Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

0 resultados

Nenhum resultado encontrado

Capítulo 55. Não delineie a obra de Deus

O livro “A Palavra manifesta em carne” é muito rico em conteúdo. Algumas das palavras contidas nesse livro são proféticas e profetizam como serão as eras futuras. As profecias são de fato apenas uma estrutura geral e a maior parte do livro discute a entrada do homem na vida, expõe a natureza humana e fala sobre entender Deus e Seu caráter. Quanto a que eras, quantas eras e em que tipo de reino a humanidade entrará no futuro, será que não há diagramas concretos, referências específicas e, além disso, períodos de tempo? Ou seja, as eras futuras não são da sua conta. Ainda não chegou a hora e você está muito longe dela. Você não entenderia mesmo que Eu lhe explicasse. Além disso, as pessoas não precisam entender essas coisas agora. Elas só precisam entender as palavras que revelam a natureza humana agora mesmo. Se algumas pessoas voltarem a perguntar sobre mistérios, você poderá responder como segue: “Essas coisas não têm muito a ver com mudar o caráter da vida do homem. Entenda o quanto puder disso, mas se você realmente não entender, pense sobre isso da maneira que quiser!” No passado, foram ditas algumas profecias, como a do Reino Milenar, Deus e homem entrando no descanso juntos e também com referência à Era da Palavra. Todas as palavras de profecia são concernentes a tempos que virão em breve; as coisas não mencionados são aquelas que estão muito distantes. Vocês não precisam estudar as coisas que estão muito distantes; o que vocês não devem saber não será dito a vocês; o que vocês devem saber é toda a verdade que vem de Deus – por exemplo, o caráter de Deus expresso em relação ao homem, o que Deus tem e é, o que é revelado pelas palavras de Deus, o julgamento, o castigo e a revelação da natureza do homem, bem como a direção na vida dada às pessoas, porque a obra de salvar as pessoas inclui essas coisas em seu centro. O propósito de Deus ao dizer essas coisas enquanto faz a obra de gerenciar a humanidade é, em primeira linha, conquistar e salvar as pessoas e mudar o caráter das pessoas. Atualmente a Era da Palavra é uma era realista, é a era em que a verdade conquista e salva o homem; mais tarde haverá mais palavras – muita coisa ainda não foi dita. Algumas pessoas pensam que essas palavras são todas palavras expressas por Deus – trata-se de uma interpretação tremendamente equivocada, porque a obra da Era da Palavra mal iniciou na China, mas haverá mais palavras depois que Deus aparecer e operar publicamente no futuro. Como será a Era do Reino, em que tipo de destino a humanidade entrará, o que acontecerá quando ela entrar naquele destino, que vida haverá para a humanidade então, que nível poderá ser alcançado pelo instinto humano, que tipo de liderança e que tipo de provisão será necessário etc., tudo isso está incluído na obra da Era da Palavra. A oni-inclusividade de Deus não é como você imagina no livro “A Palavra manifesta em carne”. A expressão do caráter de Deus e a obra de Deus podem ser tão simples como você imagina que sejam? A oni-inclusividade, a onipresença, a onipotência e a supremacia de Deus não são palavras vazias – se as palavras de Deus nesse grande livro representam tudo de Deus e se essas palavras finalizam todo o gerenciamento de Deus, então, você viu Deus de modo demasiado pequeno; isso não é delinear Deus novamente? Você precisa saber que essas palavras são uma parcela muito pequena do Deus oni-inclusivo. Todos os círculos religiosos delinearam Deus dentro da Bíblia. E hoje vocês O estão delineando também? Vocês não sabem que delinear Deus é rebaixar Deus? Que isso é condenar Deus e blasfemar contra Ele?

Atualmente, a maioria das pessoas pensa: “O que Deus disse durante os últimos dias está tudo no livro ‘A Palavra manifesta em carne’, não havendo mais palavras de Deus; isso é tudo o que Deus disse”. É um grande erro pensar desse modo! O livro “A Palavra manifesta em carne” apenas mostra que a obra de conquista de Deus na China chegou ao fim e foi levada a um fim, mas isso não significa que todo o gerenciamento de Deus tenha terminado. Quando a obra do universo inteiro estiver terminada, só se poderá dizer que o plano de gerenciamento de seis mil anos terminou; quando o plano de gerenciamento tiver terminado, não haverá ainda Deus e não existirão ainda as pessoas neste universo? Enquanto existir vida, enquanto existir a humanidade, o gerenciamento de Deus será efetivo. Exatamente como em uma fábrica, só porque um produto chegou ao fim do seu período de produção não significa que a fábrica fechará; enquanto for preciso que a fábrica exista, as operações da fábrica continuarão a existir; a fábrica precisará confeccionar produtos novos, mas de outro modo. Quando o plano de gerenciamento de seis mil anos estiver completo, enquanto existir humanidade, viver, vida e este universo, Deus continuará a gerenciar tudo, mas não mais será chamado de plano de gerenciamento de seis mil anos. Agora nos referimos a isso como o gerenciamento de Deus. Talvez venha a ser chamado por um nome diferente no futuro; isso será outra vida para a humanidade e Deus; Deus não poderá continuar usando as palavras atuais para conduzir as pessoas, já que essas palavras são adequadas apenas para este período de tempo. Por isso, não delineie a obra de Deus em momento algum. Alguns dizem que Deus provê as pessoas somente com essas palavras e nada mais; que Deus só pode dizer essas palavras – isso também é confinar Deus dentro de um certo escopo. Isso seria exatamente o mesmo que, no momento, na Era do Reino, aplicar as palavras da era de Jesus – isso seria apropriado? Algumas das palavras se aplicariam e algumas precisariam ser abolidas, de modo que você não pode dizer que as palavras de Deus jamais poderão ser destruídas. As pessoas prontamente delineiam coisas? Em algumas áreas, elas fazem isso. Talvez um dia você venha a ler “A Palavra manifesta em carne” exatamente como as pessoas leem a Bíblia hoje, não acompanhando os passos de Deus. Agora é o tempo certo para ler “A Palavra manifesta em carne”; lê-lo mais tarde será como olhar para um velho calendário amarelado, porque, naquele tempo, haverá algo novo para substituir o velho. As necessidades das pessoas foram produzidas e desenvolvidas de acordo com a obra de Deus. Naquele tempo, a natureza humana e os instintos e atributos que as pessoas devem ter estarão um tanto mudados; depois que este mundo mudar, as necessidades da humanidade serão diferentes. Há quem pergunte: “Deus falará mais tarde?” Alguns chegarão à conclusão de que “Deus não falará porque Sua obra está terminada e, quando a obra da Era da Palavra estiver terminada, nada mais poderá ser dito e quaisquer outras palavras serão falsas”. Isso não está errado também? É fácil para a humanidade cometer o erro de delinear Deus; as pessoas estão propensas a se agarrar ao passado e demarcar Deus. Elas claramente não conhecem Deus e ainda arbitrariamente delineiam a obra de Deus. Sua natureza é tão arrogante! As pessoas sempre desejam se ater às velhas concepções do passado, elas mantêm as coisas de tempos passados guardadas em seu coração e as usam como o principal para elas, sendo arrogantes e pomposas e pensando que entendem tudo e tendo a ousadia de delinear a obra de Deus. Ao fazer isso, elas não emitem juízo sobre Deus? Ademais, as pessoas não levam em consideração a nova obra de Deus, o que mostra que é difícil para elas aceitar coisas novas e, ainda assim, elas cegamente delineiam Deus; as pessoas são tão presunçosas que perdem a razão, não escutam ninguém e não aceitam nem as palavras de Deus. Essa é a natureza do homem: totalmente arrogante e hipócrita e sem a mínima obediência. Quando condenaram Jesus, os fariseus procederam assim: “Mesmo se Tu tivesses razão, eu não Te seguiria – somente Jeová é o verdadeiro Deus”. Hoje, também não há pessoas que dizem: “Ele é Cristo? Eu não O seguiria, mesmo que Ele fosse realmente Cristo!” Existem pessoas como essas? Sim, há muitas pessoas religiosas como essas. Isso mostra que o caráter do homem é demasiado corrupto, que ele está além da salvação.

Entre os santos através das eras, Moisés e Pedro foram os únicos que realmente conheceram Deus e foram elogiados por Deus; no entanto, eles podiam sondar Deus? O que eles captaram também foi limitado. Eles próprios não ousavam dizer que conheceram Deus. Aqueles que realmente conhecem Deus não O delineiam, porque percebem que Deus é incalculável e imensurável. Aqueles que não conhecem Deus são os que estão aptos a delineá-Lo e ao que Ele tem e é, têm a imaginação fértil sobre Deus, facilmente produzindo concepções sobre tudo que Deus fez. Assim, aqueles que creem que conhecem Deus são os mais resistentes a Deus e são as pessoas que correm mais perigo.

Anterior:Capítulo 53. Entendendo atributos compartilhados e diferenças na natureza humana

Próximo:Capítulo 60. O que é uma mudança de caráter e o caminho para uma mudança de caráter

Coisas que talvez lhe interessem