve enxergar as questões principais do problema e chegar à sua origem, sem se desviar nem cometer erro algum. Somente uma pessoa assim está qualificada para coordenar o serviço a Deus.

Se você é capaz ou não de captar os principais problemas e ver claramente muitas coisas, isso depende de suas experiências individuais. A maneira com a qual você experimenta também é a maneira com a qual você lidera os outros. Se você compreender letras e doutrinas, então você levará os outros a compreender letras e doutrinas. A maneira com que você experimenta a realidade das palavras de Deus é a maneira com a qual você levará os outros a alcançar entrada na realidade das declarações de Deus. Se você é capaz de entender muitas verdades e de claramente ganhar percepção de muitas coisas das palavras de Deus, então você é capaz de levar os outros a entender muitas verdades, também, e aqueles que você lidera ganharão um entendimento claro das visões. Se você se concentra em captar sentimentos sobrenaturais, então aqueles que você lidera também farão o mesmo. Se você negligencia a prática, colocando, em vez disso, a ênfase na discussão, então aqueles que você lidera também se concentrarão na discussão, sem praticar nada, sem alcançar qualquer transformação em seu caráter; eles só mostrarão entusiasmo superficialmente, sem ter colocado nenhuma verdade em prática. Todas as pessoas fornecem aos outros aquilo que elas mesmas possuem. O tipo de pessoa que alguém é determina a senda pela qual ela guiará os outros, assim como o tipo de pessoa que ela lidera.

Extraído de ‘Com que um pastor adequado deveria ser equipado’ em “A Palavra manifesta em carne”

Vocês se desviaram em seus resumos da verdade; depois de fazer todos esses resumos, eles só renderam regras. Os “resumos da verdade” de vocês não são feitos para que as pessoas ganhem vida ou alcancem mudanças em seu carácter a partir da verdade. Em vez disso, eles fazem as pessoas dominarem alguns conhecimentos e doutrinas provenientes da verdade. Elas aparentam ter entendido o propósito por trás da obra de Deus, quando na verdade apenas dominaram algumas palavras e doutrinas. Elas não entendem o significado pretendido da verdade; não é diferente de estudar teologia ou ler a Bíblia. Você compila esses livros ou aqueles materiais, e assim as pessoas vêm a possuir esse aspecto da doutrina e aquele aspecto do conhecimento. Elas são oradores de doutrinas de primeira categoria — mas o que acontece quando terminam de falar? Elas são incapazes de experimentar, não têm compreensão da obra de Deus, nem têm compreensão alguma de si mesmas. No fim, tudo que ganharam são fórmulas e regras, e elas conseguem falar sobre essas poucas coisas e nada mais. Se Deus fizesse algo novo, você seria capaz de combinar todas as doutrinas que conhece com a nova? Aquelas coisas suas são apenas regras e você só está fazendo as pessoas estudar teologia, não lhes permitindo experimentar a palavra de Deus nem a verdade. Portanto, aqueles livros que você compila só podem trazer os outros à teologia e ao conhecimento, a novas fórmulas e a regras e convenções. Não podem trazer as pessoas para diante de Deus nem lhes permite entender a verdade ou a vontade de Deus. Você está pensando que, ao levantar aquelas questões uma após a outra, às quais você então responde e para as quais escreve esboços e resumos, seus irmãos e irmãs terão facilidade de entender e acha que, além de serem fáceis de lembrar, essas questões ficam claras num piscar de olhos e que essa é uma ótima maneira de fazer as coisas. Mas o que as pessoas estão entendendo não é o real significado pretendido da verdade e não corresponde à realidade — são apenas palavras e doutrinas. Então seria melhor se você não fizesse nenhuma dessas coisas. Fazer isso é levar as pessoas a entender e dominar o conhecimento. Você traz as pessoas para as doutrinas, para a religião, e faz com que elas sigam a Deus e acreditem Nele dentro das doutrinas religiosas. Isso não é ser tal como Paulo? Vocês acham que dominar o conhecimento da verdade é particularmente importante, e assim estão aprendendo de cor muitos trechos das palavras de Deus. Mas como as pessoas entendem a palavra de Deus não é nada importante. Vocês acham que é extremamente importante que as pessoas sejam capazes de memorizar muitas das palavras de Deus, sejam capazes de falar muita doutrina e descobrir muitas fórmulas dentro das palavras de Deus. Por isso, vocês sempre querem sistematizar essas coisas para que todos continuem estudando pela mesma cartilha, dizendo as mesmas coisas e falando sobre as mesmas doutrinas, para que tenham assim o mesmo conhecimento e observem as mesmas regras — esses são os seus objetivos. Parece que vocês estão fazendo isso em prol de as pessoas ganharem entendimento, quando, ao contrário, vocês não têm ideia de que isso é trazê-las para o meio de regras que estão fora da palavra de Deus a verdade. Para permitir que as pessoas tenham um entendimento real da verdade, você precisa conectás-la com a realidade e com a obra e precisa resolver os problemas práticos de acordo com a palavra de Deus a verdade. Só dessa maneira as pessoas podem entender a verdade e entrar na realidade, e só alcançar tal resultado é realmente trazer as pessoas para diante de Deus. Se tudo que você fala são teorias espirituais, doutrinas e regras, se você só se esforça nas palavras literais, tudo que consegue alcançar é pessoas dizendo as mesmas coisas e seguindo as regras, mas você não será capaz de orientar as pessoas para entender a verdade. Você será particularmente incapaz de fazer com que as pessoas entendam melhor a si mesmas, que alcancem o arrependimento e a transformação. Se a capacidade de falar sobre teorias espirituais pudesse substituir a entrada das pessoas na verdade-realidade, vocês não seriam necessários para liderar as igrejas.

Extraído de ‘Sem a verdade, uma pessoa é suscetível de ofender a Deus’ em “Registros das falas de Cristo dos últimos dias”

Quando, em sua comunhão juntos, vocês não comungarem sobre as doutrinas que ouviram ou recordaram nem sobre as teorias espirituais que entenderam, mas forem capazes de, em vez disso, comungar sobre seus próprios estados recentes, sobre as maneiras como suas visões e opiniões sobre algum evento passaram por mudança e tiveram novas descobertas e novos entendimentos sobre coisas suas que são contrárias às exigências de Deus e à verdade, então, nesse momento, ao serem capazes de comungar tais coisas, vocês terão estatura. Se nunca examinaram todos os aspectos de suas visões, opiniões, motivos e pensamentos ou se, tendo-os examinado, vocês forem incapazes de dizer se eles são certos ou errados, e seu juízo deles for confuso, então, se liderassem a igreja, com o que regariam outros? (Com as letras e doutrinas.) A Mim parece que vocês regariam outros não só com teorias espirituais e com as letras e doutrinas, mas também, talvez, com suas visões absurdas e suas noções pessoais de Deus e, mais do que isso, com suas visões unilaterais e percepções de Deus, em total desacordo com o estado real das coisas e a essência de Deus. E o que acontece a todos educados sob tal liderança? Eles se tornam capazes só de falar sobre as letras e doutrinas. Se Deus realmente quisesse produzir algo neles, a não resistência deles a isso seria um resultado satisfatório; eles seriam completamente incapazes de considerá-lo corretamente. O que isso mostra? Mostra que o que vocês instilam nos outros são noções e imaginações. Se outros não aumentaram seu entendimento nem diminuíram seus equívocos sobre Deus devido à sua rega e liderança, então como foi o desempenho do dever de vocês? Vocês o fizeram de modo adequado? (De modo inadequado.) Vocês agora são capazes de determinar que partes de sua rega e que partes do trabalho que fazem são verdadeiramente úteis e benéficas a outros, resolveram de fato os equívocos dos outros sobre Deus e forneceram a outros um verdadeiro entendimento de Deus e um relacionamento normal com Ele? Se conseguem alcançar esses resultados em seu trabalho, vocês estão são capazes de fazer trabalho prático e cumprir seu dever adequadamente.

Extraído de ‘A atitude que o homem deve ter para com Deus’ em “Registros das falas de Cristo dos últimos dias”

À medida que sua vida avança, você sempre deve ter uma nova entrada e uma percepção nova e mais elevada, que se torna mais profunda a cada passo. É nisso que toda a humanidade deveria entrar. Por meio da comunhão, ouvindo uma mensagem, lendo a Palavra de Deus, lidando com uma questão, você ganhará nova percepção e nova iluminação. E você não vive dentro das regras dos velhos e antigos tempos. Você sempre vive dentro da nova luz, e não se afasta da Palavra de Deus. Isso é que se chama entrar na trilha correta. Não bastará apenas pagar o preço num nível superficial. Dia a dia, a Palavra de Deus entra num reino mais elevado, e coisas novas aparecem diariamente. Também é necessário que o homem faça uma nova entrada todos os dias. À medida que fala, Deus realiza tudo o que falou, e se você não conseguir manter o ritmo, ficará para trás. Você deve se aprofundar em suas orações; comer e beber mais da palavra de Deus não pode ser intermitente. Aprofunde o esclarecimento e a iluminação que recebe, e suas noções e imaginações devem diminuir gradualmente. Você também deve fortalecer seu julgamento e, seja lá o que encontrar, deve ter seus pensamentos sobre isso e seus pontos de vista. Por entender algumas coisas no espírito, você deve ganhar percepção das coisas externas e compreender a essência de qualquer questão. Se você não está equipado com essas coisas, como poderá liderar a igreja? Se você apenas fala de letras e doutrinas sem realidade alguma e sem um caminho de prática, você só poderá sobreviver por um curto período de tempo. Pode ser ligeiramente aceitável ao falar com novos crentes, mas depois de um tempo, quando os novos crentes já tiverem alguma experiência real, então você não conseguirá mais supri-los. Então como você fica apto para que Deus o use? Sem nova iluminação, você não pode trabalhar. Aqueles que não possuem a nova iluminação são os que não sabem como experimentar, e esses homens não ganham nunca novos conhecimentos ou novas experiências. E, no que diz respeito a suprir a vida, eles nunca podem desempenhar sua função, nem podem se tornar aptos para serem usados por Deus. Esse tipo de homem não serve para nada; é uma pessoa inútil. Na verdade, esses homens são totalmente incapazes de desempenhar sua função no trabalho e não servem para nada. Não só falham em desempenhar sua função, mas na realidade colocam muita tensão desnecessária na igreja. Exorto esses “veneráveis anciãos” a se apressarem e deixarem a igreja para que os outros não tenham que olhar para você.

Extraído de ‘Aqueles que obedecem a Deus com um coração sincero certamente serão ganhos por Deus’ em “A Palavra manifesta em carne”

Anterior: 92. Os princípios de ser um pregador

Próximo: 94. Os princípios de usar a verdade para resolver problemas

Durante desastres, além de rezar, a coisa mais crítica para nós é encontrar a maneira de sermos protegidos. Junte-se ao nosso grupo de estudo gratuitamente.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro