123. Os princípios para agir sabiamente na fé em Deus

(1) É necessário saber a diferença essencial entre sabedoria e engano. O objetivo de ser sábio é cumprir bem o seu dever e seguir a vontade de Deus. É uma coisa positiva;

(2) Métodos sábios devem ser empregados contra aqueles que pertencem ao diabo Satanás, para que as pessoas más não ganhem influência, não explorem sua vantagem, nem prejudiquem e perturbem a obra da casa de Deus;

(3) A busca da honestidade é o princípio para ser humano e agrada a Deus, mas é preciso ressaltar a sabedoria ao lidar com a gangue de Satanás, pois Satanás é extremamente astuto;

(4) Ao difundir o evangelho, é preciso procurar por aqueles que conseguem aceitar a verdade e nunca se deve difundi-la entre a gangue de Satanás, que odeia a verdade. Isso está inteiramente de acordo com a verdade o princípio.

Versos da Bíblia para referência:

“Eis que vos envio como ovelhas ao meio de lobos; portanto, sede prudentes como as serpentes e simples como as pombas. Acautelai-vos dos homens; porque eles vos entregarão aos sinédrios, e vos açoitarão nas suas sinagogas; e por Minha causa sereis levados à presença dos governadores e dos reis, para lhes servir de testemunho, a eles e aos gentios. […] Quando, porém, vos perseguirem numa cidade, fugi para outra” (Mateus 10:16-23).

Palavras de Deus relevantes:

É preciso utilizar sabedoria em todos os aspectos e utilizar a sabedoria para seguir Meu caminho perfeito. Aqueles que agem nos limites da Minha palavra são os mais sábios de todos, e aqueles que agem de acordo com Minha palavra são os mais obedientes. O que Eu digo é o que vale, e você não precisa debater Comigo ou tentar argumentar Comigo. Tudo o que Eu digo, digo com você em mente (não importa se Eu sou rigoroso ou gentil). Se você se concentrar em ser obediente, ficará bem, e este é o caminho da verdadeira sabedoria (e de evitar que o julgamento de Deus caia sobre você).

Extraído de ‘Capítulo 49’ das Declarações de Cristo no princípio em “A Palavra manifesta em carne”

Você precisa possuir Minha coragem dentro de si e precisa ter princípios quando se tratar de enfrentar parentes que não creem. Por Minha causa, porém, você também não precisa se render a quaisquer forças das trevas. Confie em Minha sabedoria para trilhar o caminho perfeito; não permita que quaisquer conspirações de Satanás se consolidem. Coloque todos os esforços em apresentar seu coração diante de Mim e Eu o consolarei e lhe trarei paz e felicidade. Não se esforce para ser de certa maneira na frente de outras pessoas; deixar-Me satisfeito não tem valor e peso maiores? Ao Me satisfazer, você não estará ainda mais pleno de paz e alegria eternas e vitalícias?

Extraído de ‘Capítulo 10’ das Declarações de Cristo no princípio em “A Palavra manifesta em carne”

Quando você descobre que alguém é um anticristo, Eu lhe digo, se você acha que ele tem grande poder e que, se você o expuser, você pode ser expurgado, isolado ou ter seus livros das palavras de Deus confiscados, não bata de frente com ele. Você deve pensar prontamente em maneiras de expô-lo, denunciá-lo e renunciar a ele, enquanto guarda seus livros, sem romper seu contato com a igreja. Não o confronte diretamente. Seria inútil argumentar com ele, seria inútil tentar reformá-lo por meio do amor e seria inútil comungar sobre a verdade com ele. Você não pode mudá-lo. Visto que você não pode mudá-lo, seu melhor curso é evitar qualquer conversa pessoal e qualquer tentativa de argumentar com ele, com a expectativa de que ele se arrependerá. Ao contrário, exponha-o e denuncie-o de modo que ele não fique sabendo. Deixe que seus superiores lidem com ele ou reúna mais pessoas para expô-lo, denunciá-lo e renunciar a ele, fazendo, assim, com que a igreja o ponha de lado. Essa não é uma boa maneira de lidar com isso? Se você reconhecer um anticristo e ele tentar extrair seus pensamentos íntimos e ver se você o identificou, o que você vai fazer? Você deve enxergar o truque do diabo Satanás; você não pode cair na armadilha ou no buraco que ele cavou para você. Confrontado com o diabo Satanás, você precisa ser sábio. Você não deve falar sinceramente com ele. Aqueles com os quais você pode falar sinceramente são Deus e seus verdadeiros irmãos e irmãs, por isso você não pode nunca contar a verdade a Satanás, aos diabos ou aos anticristos. Somente Deus é digno de saber o que você pensa em seu coração; somente Deus é digno de soberania e escrutínio sobre o seu coração. Ninguém, muito menos o diabo Satanás, é qualificado para controlar seus pensamentos ou escrutinizar seu coração. Portanto, caso o diabo Satanás tente extrair suas palavras sinceras, você tem o direito de dizer “não”, de se recusar a responder, de não lhe dizer o que está pensando. Esse é um direito seu. Se você disser: “Você, diabo — tente extrair palavras de mim, mas eu não lhe direi a verdade; não lhe direi. Eu denunciarei você; e aí? Se você ousar se vingar de mim, eu o denunciarei. Se você se vingar de mim, Deus o amaldiçoará e punirá”, isso vai bastar? (Não.) A Bíblia diz: “sede prudentes como as serpentes e simples como as pombas” (Mateus 10:16). Em momentos como esse, você deve ser perspicaz como as serpentes e deve ser sensato. Devemos permitir que apenas Deus escrutinize nosso coração e devemos permitir que apenas Ele o ocupe. Devemos dar nosso coração apenas a Deus; somente Ele é digno de possuir nosso coração — Satanás, o diabo, não é! Portanto, os anticristos não são qualificados para saber como ou o que pensamos. Eles tentam extrair palavras de você, sondá-lo. O propósito deles é controlar você. Você precisa enxergar isso com clareza. Portanto, não seja sincero com um anticristo. Você tem que dar um jeito de se juntar com mais dos seus irmãos e irmãs para expô-lo, abandoná-lo e derrubá-lo do cargo. Jamais permita que ele prevaleça. Exclua-o da igreja e não lhe dê mais chance de causar perturbação ou exercer poder na casa de Deus.

Extraído de ‘Eles tratam a casa de Deus como seu império pessoal’ em “Expondo os anticristos”

Naquela época, quando Jesus operou na Judeia, Ele fez isso abertamente, mas agora, Eu opero e falo entre vocês em segredo. Os incrédulos não têm conhecimento nenhum a respeito disso. Minha obra entre vocês é fechada para os de fora. Essas palavras, esses castigos e julgamentos, são conhecidos apenas por vocês, e nenhum outro. Toda essa obra é realizada entre vocês e desvelada somente a vocês; nenhum dentre os incrédulos sabe disso, pois a hora ainda não chegou. Essas pessoas aqui estão perto de se tornarem completas depois de resistir aos castigos, mas os que estão do lado de fora nada sabem sobre isso. Essa obra está oculta demais! Para eles, o Deus tornado carne está oculto, mas para aqueles que estão nesta corrente, pode-se dizer que Ele está aberto. Embora em Deus tudo esteja aberto, tudo seja revelado e tudo seja libertado, isso só é verdade para aqueles que Nele creem; no que diz respeito aos restantes, os incrédulos, nada é revelado. A obra que está sendo realizada atualmente entre vocês e na China é estritamente bloqueada para impedi-los de saber. Se eles tomassem conhecimento, tudo o que fariam é condená-la e sujeitá-la a perseguição. Eles não acreditariam nela. Operar na nação do grande dragão vermelho, o mais atrasado dos lugares, não é tarefa fácil. Se essa obra fosse divulgada, seria impossível continuar. Este estágio da obra simplesmente não pode ser executado neste lugar. Como eles poderiam permitir que ela progredisse, se tal obra fosse executada abertamente? Isso não colocaria a obra em um risco ainda maior? Se esta obra não fosse ocultada, mas, ao invés, fosse executada como no tempo de Jesus, quando Ele curava os enfermos e expulsava demônios espetacularmente, ela não teria há muito tempo sido “confiscada” pelos diabos? Eles poderiam tolerar a existência de Deus? Se hoje Eu entrasse nas sinagogas para pregar e dar palestras ao homem, não teria Eu, há muito tempo, sido despedaçado? E se isso tivesse acontecido, como Minha obra poderia ter continuado a ser realizada? A razão pela qual os sinais e maravilhas não são manifestados abertamente de modo algum é em favor da ocultação. Assim, Minha obra não pode ser vista, conhecida ou descoberta por incrédulos. Se esta etapa da obra fosse para ser feita da mesma maneira que a de Jesus, na Era da Graça, ela não poderia ser tão firme como é agora. Assim, operar secretamente dessa maneira é benéfico para vocês e para a obra como um todo.

Extraído de ‘O mistério da encarnação (2)’ em “A Palavra manifesta em carne”

Trechos de sermão e comunhão para referência:

Quando pessoas enganosas praticam a enganação, isso é uma exposição de sua natureza. Quando pessoas honestas utilizam a sabedoria, isso é o que Deus exige e é, também, uma necessidade no trabalho; mais ainda, ser equipado com sabedoria é necessário no cumprimento do seu dever. Se uma pessoa honesta é tola e ignorante, ela não é adequada para ser usada por Deus, pois não pode alcançar bons resultados em seu trabalho sem sabedoria. O que é a sabedoria? É ser capaz de empregar todos os tipos de modos e meios para fazer a vontade de Deus e colocar a verdade em prática. Em qualquer assunto que envolva fazer a vontade de Deus e completar o que Deus nos confiou, não importa quais métodos adotemos, contanto que alcancemos bons resultados, isso mostra que temos sabedoria. Pessoas que empregam modos e métodos para fazer as coisas têm sabedoria. Visto que a sabedoria é uma coisa positiva e é aquilo que é empregado para alcançar objetivos apropriados, usá-la é algo que Deus elogia. A enganação, porém, é uma coisa negativa e é uma tática que as pessoas de Satanás empregam para alcançar seus objetivos reacionários e suas ambições individuais. Embora, às vezes, a sabedoria e a enganação pareçam empregar métodos similares, se vistos do exterior, uma vez que o significado de cada uma e os objetivos que cada uma alcança são diferentes, elas são diferentes por natureza. Pessoas enganosas adotam todo tipo de tática diferente para alcançar objetivos pessoais e desprezíveis — isso não pode ser descrito como sábio; apenas como astuto ou maquinador. As pessoas de Deus usam a sabedoria para derrotar o inimigo, defender a obra de Deus e ser capazes de satisfazer a vontade de Deus. Isso é, de todo, positivo, e é a verdadeira sabedoria. Empregar a sabedoria é certo e correto. Se alguém disser que é astuto, isso é o mesmo que denegrir o que é positivo e confundir o certo com o errado; é, também, uma falácia de pessoas tolas e ignorantes que carecem de discernimento. Ao analisar uma questão, você deve olhar para a sua essência, deve identificar sua fonte, e somente então chegar a uma conclusão apropriada. Você não pode julgar apenas por aparências externas e cuspir alguma besteira.

Extraído da comunhão do alto

Lide com as pessoas com sabedoria. Algumas pessoas dizem: “Conviver em harmonia com irmãos e irmãs exige sabedoria?” Sim, pois usar sabedoria proporciona benefícios ainda maiores para seus irmãos e irmãs. Alguns perguntarão: “Empregar sabedoria com irmãos e irmãs não é ser astuto?” Sabedoria não é astúcia. Pelo contrário: é o oposto exato da astúcia. Usar a sabedoria significa prestar atenção a como você fala com os irmãos e irmãs quando forem de pequena estatura, caso não consigam aceitar o que você diz. Além disso, para pessoas de pequena estatura, principalmente as que não possuem a verdade, que revelam alguma corrupção e têm alguns caracteres corrompido, se você for simples e aberto demais e lhes contar tudo, você dará a elas algo para usar contra você ou para explorar você. Você deve, por assim dizer, tomar algumas precauções e ter alguma técnica ao falar. Mas ser cauteloso com as pessoas não significa não as ajudar nem ter amor por elas. Significa apenas não lhes contar imediatamente algumas coisas importantes sobre a casa de Deus e simplesmente comunicar-lhes a verdade. Se precisarem de assistência espiritual na vida, se exigirem o sustento da verdade, precisamos fazer tudo o que estiver ao nosso alcance para satisfazê-las nesse aspecto. Mas se elas perguntarem acerca de uma coisa ou outra sobre a casa de Deus ou isso e aquilo sobre seus líderes e obreiros, não há necessidade de lhes contar. Se você contar, é provável que divulguem essas informações, e isso afetará a obra da casa de Deus. Em outras palavras, se for algo que não devem saber ou que não tenham necessidade de saber, não diga a elas. Se for algo que devem saber, faça todo o possível para lhes contar, de maneira concreta e sem reservas. Então, que coisas elas devem saber? A busca da verdade é o que elas devem saber: com qual verdade devem se equipar, quais aspectos da verdade devem compreender, quais deveres devem cumprir, quais deveres estão aptas para cumprir, como devem cumprir esses deveres, como viver a humanidade normal, como viver a vida da igreja — todas essas são coisas que as pessoas devem saber. Por outro lado, as regras e os princípios da casa de Deus, a obra da igreja e as situações de seus irmãos e irmãs não podem ser divulgados casualmente a pessoas de fora ou descrentes em sua família. Esse é o princípio que deve ser respeitado quando usamos a sabedoria. Os nomes e endereços de seus líderes, por exemplo, são coisas sobre as quais você jamais deve falar. Se você falar sobre essas coisas, jamais saberá quando essas informações caírem em ouvidos de descrentes, e isso pode se tornar um grande problema se forem transmitidas a alguns espiões do mal ou agentes secretos. Isso exige sabedoria, e é por isso que digo que possuir sabedoria é essencial. Além disso, quando está sendo simples e aberto, existem certas coisas privadas que não deve contar a qualquer um. Você precisa julgar a estatura de seus irmãos e irmãs para verificar se, após lhes contar, eles poderiam agir com impiedade e fazer piadas com o que você disser, criando problemas para você após isso se espalhar, prejudicando sua integridade. É por isso que ser simples e aberto também requer sabedoria.

Extraído de “Sermões e comunhão sobre a entrada na vida”

O propósito de espalhar o evangelho é trazer todos aqueles que acreditam que existe um Deus e que estão dispostos a aceitar o caminho verdadeiro para estar diante Dele, para que comam e bebam das Suas palavras, experimentem Sua obra, alcancem salvação e entrem em Seu reino. Esses são o propósito e significado de pregar o evangelho. Os princípios e métodos de evangelismo são, é claro, determinados com base no objetivo e significado de pregar o evangelho. Se a prática de princípios e métodos das pessoas não consegue alcançar o propósito e o efeito do evangelismo, isso prova que tais princípios e métodos são errados e que houve um desvio. A fim de alcançar bons resultados ao pregar o evangelho, as pessoas devem dar atenção especial a usar sabedoria e a certas técnicas. Isso porque, neste mundo atual de maldade e escuridão, mesmo em países com liberdade religiosa, todas as comunidades religiosas estão sendo controladas por anticristos e demônios e estão condenando e resistindo à obra de Deus. Ademais, todos os tipos de regimes satânicos estão fazendo de tudo para resistir a Deus e destruir Sua obra, e tentando fechar o cerco em torno dela. Portanto, realizar a vontade de Deus e espalhar o evangelho do Seu reino pelo mundo inteiro exige adotar técnicas inteligentes; somente assim o objetivo de trazer salvação para as pessoas pode ser alcançado. Esse é o princípio de prática do evangelismo. Devido à perseguição e à repressão exercidas pelas forças de Satanás, não é fácil pregar o evangelho, visto que os escolhidos de Deus devem conseguir ganhar pessoas e, ao mesmo tempo, proteger a si mesmos. Se não forem usados métodos sábios, existe o perigo de cair; então, é muito provável que a pessoa não somente não consiga ganhar ninguém como, ao contrário, seja entregue pelas forças malignas que estão resistindo a Deus ou capturada pelo grande dragão vermelho. Existem tantas lições como esta a serem aprendidas. Portanto, ao espalhar o evangelho, os escolhidos de Deus devem dar atenção especial ao emprego de técnicas baseadas na sabedoria. Algumas pessoas não usam princípios nem sabedoria ao espalhar o evangelho e, em vez disso, usam métodos mais diretos, seguindo o manual — tal prática está fadada a não alcançar resultados. Qualquer que seja o ambiente, as pessoas podem ir em frente e espalhar o evangelho, contanto que possam garantir que ganharão os outros e que elas mesmas não serão capturadas por Satanás.

Extraído de “Arranjos de trabalho”

Ao ser interrogado pelo grande dragão vermelho, a morte é preferível a entregar alguma coisa. Essa é a altura da sabedoria. Praticar a verdade e ser honesto são coisas a serem feitas diante de Deus e diante dos irmãos e irmãs; não temos obrigação alguma de dizer a verdade a Satanás e aos demônios. O único modo de tratar Satanás é odiá-lo, amaldiçoá-lo e dizer-lhe “não”. Essa é a postura imutável dos cristãos. Durante a Era da Graça, disse o Senhor Jesus: “sede prudentes como as serpentes e simples como as pombas” (Mateus 10:16). Essas palavras dizem às pessoas que sejam sábias ao lidar com Satanás, e que não lhe digam a verdade. O ato mais tolo de todos é contar a verdade a Satanás e dar-lhe informações; isso é como se entregar ao laço dele e convidar a própria destruição. Esse é um caso puro e simples de aniquilação por ignorância. No que tange a Satanás, você deve ser esperto; se não for, você estará sujeito a ser mergulhado nas tentações. Não reconhecer que você acredita em Deus quando interrogado pelo grande dragão vermelho é mera fraqueza humana; Deus não condenaria você. Ele não o condenaria como alguém que mente para Ele e O nega, muito menos poderia a igreja condenar você; mesmo assim, ela o receberá e tratará com amor. Porém, se você contar ao grande dragão vermelho coisas sobre a igreja — particularmente, se você entregar líderes e trabalhadores da igreja, ou as residências nas quais as oferendas são guardadas —, então você é um Judas que virou as costas para Deus. Deus o condenará, e a igreja o expulsará para sempre. Você deve ter clareza com relação às consequências.

Extraído de “Arranjos de trabalho”

Anterior: 122. Os princípios para ser uma pessoa honesta

Próximo: 124. Os princípios para interagir com outras pessoas

Durante desastres, além de rezar, a coisa mais crítica para nós é encontrar a maneira de sermos protegidos. Junte-se ao nosso grupo de estudo gratuitamente.

Configurações

  • Texto
  • Temas

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Espaçamento entre linhas

Largura da página

Sumário

Busca

  • Pesquise neste texto
  • Pesquise neste livro