Aplicativo da Igreja de Deus Todo-Poderoso

Ouça a voz de Deus e dê as boas vindas ao retorno do Senhor Jesus!

Convidamos a todos os buscadores da verdade que entrem em contato conosco.

Cores sólidas

Temas

Fonte

Tamanho da fonte

Espaçamento entre linhas

Largura da página

0 resultados

Nenhum resultado encontrado

56. Somente aqueles que podem praticar a verdade e discernir vários tipos de pessoas entraram na trilha certa de crer em Deus

Desde que a obra de Deus entrou no estágio de joeirar para revelar as pessoas e classificá-las de acordo com seu próprio tipo, a batalha espiritual nas igrejas por toda parte nunca cessou e tem se tornado cada vez mais intensa. Pode-se realmente dizer que isso lançou o prelúdio à grande batalha entre a justiça e o mal, e o foco dessa batalha está se tornando mais claro e mais óbvio: todos os tipos de demônios anticrísticos que se esgueiraram para dentro da casa de Deus veem que o momento está propício, e tentam usurpar as posições dos líderes de todos os níveis da igreja, lutam contra Deus por poder e controlam Seu povo escolhido a fim de fundar um reino independente. Estão apontando a ponta da lança diretamente para o homem usado pelo Espírito Santo, tentando em vão substituí-lo, a fim de destruir e demolir a obra de Deus nos últimos dias. Esse é o astucioso esquema de Satanás, que está destinado a fracassar. Todos os tipos de demônios anticrísticos são reencarnações de espíritos malignos e nasceram com a natureza de Satanás, portanto, de modo algum estão dispostos a fracassar; além disso, não recuarão automaticamente do estágio da história da igreja. É justamente como dizem as palavras de Deus: “Desde a criação até hoje, nunca o diabo se comportou bem. Ele sempre interrompeu, perturbou e rebelou-se. Quando Deus age ou fala, ele sempre tenta participar –, mas Deus nem nota. À menção do diabo, a ira de Deus flui, irreprimível; porque ele não está em unidade com o Espírito, não há conexão, somente distância e separação.” É precisamente por causa do engano, da perturbação, do cativeiro, do controle, da supressão e da incriminação por parte desses demônios anticrísticos que o povo escolhido de Deus foi instigado a declarar guerra contra eles, e mesmo a lutar até a morte. Agora, finalmente compreendem a verdade, têm conhecimento das palavras de Deus e desenvolveram uma experiência genuína da Sua obra, embarcando passo a passo na trilha certa de crer Nele. Após experimentar a batalha espiritual por vários anos, todos do povo escolhido de Deus de fato entendem algumas verdades e se dão conta de que Sua obra está salvando e aperfeiçoando as pessoas. Em algumas questões cruciais da crença em Deus, evidencia-se que a vida do povo escolhido de Deus tem crescido aos poucos. Isso se reflete principalmente por ter algum discernimento, tais como: se a pessoa verdadeiramente crê em Deus e tem a obra do Espírito Santo; se tem consciência, razão e humanidade; se verdadeiramente experimentou a obra de Deus e possui a realidade da verdade; se genuinamente cumpre seu dever e defende a obra de Deus; se é capaz de usar a verdade para resolver problemas e realizar um trabalho real, e se é um falso líder ou um falso obreiro; falácias e heresias que obviamente violam as palavras de Deus; e a obra óbvia e plenamente visível dos espíritos malignos, demônios anticrísticos. No entanto, há bem poucas pessoas capazes de discernir anticristos ainda mais traiçoeiros e ardilosos, e ainda menos pessoas capazes de discernir todos os tipos de falácias e heresias que parecem verdadeiros, mas são realmente falsos, contêm motivos escusos e incluem as trapaças de Satanás. Isso é suficiente para explicar que o entendimento da verdade pela maioria do povo escolhido de Deus é raso demais e que sua estatura é muito pequena. Essas pessoas ainda correm o risco de ser derrotadas e aprisionadas na estrada para o reino. Em outras palavras, ainda correm 100% de risco de traírem a Deus. Esse é um problema real da entrada na vida que o povo escolhido de Deus deve resolver porque a batalha entre ele e as forças malignas dos demônios anticrísticos afeta diretamente o povo escolhido de Deus quanto a conseguir ou não entrar na trilha certa de crer Nele para ser salvo e aperfeiçoado, e entrar na trilha certa de crer em Deus é estabelecido sobre os fundamentos de se compreender a verdade e ter os quatro discernimentos. Portanto, se a pessoa não consegue discernir os anticristos mais traiçoeiros e astuciosos, ainda corre o risco de ser enganada, embarcar num navio pirata, seguir demônios anticrísticos e trair a Deus. Portanto, ser capaz de discernir os anticristos mais traiçoeiros e astuciosos é a chave que determina se a pessoa pode entrar na trilha certa de crer em Deus, bem como a chave para poder andar na senda da busca da verdade e ser aperfeiçoada. Disso se pode ver que discernir os demônios anticrísticos mais traiçoeiros e astuciosos é uma lição que o povo escolhido de Deus deve aprender bem na batalha espiritual, e também um problema difícil que ele deve resolver para entrar na trilha certa de crer em Deus.

Todos aqueles do povo escolhido de Deus que finalmente compreenderam algumas verdades por terem experimentado a batalha spiritual por vários anos podem ver com clareza que os anticristos são os líderes de todas as forças malignas de Satanás na igreja que resistem a Deus. Todos os tipos de espíritos malignos, de espíritos impuros e de ímpios são cúmplices e lacaios dos anticristos. As forças malignas de Satanás são formadas por essa gangue de espíritos malignos e espíritos impuros liderada por anticristos. Onde quer que haja anticristos levantando bandeiras, gritando e clamando, haverá espíritos malignos, espíritos impuros e ímpios se juntando a eles e encorajando-os. Essa gangue de Satanás e demônios, espíritos malignos e espíritos impuros faz tudo ao seu alcance para perturbar e destruir a obra de Deus, e para suprimir, atacar, incriminar e amarrar o povo escolhido de Deus. Com incontáveis más ações e os pecados mais hediondos, vêm há muito tempo ofendendo o caráter de Deus. Em conformidade, essa gangue de espíritos malignos e espíritos impuros liderada por anticristos deve ser inteiramente abatida, condenada, expurgada e expulsa. Esse é o passo final da obra de Deus dos últimos dias. Todo o povo escolhido de Deus deve entender Suas intenções e trabalhar juntos para erradicar completamente as forças malignas lideradas pelos anticristos. Somente alcançar o resultado de expurgar e purificar a igreja é que é seguir genuinamente a vontade de Deus. Somente então a obra de Deus pode terminar com Sua glorificação.

A fim de que o povo escolhido de Deus seja capaz de enxergar total e claramente a verdadeira face dos demônios anticrísticos, fornecerei agora uma explicação simples da origem dos anticristos e da substância de sua natureza, suas principais más ações, seus truques e objetivos: os anticristos têm uma longa história. Quando Deus Se tornou carne pela primeira vez para operar na Era da Graça, todas as espécies de demônios anticrísticos já haviam emergido. Quando Jesus pregou, todos os sumos sacerdotes e escribas do nível superior inteiro do judaísmo fizeram o máximo possível para resistir, julgar e condenar o Jesus encarnado e, por fim, pregaram-No na cruz. Paulo é um representante típico. Depois que Deus fez uso dos dons de Paulo para realizar um período da obra, ele finalmente retomou seus antigos modos e revelou sua verdadeira natureza, tornando-se o primeiro demônio anticrístico a se esgueirar dentro da igreja e prestar serviço a Deus. Durante o período de sua obra, Paulo muitas vezes se gabou de si mesmo, nunca obedeceu a ninguém, colocou-se acima dos doze apóstolos e testificou que, para ele, o viver é Cristo, de modo que as pessoas o adorassem e exaltassem, expondo sua natureza satânica. Ao mesmo tempo, o apóstolo João já havia compreendido que qualquer um que negue a encarnação de Deus é um anticristo, ou seja, qualquer um que não admita que Cristo é Deus encarnado é um anticristo. Ele disse: “Quando Deus Se torna carne e vem operar entre os homens, todos O contemplam e ouvem as Suas palavras e veem os feitos Dele na carne. Naquele tempo, todas as concepções do homem desfazem-se em nada, em pura névoa. Quanto àqueles que veem o Deus aparecendo na carne, todos os que têm a obediência no coração não serão condenados, enquanto quem fica contra Ele propositalmente será considerado um oponente de Deus. Tais homens são anticristos e inimigos que deliberadamente se contrapõem a Deus.” Agora é precisamente o momento em que a obra de Deus está chegando ao fim. Todos os tipos de demônios anticrísticos já se haviam manifestado. De acordo com as palavras de Deus, todos os anticristos são demônios que resistem diretamente a Deus. Não importa se Deus opera na carne ou por meio do uso do homem; todos aqueles que resistem diretamente a Cristo ou ao homem usado por Deus são demônios que resistem diretamente a Deus. Na Era da Lei, os 250 líderes que julgaram, condenaram e rejeitaram Moises, incluindo Coré, Datã e Abirão, eram todos demônios que resistiram diretamente a Deus. Na Era da Graça, os sumos sacerdotes, escribas e fariseus que resistiram diretamente ao Jesus encarnado também são demônios que resistiram diretamente a Deus. Na Era do Reino, os que são cheios de noções e resistência contra o Cristo encarnado, e aqueles que não obedecem, se ressentem e fazem o máximo para julgar e condenar o homem testificado por Deus como alguém usado pelo Espírito Santo são, além disso, demônios que resistem diretamente a Deus. Todos aqueles que negam a encarnação de Deus e a essência divina de Cristo são demônios anticrísticos. Como os anticristos podem resistir diretamente a Deus encarnado, é óbvio que também atacarão, julgarão e condenarão diretamente o homem usado por Deus. É evidente que a ponta de lança da resistência e do ataque do demônio Satanás tem como alvo Deus e Sua obra. Por conseguinte, odiar ou julgar o homem usado pelo Espírito Santo é suficiente para provar que a pessoa é um demônio anticrístico. Como os que resistem diretamente a Deus são todos demônios anticrísticos que odeiam extremamente a verdade e se opõem a Deus, eles também podem naturalmente odiar o homem usado pelo Espírito Santo, odiar os líderes e os obreiros de todos os níveis que têm a obra o Espírito Santo e odiar todos do povo escolhido de Deus que buscam a verdade. Isso é inevitável e completamente determinado pela natureza demoníaca e pela essência dos anticristos. Para discernir os demônios anticrísticos, o povo escolhido de Deus deve primeiro entender as sete características da natureza dos demônios anticrísticos. Desse modo, não será difícil para ele identificar a natureza e a essência dos demônios anticrísticos.

Fornecerei agora uma explicação das sete características da natureza dos demônios anticrísticos, conforme a descrição a seguir.

Primeira: todos os anticristos são arrogantes e presunçosos, recusam-se a obedecer a quem quer que seja, exaltam apenas a si mesmos, são apegados ao seu próprio modo de fazer as coisas, não têm respeito por ninguém, não têm nenhum lugar para Deus no coração e não sentem o menor temor de Deus. Não há ninguém na igreja capaz de convencer os anticristos, e também não existe ninguém capaz de controlá-los. Os líderes e os obreiros de todos os níveis da igreja são como inimigos deles. Por exemplo, alguém diz: “Eu só obedeço a Deus e a mais ninguém”, ou “Só obedeço a tal e tal pessoa, e a mais ninguém” etc. Pode-se ver com isso que todas essas pessoas têm a natureza do demônio Satanás, motivo pelo qual não surpreende que possam se vangloriar com arrogância, descansar sobre os próprios louros com complacência, e não conseguir nem esperar para testificar que são o “primogênito de Deus, Seu filho bem-amado”. Todos esses ímpios se tornam autênticos demônios anticrísticos assim que chegam ao poder. Recusam-se a obedecer a quem quer que seja e se vangloriam com arrogância: essa é a primeira característica da natureza dos demônios anticrísticos.

Segunda: como os anticristos têm uma natureza demoníaca que não ama a verdade e até a odeia, que resiste à verdade e se opõe a Deus, os anticristos nunca levam a sério comer e beber as palavras de Deus. Eles nunca comeram nem beberam genuinamente as palavras de Deus, e tampouco aceitam as Suas palavras e a verdade. Em vez disso, examinam-nas e até se aproveitam das palavras de Deus, tirando-as do contexto. Da mesma maneira, não têm nenhuma iluminação do Espírito Santo sobre as palavras de Deus e, inclusive, genuinamente não conhecem a verdade de sua própria corrupção por meio das Suas palavras. Assim, todos os demônios anticrísticos nunca falam de conhecer a si mesmos, quanto mais de se dissecar e expor como se não tivessem corrupção. Ousam até mesmo testificar que são “o primogênito de Deus, Seu filho bem-amado, e uma pessoa aperfeiçoada”. Nunca são capazes de comunicar um conhecimento verdadeiro das palavras de Deus e a verdade e, além disso, não conseguem dar testemunho da obra de Deus e do que Ele tem e é. Tudo o que sabem é como se exibir e dar testemunho de si próprios. Na realidade, são desprezíveis e desprovidos de vergonha ao extremo. Esta é a segunda característica da natureza dos demônios anticrísticos.

Terceira: como a natureza demoníaca dos anticristos não ama a verdade e inclusive a odeia, resiste a Deus e se opõe a Ele, nunca se verá os anticristos praticarem a verdade. De fato, os demônios anticrísticos nunca praticam a verdade e, principalmente, exibem os seguintes comportamentos: 1. Nunca obedecem ao julgamento, castigo, provação e refinamento de Deus. 2. Nunca obedecem às palavras de Deus e à verdade. 3. Nunca aceitam a verdade. 4. Nunca aceitam ser podados e tratados. 5. Nunca obedecem a ninguém que é capaz de comunicar e praticar a verdade, e não obedecem a ninguém. 6. Sempre falam a partir de uma posição mais alta do que a dos outros ou até na posição de Deus; sempre fazem sermões e são peritas em interpretar erroneamente as palavras de Deus e distorcer os fatos, inverter verdades e mentiras, formular falsos contra-ataques, condenar de modo imoral e julgar de maneira arbitrária, e frequentemente enganam, julgam, condenam e incriminam as pessoas, e são cheias de ódio pelo povo escolhido de Deus. Portanto, isso comprova que os anticristos nunca são pessoas capazes de praticar a verdade. Essa é a terceira característica da natureza dos demônios anticrísticos.

Quarta: todas as ações e comportamentos dos anticristos são destinados à luta pelo poder e pelo lucro, e para atingir o objetivo de controlar o povo escolhido de Deus e fundar seu próprio reino independente. Os anticristos buscam somente status e poder e adoram ao extremo as forças satânicas. Status, poder e dinheiro são os ídolos do anticristo e os objetivos que busca. Essa é a essência da natureza dos anticristos. Assim, esses apenas se empenham e se esforçam por status e poder. Se não é para lhes proporcionar status e poder, não farão nada. Farão qualquer coisa desde que beneficie sua luta por poder e status. Em nome de sua busca de status, não hesitarão em manipular e punir, atraiçoar ou prejudicar os outros, de todas as maneiras. Aos olhos dos anticristos, ter status e poder permite que ganhem tudo, ao passo que a perda de status e poder significa perder tudo. Essa é completamente a manifestação da essência da natureza demoníaca do grande dragão vermelho. Essa é a quarta característica da natureza dos demônios anticrísticos.

Quinta: além de amarem a busca de poder e status, os anticristos gostam de pactuar e se associar com todos os ímpios. Gostam de todos os que compartilham as mesmas podres preferências deles e podem lhes prestar serviço; gostam de se associar com quem quer que os adore e adule. Todos os que são capturados por anticristos são demônios e bestas, animais sem espírito. Todos os demônios anticrísticos nunca gostam de se associar com pessoas honestas que andam pela senda certa e buscam a verdade. Nunca gostam das pessoas gentis e bondosas, e conseguem até distorcer a verdade, inverter verdades e mentiras, afirmar que os ímpios são bons, que as boas pessoas são ímpias, e não se detêm diante de nada para manipular e punir, difamar violentamente, condenar com arbitrariedade, aplicar o truque do ladrão que grita “Pega ladrão”, e cometer toda sorte de males, criando caos nas igrejas em toda parte. Isso é inclusive a prova adicional da natureza demoníaca dos anticristos. O que todos os demônios anticrísticos desprezam mais que tudo são as pessoas que buscam a verdade, defendem princípios e têm senso de justiça. O que mais odeiam são as pessoas que conseguem discernir os anticristos, que abominam o mal e possuem a verdade e humanidade. É por isso que os anticristos podem perseguir, incriminar e prejudicar as boas pessoas e se opor aos líderes e trabalhadores de todos os níveis. Essa é a quinta característica da natureza dos demônios anticrísticos.

Sexta: todos os demônios anticrísticos têm no coração um ódio profundo pelo homem usado pelo Espírito Santo, e tentam substituí-lo. Estão agitados e exasperados e perderam todo equilíbrio de julgamento. Quando veem a igreja praticar eleições democráticas e o povo escolhido de Deus começa a entrar na trilha certa de crer em Deus, passam a executar atos frenéticos e a desferir ataques selvagens, fazendo o máximo que podem para perturbar as eleições na igreja. A fim de enganar o povo escolhido de Deus, espalham toda espécie de falácias e heresias, e chegam ao ponto de atacar, julgar e condenar os líderes e obreiros de todos os níveis da igreja como falsos a fim de poderem semear a discórdia entre o povo escolhido de Deus e os líderes e obreiros de todos os níveis da igreja. Para enganar e controlar o povo escolhido de Deus, chegam mesmo a desavergonhadamente fazer com que as pessoas votem neles, aceitem-nos e obedeçam a eles, proibindo os que buscam a verdade e que genuinamente obedecem à obra de Deus e entraram na realidade da verdade de serem escolhidos como líderes e obreiros de qualquer nível. Isso torna completamente óbvia a ambição dos anticristos de dominar a igreja e controlar o povo escolhido de Deus. Disso podemos concluir que todos os demônios anticrísticos sentem um ódio especial pelo homem usado pelo Espírito Santo e pelos líderes e obreiros de todos os níveis da igreja. Além do mais, isso expõe que os demônios anticrísticos têm muito medo de que a verdade esteja no poder na casa de Deus, e têm muito medo de que todas as pessoas que buscam a verdade estejam no poder na casa de Deus, porque no dia em que a verdade e as pessoas que a buscam estiverem no poder na casa de Deus, esse será o dia em que os demônios anticrísticos chegarão ao fim. É evidente que aquilo que os demônios anticrísticos mais odeiam é o homem usado pelo Espírito Santo e todos os líderes e obreiros da igreja que buscam a verdade. Essa é a sexta característica da natureza dos demônios anticrísticos.

Sétima: todos os demônios anticrísticos nunca se arrependem de verdade, não importa qual rejeição ou derrota esmagadora enfrentem, tampouco irão refletir genuinamente para se conhecer. Embora alguns demônios possam verter lágrimas, não são lágrimas de arrependimento, mas sim de queixa, de desobediência ou de ódio. Certamente, essas não são lágrimas de remorso nem de gratidão, porque todas as pessoas sem consciência ou razão são demônios, e todos os demônios não têm um grama de humanidade. São todos tipos satânicos, e absolutamente não serão salvos por Deus. Todos os demônios anticrísticos têm a natureza do demônio Satanás e não podem mais ser salvos; com isso, jamais se conhecerão nem se arrependerão de verdade, e nunca aceitam a verdade e obedecem a Deus genuinamente. Essa é a sétima característica da natureza dos demônios anticrísticos.

Todas as sete características dos anticristos, acima descritas, representam a essência demoníaca da natureza deles. Portanto, é perfeitamente apropriado dizer que os anticristos são servos de Satanás. Servos de Satanás são demônios que ele envia para interromper e perturbar a obra de Deus. Por meio das ações e da conduta dos demônios anticrísticos, podemos ficar completamente certos de que os anticristos não acreditam nem aceitam nenhuma palavra de Deus. Quer dizer, não aceitam em absoluto a verdade, não aceitam o julgamento e o castigo das palavras de Deus, não praticam a verdade, não aceitam nem obedecem à liderança do homem usado pelo Espírito Santo, não protegem a obra de Deus, e não exaltam a Deus nem dão testemunho Dele. É por esse motivo que todos eles absolutamente não têm a obra do Espírito Santo e são todos demônios autênticos e Satanás, infiéis típicos. Todas as suas ações e conduta são para interromper, perturbar, demolir e destruir a obra de Deus. Servem como Satanás e como o agente do grande dragão vermelho dentro da igreja da casa de Deus, e agem em conluio com as forças satânicas no exterior, cometendo o crime hediondo que Satanás e o grande dragão vermelho mais desejam cometer e não conseguem. Isso é suficiente para provar que todos os demônios anticrísticos são os servos de Satanás e os cúmplices e traidores ocultos do grande dragão vermelho. Isso é perfeitamente exato.

Todos os demônios anticrísticos são descrentes. São todos demônios que vieram com o astucioso esquema de Satanás para perturbar, interromper, demolir e destruir a obra de Deus. Os quatro pontos a seguir são suficientes para provar isso. Primeiro: todos os anticristos duvidam das palavras de Deus e as negam, e nunca admitem que todas as palavras de Deus são a verdade e são expressas por Ele. Segundo: todos os anticristos duvidam e negam a obra de Deus e, em particular, consideram a obra de Moisés, que foi usado por Deus, e a obra do homem usado pelo Espírito Santo como a obra do homem para negar que foram dirigidos e usados pelo Espírito Santo e, assim, negar a obra de Deus dos últimos dias. Terceiro: todos os anticristos duvidam, negam, julgam e condenam o homem usado pelo Espírito Santo, e tudo o que querem é dar testemunho de si mesmos, se fortalecer, e maquinam para substituí-lo, a fim de controlar o povo escolhido de Deus e fundar seu próprio reino independente. Quarto: todos os anticristos duvidam e negam os resultados da obra de Deus e o fato de que Ele já derrotou Satanás, e maquinam para fazer as pessoas duvidarem e se afastarem da obra de Deus para que Seu plano de gestão para salvar a humanidade dê em nada. Acima estão as quatro dúvidas obviamente possuídas por todos os demônios anticrísticos. Esse é um fato aceito. Com base nas quatro dúvidas dos anticristos, podemos ver a prova irrefutável de que os anticristos são os servos de Satanás. Todos aqueles que têm essas quatro dúvidas são seguramente demônios anticrísticos e infiéis. Essas quatro dúvidas também podem ser chamadas de os quatro pontos focais dos demônios anticrísticos em suas interrupções, perturbações, demolições e resistência à obra de Deus, seus quatro principais alvos de ataque. Esse é um fato que ninguém pode negar. Todos os maus atos dos anticristos também se erguem sobre os fundamentos dessas quatro dúvidas. Nesse sentido, o povo escolhido de Deus deve enxergar a essência dessas quatro dúvidas dos demônios anticrísticos. Agora, fornecerei uma explicação das quatro dúvidas, nos termos que seguem.

Em primeiro lugar, duvidar que as palavras de Deus são expressões da verdade, a voz de Deus, e a palavra que Se manifesta em carne; especializar-se em pesquisar as palavras de Deus, selecionando o vocabulário das Suas palavras, discutindo detalhes e inclusive interpretando erroneamente Suas palavras, tirando-as do contexto; por um lado, alegar falsamente que as palavras de Deus foram adulteradas, difamar e acusar o homem usado pelo Espírito Santo, de tal modo que o povo escolhido de Deus duvidará, parará de comer e beber e manterá distância das palavras de Deus; por outro lado, sempre tirar as palavras de Deus do contexto para personificar Seu filho primogênito, Seu filho bem-amado, ou o homem usado pelo Espírito Santo, maquinando para enganar e controlar o povo escolhido de Deus para fundar um reino independente. Os anticristos são especialmente peritos em adicionar suas próprias opiniões para interpretar erroneamente as palavras de Deus. Por fora, parece que estão comunicando as palavras de Deus, mas na realidade estão adotando o método de Satanás de substituir o genuíno pelo falso, inserindo suas próprias opiniões nas palavras de Deus, a fim de fazer as pessoas pensarem que aquilo em que acreditam são as Suas palavras. Na realidade, porém, estão inadvertidamente aceitando as falácias e heresias de Satanás. Esse é o método mais astucioso que os demônios anticrísticos usam para interpretar erroneamente as palavras de Deus e espalhar falácias para enganar as pessoas. É exatamente o mesmo truque que a serpente Satanás usou para tentar e corromper Eva. Todos os anticristos negam Cristo e Sua divindade em seu coração, motivo pelo qual ousam se opor abertamente a Deus e enganar Seu povo escolhido. As pessoas que aceitam as falácias e heresias dos anticristos duvidarão de Deus e de Suas palavras, e ouvirão os anticristos a quem obedecerão, trilhando a senda da perdição e da destruição ao trair Deus.

Em segundo lugar, duvidar da obra de Deus e sempre espalhar que a obra do homem usado pelo Espírito Santo é obra do homem; dizer que a obra que vem do Espírito Santo é obra do homem e alegar falsamente que a obra da casa de Deus é toda feita pelo homem e não pela obra de Deus; negar os passos e a substância da obra de Deus, e seriamente julgar, condenar e blasfemar contra a obra de Deus. A natureza dos anticristos é arrogante e presunçosa. Eles não obedecem a ninguém e fazem o máximo possível para julgar e atacar o homem usado pelo Espírito Santo. Difamam e acusam o povo escolhido de Deus de acreditar no homem e segui-lo, tal qual aquelas pessoas que duvidaram que Deus usou Moisés para executar Sua obra na Era da Lei. Para atingir sua ambição de ocupar a colina para governar como rei e fundar seu próprio reino independente, eles se recusam a aceitar a liderança e o pastoreamento do homem usado pelo Espírito Santo, e traem os arranjos da obra e se opõem a eles em favor dos seus próprios arranjos, maquinando para levar as pessoas a se afastar da obra de Deus e alcançar seu objetivo de interromper, demolir e destruir a Sua obra.

Em terceiro lugar, duvidar do homem usado pelo Espírito Santo e negá-lo, e espalhar falácias como “o homem usado pelo Espírito Santo também tem corrupção”; “o homem usado pelo Espírito Santo não é uma pessoa só, mas várias, inclusive nós”; “nós só ouvimos a Deus, não ao homem”; “seguir o homem usado pelo Espírito Santo é estar na corrente do sacerdote, não na corrente do Espírito Santo”; “é suficiente termos a orientação da obra do Espírito Santo; não precisamos ouvir o homem usado pelo Espírito Santo”; resistir aos arranjos administrativos de Deus e se opor a eles, e deliberadamente incitar a discórdia entre o povo escolhido de Deus e o homem usado pelo Espírito Santo. Como os anticristos duvidam do homem usado pelo Espírito Santo e o negam, é óbvio que eles também duvidam dos líderes e obreiros de todos os níveis da igreja que fazem o máximo possível para cooperar com o homem usado pelo Espírito Santo e os negam. Todos os anticristos não somente julgam e atacam o homem usado pelo Espírito Santo, como também julgam e condenam os líderes e os obreiros de todos os níveis da igreja como falsos e que necessitam ser banidos. Eles maquinam para derrubar os líderes e os obreiros de todos os níveis da igreja e para controlar o povo escolhido de Deus para fundar um reino independente. Os anticristos fazem tudo o que podem para cultivar seu próprio poder, esmagando com os pés aqueles que têm discernimento a seu respeito e conseguem entender a verdade. Eles só reconhecem seus cúmplices e lacaios, e fazem o povo escolhido de Deus acreditar apenas neles e segui-los. Mesmo que perturbem a vida da igreja, têm de atingir sua meta de estabilizar a própria posição e controlar o povo escolhido de Deus. Tentam desencaminhá-lo e levá-lo a entrar na senda do demônio para que pereçam e sejam destruídos.

Em quarto lugar, duvidar dos resultados que a obra de Deus dos últimos dias já alcançou e negar os claros resultados obtidos pelas palavras de Deus na conquista e no aperfeiçoamento das pessoas. Eles não conseguem enxergar o crescimento da verdade que todos do povo escolhido de Deus que buscam a verdade ganharam ao experimentar a Sua obra. Esses não conseguem enxergar o fato de que as palavras de Deus estão sendo cumpridas e realizadas. Não conseguem enxergar o fato de que o povo escolhido de Deus deitou raízes na trilha certa de crer em Deus, e que nenhuma força satânica pode tirar das mãos de Deus Seu povo escolhido. Não conseguem enxergar o fato de que Deus já derrotou Satanás. Portanto, fazem o máximo que podem para distorcer e julgar a obra de Deus, afirmando que a obra de Deus é obra do homem e afirmando que crer em Deus e obedecer à liderança e ao pastoreamento do homem usado pelo Espírito Santo é crer no homem e segui-lo. Tentam em vão enganar o povo escolhido de Deus, levando-o a duvidar, negar e se afastar da obra de Deus e, em lugar dela, segui-los e obedecer a eles para alcançar sua meta de perturbar, demolir e destruir a Sua obra. Todos os tipos de demônios anticrísticos realmente permitiram que Satanás cegasse seus olhos e mentes, e eles já caíram nas trevas e estão sendo punidos.

Devido ao fato de que todos os anticristos possuem essas quatro dúvidas e são todos infiéis, todas as suas ações e condutas interrompem e perturbam a obra de Deus e são todas feitos malignos que diretamente resistem a Deus e se opõem a Ele. Com base nas sete características e quatro dúvidas dos demônios anticrísticos, podemos estar completamente certos de que todos os demônios anticrísticos são servos de Satanás e autênticos demônios e Satanás. É evidente que as ações e condutas dos anticristos representam completamente Satanás e que todos os demônios anticrísticos são agentes de Satanás na igreja. Isso é totalmente preciso. Discernir os anticristos levou o povo escolhido de Deus a compreender a verdade e, além disso, confirmar que todas as palavras de Deus são verdade, realidade, fato e estão sendo cumpridas e realizadas. Na batalha para discernir e rejeitar os demônios anticrísticos, o povo escolhido de Deus finalmente enxerga com clareza o fato de que a humanidade tem sido corrompida por Satanás e que essa humanidade corrompida é, de fato, descendente de Satanás, descendente do grande dragão vermelho e a encarnação do demônio Satanás. Também veem que as criaturas sem espírito humano são reencarnações de espíritos malignos, são ocupadas por eles desde o nascimento e se tornam demônios anticrísticos depois de se esgueirarem dentro da casa de Deus. Seu caráter representa completamente Satanás, e é por isso que não surpreende que possam agir como servos de Satanás para interromper e perturbar a obra de Deus. Isso permite ao povo escolhido de Deus reconhecer que a natureza e a essência da humanidade, depois de corrompida por Satanás é, de fato, a da escória satânica que resiste a Deus e se opõe a Ele. Deus expressar a verdade para salvar o homem é. de fato. extremamente significativo. A verdade é o que Deus tem e é, bem como a realidade de todas as coisas positivas, enquanto a essência de Satanás é maligna e também todas as coisas negativas. É por isso que Satanás, o grande dragão vermelho e todos os tipos de demônios anticrísticos são os contrastes da obra de Deus os últimos dias. Quando o povo escolhido de Deus aceitar as palavras de Deus, compreender a verdade e entrar na realidade, ele naturalmente será capaz de enxergar através da essência das sete características e das quatro dúvidas dos anticristos. Por conseguinte, o povo escolhido de Deus irá, por fim, reconhecer que Deus é a verdade, o caminho e a vida, que a verdade é o que Deus tem e é, como Sua justiça, majestade, ira, julgamento, luz, bondade, amor e misericórdia. A verdade é a realidade de todas as coisas positivas. A essência de Satanás é maligna, escura, feia, egoísta, baixa e maliciosa. É o fato e a essência de todas as coisas negativas e precisamente em oposição a Deus e a verdade e em conflito com Ele. O povo escolhido de Deus deve aprender a discernir, comparar e diferenciar os dois. Como a humanidade foi corrompida por Satanás, a natureza do homem há muito tempo se tornou a natureza de Satanás e está repleta das filosofias, regras e toda espécie de toxinas de Satanás, que estão em completa oposição à realidade da verdade expressa por Deus. Portanto, o povo escolhido de Deus deve experimentar Sua obra, a fim de entender que Ele é a verdade, o caminho e a vida e ser verdadeiramente capaz de discernir, comparar e distinguir a justiça de Deus contra o mal de Satanás, o grande dragão vermelho, os demônios anticrísticos, para que possam desenvolver escolhas acuradas e autênticas, ganhar a verdade e a vida, ter uma vida na forma de um verdadeiro ser humano, retornar genuinamente a Deus, rejeitar totalmente Satanás, e se livrar de sua influência para poderem ser salvos e aperfeiçoados. Esse é o significado da obra de Deus dos últimos dias.

A construção do reino está diretamente voltada ao reino espiritual. Em outras palavras, a batalha do reino espiritual é elucidada diretamente dentre todo o Meu povo, e a partir disso é possível ver que todas as pessoas estão em constante batalha, não só na igreja, mas mais ainda na Era do Reino, e que embora o homem exista na carne, o reino espiritual é revelado diretamente, ele se envolve com a vida do reino espiritual. Portanto, quando começam a ser fiéis, vocês devem se preparar de forma adequada para a próxima etapa da Minha obra. Vocês devem dedicar todo o seu coração e só então podem satisfazer o Meu coração. Não Me importo com o que o homem fez antes na igreja; hoje, ele está no reino. Em Meu plano, Satanás já abocanhou os calcanhares de cada passo e, como o contraste da Minha sabedoria, sempre tentou encontrar maneiras e meios de interromper o Meu plano original. Mas Eu poderia sucumbir a seus esquemas ardilosos? Tudo no céu e na terra Me serve – os esquemas ardilosos de Satanás seriam diferentes? Essa é precisamente a interseção da Minha sabedoria, é precisamente o que há de magnífico em Meus feitos e o princípio pelo qual todo o Meu plano de gerenciamento é realizado. Contudo, durante o tempo da construção do reino, não evito os esquemas ardilosos de Satanás, mas continuo a fazer a obra que devo fazer. Dentre todas as coisas no universo, escolhi os feitos de Satanás como o Meu contraste. Essa não é a Minha sabedoria? Não é exatamente o que há de maravilhoso na Minha obra?” De acordo com as palavras de Deus, podemos ver completamente, nos três estágios da obra de Deus, que Satanás é usado como contraste em cada um deles. Deus faz uso de interrupção, perturbação, destruição e danos das forças satânicas para treinar Seu povo escolhido a entender a verdade e conhecê-Lo e, no final, aperfeiçoar Seu povo escolhido para dar gloriosos testemunhos de Deus e obter a vitória gloriosa. Esse é o modo da obra de Deus para salvar e aperfeiçoar as pessoas. O povo escolhido de Deus está, de fato, sempre em batalha na Era do Reino. Por um lado, combatendo sua própria natureza, caráter e toxinas satânicas, quer dizer, a natureza de sua carne corrupta; por outro, tem de combater também as forças malignas de Satanás, ou seja, lutar contra os demônios anticrísticos, contra todas as espécies de espíritos malignos e impuros, bem como contra falácias e heresias. Isso mostra que as experiências de vida do povo escolhido de Deus são, de fato, repletas de batalhas espirituais. Na verdade, a batalha entre o povo escolhido de Deus e Satanás é, principalmente, uma batalha contra demônios anticrísticos e todas as espécies de espíritos malignos e impuros. Os demônios anticrísticos são um inimigo externo; se a pessoa não escolher buscar a verdade, Deus não terá lugar em seu coração, ela não será capaz de obedecer a Ele e a natureza de sua carne se tornará seu mais perigoso inimigo. Essas pessoas claramente sabem que os anticristos são seu inimigo, então, por que ainda escolhem segui-los e prestar serviço para o demônio Satanás? Isso comprova a afirmação: “Seu maior inimigo é você mesmo”. Desse modo, para vencer Satanás, a pessoa deve primeiro conquistar seu próprio coração, o que significa negar e renunciar a si mesma. Essa é a questão mais essencial. Quando a pessoa não entende a verdade e não a ganhou, é fácil para ela seguir pelo caminho dos anticristos, ser enganada, controlada e usada por anticristos para se tornar uma vítima de Satanás. Isso é um fato. Se a pessoa pode escolher buscar a verdade, praticá-la e obedecer a Deus, então somente os demônios anticrísticos são seu inimigo mais perigoso. Desde que possa se defender do engano de anticristos e enxergar através das maquinações satânicas e enganadoras dos anticristos, ela será completamente capaz de praticar a verdade, obedecer a Deus e dar testemunho. A comprovação pode ser obtida com as experiências de cada uma das pessoas escolhidas por Deus. Não importa há quantos anos a pessoa acredita em Deus, é muito difícil para ela entrar na trilha certa de crer em Deus se não tem a orientação e a obra do Espírito Santo, e a liderança, o provimento, a rega e o pastoreamento do homem usado pelo Espírito Santo. A maioria seguramente caminhará pela senda dos anticristos e se tornará anticristos. Isso é um fato. Se o povo escolhido de Deus puder buscar a verdade e ganhar a obra do Espírito Santo, será capaz de entrar na trilha certa de crer em Deus. Quando o povo escolhido de Deus vir os “heroicos e gigantescos guerreiros” anticrísticos caírem um após o outro, todos sentirão remorso, choque e medo, e ficarão aliviados de ter a liderança de Deus para ajudá-los à borda do perigo. Não fosse assim, todos se tornariam anticristos e cairiam. Não é a grande salvação de Deus que nos capacita a nos distanciar da senda anticrística e do perigo do engano e do controle dos anticristos? Não é esse o amor de Deus?

Mas, como são criados os anticristos? Sem dúvida, é completamente porque a humanidade tem sido corrompida em profundidade por Satanás. Se as pessoas creem em Deus, mas não têm Seu julgamento, castigo, golpes e disciplina, todas seguramente se tornarão anticristos que resistem e se opõem a Deus, denigrem quem crê em Deus, mas resistem a Ele. Esse é um fato que ninguém pode negar. Anteriormente, comungamos a diferença entre anticristos e ímpios, e entre anticristos e falsos líderes. O ímpio é um anticristo se tiver poder na igreja. O falso líder é um anticristo se cometer muitas más ações. Não há dúvida quanto a isso. Podemos ver que, se a pessoa crê em Deus, mas não pratica a verdade e não consegue obedecer a Deus, então está seguindo pela senda dos anticristos. Se comete todos os tipos de males e interrompe e perturba a obra de Deus, então já se tornou um anticristo. Isso é um fato. Por que os falsos líderes não têm a obra do Espírito Santo? Seguramente é porque não buscam nem praticam a verdade. Não é a obra toda de uma pessoa que não busca a verdade apenas más ações? Todos os falsos líderes operam em prol de seu próprio status e para proteger seu próprio poder. Todos se sentam no alto e pregam sermões aos outros; no entanto, eles mesmos não praticam a verdade e, além disso, não protegem a obra de Deus, não têm nenhum amor pelo povo escolhido de Deus e não se importam se o povo escolhido de Deus vive ou morre. Tudo o que importa para eles é seu próprio status e poder, motivo pelo qual podem cometer todos os tipos de males para proteger seu status e poder. Por exemplo, se descobrirem alguém melhor do que eles, ficarão enciumados e atacarão e rejeitarão tal pessoa. Se descobrirem o povo escolhido de Deus dando apoio a alguém, farão o que for preciso para julgar, difamar, atacar, menosprezar e suprimir essa pessoa, com a finalidade de proteger seu próprio status e poder. Esse falso líder é um malfeitor e, se comete todo tipo de mal, é precisamente um anticristo. A fim de proteger seu próprio status e poder, os falsos líderes atacam os que são melhores do que eles e suprimem os que são apoiados e aprovados pelo povo escolhido de Deus. Tudo tem sempre de girar em torno deles, e todas as pessoas devem ouvi-los e obedecer a eles, ou até fazem as pessoas tratarem-nos como Deus antes de ficarem satisfeitos. Em si, isso é fazer o mal e pecar. Quando os ímpios estiverem no poder, não tolerarão boas pessoas e, além disso, não permitirão que o povo escolhido de Deus apoie e aprove os outros. Desde que estejam na igreja, sempre têm de estar na chefia e no centro. Não pode haver ninguém mais além deles. Os outros devem sempre se submeter ao seu poder antes de estarem plenamente satisfeitos. Não é essa a conduta e o comportamento do demônio Satanás? Todos os que não conseguem tolerar os outros, mas podem suprimi-los, puni-los e incriminá-los são os ímpios. Isso é perfeitamente preciso. E é suficiente para explicar que todos os falsos líderes e anticristos não têm humanidade. Todos os falsos líderes e trabalhadores que cometem toda espécie de mal são demônios anticrísticos. O ímpio que reina sobre a igreja e a controla não é precisamente um demônio anticrístico? Falsos líderes que têm um pouco de humanidade, mas apenas não buscam a verdade e, por isso, não têm a obra do Espírito Santo, não são considerados ímpios, portanto não podem ser considerados anticristos e devem receber uma chance de se arrepender. Se um falso líder é um ímpio, ele será capaz de cometer toda espécie de mal e rejeitar e suprimir todo o povo escolhido de Deus que busca a verdade, e já terá se transformado num anticristo. É assim que os falsos líderes e os anticristos devem ser distinguidos. Todos aqueles que rejeitam e suprimem as pessoas que buscam a verdade são ímpios. Todos os que operam para defender seu próprio status e poder são ímpios. Os ímpios que estão no poder não conseguem suportar ver os outros indo bem. Se veem a maioria apoiando outra pessoa, ficarão com inveja e ciúme e quererão punir, incriminar e usar todas as espécies de razões e desculpas para atacar, julgar e condenar tal pessoa. Se veem alguém que é muito melhor ou mais capaz do que eles, tratarão tal pessoa e lidarão com ela como um inimigo, e não lhe permitirão falar nem cumprir deveres adequados. Ficam aterrorizados que essa pessoa um dia se destaque, por isso não darão aos outros a liberdade de escolher por si e continuarão controlando e incriminando as pessoas. Não é essa precisamente a tática que o grande dragão vermelho usa para controlar as pessoas? Não é esse um demônio anticrístico mostrando quem é de verdade? Não são demônios anticrísticos todos aqueles que conseguem suprimir, danificar, incriminar e devorar os outros? Uma pessoa ao cumprir seu dever deve fazer as coisas de acordo com os princípios da verdade. Os que traem os princípios da verdade e obstinadamente manipulam, punem e incriminam os outros são ímpios autênticos. O líder ou obreiro que repetidamente manipula, pune, suprime, exclui e incrimina pessoas é um típico demônio anticrístico. Poderia um ímpio como esse prover aos outros com a verdade e a vida se fosse um líder ou um obreiro? Poderia liderar as pessoas para a trilha certa de crer em Deus? Poderia executar a vontade de Deus? Absolutamente não. Se um ímpio desses se tornar um líder ou obreiro, só será capaz de danificar, arruinar e devorar os outros. Não é esse o comportamento dos demônios anticrísticos? Evidentemente, o maior perigo de ser um líder ou um obreiro é seguir no caminho dos anticristos. O maior perigo de crer em Deus, mas não buscar a verdade, é ser enganado por anticristos que seguem anticristos por uma senda sem volta. Aqueles do povo escolhido de Deus que ainda não conseguem discernir claramente os falsos líderes que já se tornaram demônios anticrísticos são confusos demais! Esses nem mesmo percebem que se tornaram uma vítima de Satanás. Essas pessoas certamente serão eliminadas. Isso corresponde completamente às palavras de Deus: “Do tempo da criação até hoje, muitas pessoas desobedeceram Minhas palavras e, por isso, foram expulsas e eliminadas da Minha correnteza de recuperação; por fim, seus corpos perecem e seus espíritos são lançados no Hades, e hoje mesmo ainda estão sujeitas a punição atroz. Muitas pessoas seguiram Minhas palavras, mas se voltaram contra o Meu esclarecimento e a Minha iluminação e, em consequência, foram deixadas de lado por Mim, caindo sob o império de Satanás e tornando-se aqueles que se opõem a Mim. (Hoje todos os que se opõem diretamente a Mim obedecem somente às superficialidades das Minhas palavras e desobedecem à substância das Minhas palavras.) Também houve muitos que meramente escutaram as palavras que falei ontem, que se ativeram ao lixo do passado e não entesouraram a produção deste dia. Essas pessoas não só foram capturadas por Satanás, mas também se tornaram pecadoras eternas e Minhas inimigas, opondo-se diretamente a Mim. Tais pessoas são os objetos do Meu julgamento no auge da Minha ira, e hoje elas ainda estão cegas, ainda estão dentro das masmorras escuras (e isso quer dizer que tais pessoas são cadáveres em decomposição e entorpecidos, controlados por Satanás; Eu digo que elas estão cegas porque seus olhos foram encobertos por Mim).”

Nesse sentido, Deus fez a seguinte exigência ao Seu povo escolhido: “Oficialmente começo a treinar o Meu povo, permitindo que vocês não só deem um belo testemunho de Mim, mas, além disso, obtenham uma bela vitória na batalha por Mim a partir da sede do Meu povo.” “Em todos os momentos, Meu povo deve estar alerta aos ardilosos esquemas de Satanás, protegendo o portal da Minha casa para Mim, capaz de apoiar um ao outro e prover um ao outro, o que impedirá que vocês caiam na armadilha de Satanás, quando então será tarde demais para arrependimentos.” O povo escolhido de Deus precisa se lembrar firmemente das palavras de Deus e estar sempre em guarda contra as maquinações enganadoras de Satanás. O principal é praticar a verdade e obedecer a Deus na batalha espiritual. Somente agindo assim é que se pode ser testemunha e se tornar um vencedor. Alguns dirão: “Não é ser testemunha simplesmente ser capaz de enxergar através das maquinações enganadoras de Satanás e não seguir nem adorar os demônios anticrísticos?”. A realidade não é tão simples quanto as pessoas pensam. Quem não tem a verdade não é capaz de discernir o que é um falso líder e o que é um anticristo. Sem a verdade, é impossível enxergar através das falácias e heresias enganosas, e mais impossível ainda enxergar através do esquema enganoso de Satanás. Isso é porque tudo o que Satanás e os demônios anticrísticos dizem parece fazer sentido e, além do mais, é razoável com base nas noções do homem; é o mais fácil para as pessoas aceitarem, mas viola a substância da verdade e, de fato, é uma falácia que parece verdadeira, mas é falsa. Sem a verdade, isso é muito difícil de discernir. Portanto, para fazer um bom trabalho de dar testemunho de Deus e ser vitorioso na batalha, o povo escolhido de Deus deve buscar a verdade, a fim de entender Suas palavras e conhecê-Lo. Ele só pode verdadeiramente derrotar os demônios anticrísticos fazendo isso. A derrota dos demônios anticrísticos depende principalmente da lealdade e da obediência das pessoas a Deus. Dar verdadeiramente testemunho de Deus é ser capaz de praticar a verdade e ser leal e obediente a Ele. A pessoa que não tem um lugar para Deus em seu coração não está sendo leal nem está obedecendo a Deus. Mesmo que saiba quem é Satanás e o rejeite, ela não será elogiada por Deus porque ainda pertence a Satanás e fica do seu lado. Assim, dar testemunho é basicamente alcançado com a prática da verdade, sendo leal e obedecendo a Deus. Não importa quanto a pessoa consiga discernir Satanás, isso não adianta se ela não pratica a verdade e não consegue ser leal e obedecer a Deus porque Deus não a reconhecerá. O povo satânico se envolve em mútuos massacres, lutas e todos têm seus próprios motivos. Todos aqueles sem a verdade não pertencem a Deus e são pessoas que resistem a Deus. As palavras de Deus são muito claras a respeito de como a pessoa deve praticar para corresponder às Suas intenções: “A grande maioria das pessoas aceita o Meu fogo ardente na luz do Meu semblante. A grande maioria das pessoas, inspirada pelo Meu encorajamento, se anima a seguir adiante na busca. Quando as forças de Satanás atacam o Meu povo, Eu estou lá para afastá-las; quando Satanás engendra planos para devastar a vida do Meu povo, faço-o fugir às pressas, para nunca mais voltar. Na terra, espíritos malignos de todos os tipos estão sempre à espreita de um lugar para repousar, buscando incessantemente os cadáveres humanos para devorar. Meu povo! Vocês devem permanecer sob o Meu cuidado e proteção. Nunca se comportem de maneira dissoluta! Nunca se comportem de maneira imprudente! Em vez disso, ofereça sua lealdade à Minha casa, pois só com a lealdade é que você pode armar um contra-ataque à astúcia do diabo. Sob nenhuma circunstância você deve se comportar como no passado, fazendo uma coisa na Minha frente e outra pelas costas, porque assim você se torna irrecuperável. É certo que expressei palavras mais que suficientes como essas, não? Precisamente por causa da velha natureza incorrigível do homem é que o tenho lembrado repetidas vezes. Não se aborreçam! Tudo que digo é para garantir o seu destino! O que Satanás precisa é exatamente de um lugar podre e imundo; quanto mais desesperadamente irredimíveis e quanto mais debochados vocês forem, recusando-se a se submeter ao comedimento, mais espíritos impuros se beneficiarão de qualquer oportunidade para se infiltrar. Tendo chegado a esse ponto, sua lealdade não passará de tagarelice, sem nenhuma verdade, e sua determinação será devorada por espíritos impuros, será transformada em desobediência ou em ardis satânicos e usada para interromper a Minha obra. Por causa disso, vou ferir vocês até a morte quando e onde Eu quiser.

Os demônios anticrísticos completaram agora seu serviço e foram claramente revelados. Seus malfeitos e interrupções já atingiram o limite de Deus. Portanto, os anticristos devem ser expostos e suas contas acertadas; depois, devem ser expulsos e rejeitados. Os anticristos não são apenas inimigos de Deus, são também os inimigos do Seu povo escolhido. Ora, ainda existem muitos do povo escolhido de Deus que são enganados, controlados, amarrados e prejudicados pelos anticristos, porque não entendem a verdade. São levados a uma extrema confusão, ficam perdidos quanto ao que fazer, com o coração perturbado e inquieto, em constante estado de ansiedade. São controlados e usados por anticristos para andar por toda parte, causando distúrbios em todos os lugares, mas acreditando que estão cumprindo seu dever e sendo leais a Deus. Pensam inclusive que os anticristos são benfeitores, pessoas em quem podem confiar. No entanto, quando são eliminados no fim, pensam que a casa de Deus se enganou a respeito deles e que povo escolhido de Deus não os compreende. Isso é realmente colher os frutos que semeou com seus atos. Permitem que os anticristos brinquem à vontade com eles, mas não sabem a quem responsabilizar. Não abominam os anticristos e, contudo, se queixam de que a casa de Deus é injusta. São insensíveis à razão! Como depois se verifica, os que são injustos realmente estão fadados à destruição. As pessoas que não buscam a verdade são realmente patéticas, descaradas e tolas ao extremo. Esses fatos são suficientes para provar que se pode dizer que os anticristos são a toxina letal e o fator número um de morte dos crentes que ainda não compreendem a verdade e não entraram na realidade. São extremamente perniciosos a todas as pessoas escolhidas por Deus que não entraram na trilha certa de crer Nele. Em especial, é de 100% o índice de mortes de novos crentes que não assentaram raízes no verdadeiro caminho quando encontram anticristos. Isso é comprovado pelo fracasso de incontáveis crentes. Evidentemente, todos os que creem em Deus no mundo religioso estão andando na senda dos anticristos, porque não têm o julgamento, o castigo, a poda e o tratamento de Deus. Todos os líderes religiosos são anticristos. Isso não é um fato?

Experimentar provações e refinamentos é principalmente experimentar várias batalhas espirituais. Satanás quer usar todos os tipos de tentação para golpear e devorar o homem, enquanto Deus usa várias provações para o revelar e aperfeiçoar. É por isso que cada provação é uma batalha espiritual. Ser capaz de ser testemunha se refere a ser capaz de buscar a verdade, entendê-la e se manter nela durante as provações de ser testemunha e, assim, envergonhar Satanás. Quem não tem a verdade naturalmente não dará testemunho de Deus. O povo escolhido de Deus já está agora enfrentando as forças de Satanás nas provações. Todos aqueles que entendem a verdade e a enxergam conseguem discernir todos os tipos de demônios anticrísticos e enxergar através das maquinações enganosas de Satanás, e com isso se libertam da influência satânica para entrar na trilha certa de crer em Deus. O povo escolhido de Deus tem de experimentar um alto número de batalhas espirituais para entrar na trilha certa de crer em Deus. Entre elas estão principalmente as seguintes:

1. Perturbações de todos os tipos de ímpios e descrentes;

2. A interferência e o controle de falsos líderes e falsos obreiros que não têm a realidade da verdade;

3. O engano da obra de todos os tipos de espíritos malignos;

4. O engano e as perturbações de todos os tipos de falácias e heresias;

5. O engano, o controle e as amarras de todos os tipos de anticristos.

As dificuldades e confusões para o povo escolhido de Deus, acarretadas por essas cinco interrupções e perturbações das forças malignas de Satanás, são realmente em alto número e muito grandes. É muito difícil para quem não entrou na realidade da verdade libertar-se do engano, do controle e das amarras das forças malignas de Satanás. Em particular, a supressão, o controle, a incriminação e a perseguição dos falsos líderes e anticristos fazem as pessoas se sentir ainda mais desamparadas. Tudo o que podem fazer é concordar e seguir. É muito difícil para as pessoas que tipicamente acreditam em Deus durante três a cinco anos se libertar das correntes e da pressão das forças malignas de Satanás. Só quando a pessoa genuinamente entende a verdade é que será completamente capaz de discernir, rejeitar e se libertar do controle e das amarras dessas forças malignas de Satanás. É por isso que Deus tem enfatizado repetidas vezes que, para crer Nele, é fundamental buscar a verdade. Somente prestando atenção a entrar na realidade das palavras de Deus é que a pessoa pode crescer. Todos os que agora compreendem a verdade, buscando-a, já possuem os quatro discernimentos e estão todos começando a gradualmente se libertar das forças de Satanás e entrar na trilha certa de crer em Deus. Isso mostra que, quanto mais a pessoa entende a verdade, mais Satanás se afasta dela. O maior medo de Satanás é que o povo escolhido de Deus entenda a verdade, porque as pessoas que entendem a verdade conseguem enxergar a real natureza e a essência do demônio Satanás, e, sem piedade, serão capazes de expor suas maquinações e tramoias e rejeitá-lo completamente para a vergonha de Satanás. Nesse sentido, todas as forças malignas de Satanás são impotentes contra as pessoas que entendem a verdade, e só podem manter distância porque “a melhor estratégia é recuar”.

Todas as forças malignas de Satanás têm o maior medo de que o povo escolhido de Deus entenda a verdade e entre na realidade porque sabem que, ao entender a verdade, o povo escolhido de Deus apenas ouvirá e obedecerá a Deus, será capaz de verdadeiramente adorá-Lo, e não será mais enganado nem controlado por Satanás. Então, as pessoas terão verdadeiramente se libertado da influência de Satanás, razão pela qual ele tem o maior medo de que o povo escolhido de Deus entenda a verdade. Isso é um fato. Ao experimentar a obra de Deus, Seu povo escolhido inteiro pode enxergar o fato de que o enciumado Satanás desferirá um contra-ataque furioso sob certas circunstâncias. Quando o povo escolhido de Deus buscar a verdade conforme a seguir, sem dúvida todos os demônios anticrísticos que pertencem a Satanás se tornarão enciumados e imediatamente lançarão um furioso contra-ataque:

1. Quando o povo escolhido de Deus alcança o entendimento da verdade e entra na realidade, sempre insistindo em comer e beber as palavras de Deus, os demônios anticrísticos imediatamente ficam com ciúme e revidam furiosamente, fazendo o máximo possível para perturbar, obstruir e destruir o comer e beber normal das palavras de Deus por Seu povo escolhido, aterrorizados que este entenda a verdade e entre na realidade. Isso é um fato.

2. Quando o povo escolhido de Deus puder aceitar e obedecer à liderança e ao pastoreamento do homem usado pelo Espírito Santo, e não for mais controlado por falsos líderes e anticristos, os demônios anticrísticos imediatamente ficarão enciumados e revidarão de maneira furiosa, começando a espalhar falácias e gerar rumores para atacar e julgar o homem usado pelo Espírito Santo. Isso é um fato.

3. Quando o povo escolhido de Deus compreende a verdade e começa a ter discernimento a respeito dos demônios anticrísticos, dos espíritos malignos e dos espíritos impuros, e é capaz de expô-los e criticá-los, os demônios anticrísticos imediatamente ficam com ciúme e revidam furiosamente, usando sofismas, disfarces e confusão para enganar o povo escolhido de Deus e fazer com que todos acreditem neles e sigam-nos. Isso é um fato.

4. Quando o povo escolhido de Deus obedecer de verdade à Sua obra para se libertar da influência de Satanás e cumprir devidamente seus deveres sem ser restringido por ninguém, os demônios anticrísticos imediatamente ficarão com ciúme e revidarão com fúria, espalhando todas as espécies de falácias para fazer as pessoas duvidarem da obra de Deus, se libertarem da obra de Deus, obedecerem a eles e seguirem-nos. Isso é um fato.

5. Quando o trigo e o joio tiverem crescido e sido completa e claramente separados de acordo com seu próprio tipo, e seguirem por suas próprias sendas, os demônios anticrísticos imediatamente ficarão com ciúme e revidarão com fúria, espalhando falácias para fazer as pessoas amarem os demônios e sentirem pena deles, e para que a casa de Deus não tenha amor e seja governada por Satanás, a fim de enganar as pessoas. Isso é um fato.

6. Quando o povo escolhido de Deus entrar na trilha certa de crer Nele e seguir a estrada da busca da verdade e de ser aperfeiçoado, os demônios anticrísticos imediatamente ficarão enciumados e revidarão com fúria, fazendo o máximo possível para testificar que foram enviados por Deus para fazer a obra de aperfeiçoar o homem, e que as pessoas precisam apenas ouvi-los e verem seu rosto para serem aperfeiçoadas.

7. Quando a casa de Deus pratica a limpeza da igreja e expulsa os anticristos e os ímpios, determinando o completo fracasso das forças malignas de Satanás e seu fim, os demônios anticrísticos ficam imediatamente enciumados e revidam com fúria, argumentando que essas são completamente ações do homem, e não ficam convencidos nem satisfeitos. Isso é um fato.

Por que as forças malignas de Satanás logo ficam com ciúme e revidam com fúria quando ele vê o povo escolhido de Deus entender a verdade e entrar na trilha certa de crer em Deus? Isso é totalmente determinado pela natureza de Satanás porque, quando o povo escolhido de Deus entende a verdade e entra na trilha certa de crer Nele, Satanás é completamente rejeitado e isolado, não mais capaz de controlar o povo escolhido de Deus. Este, então, terá sido libertado por completo da influência de Satanás e será ganho por Deus. Isso significa que as tramoias e maquinações de Satanás para corromper e controlar as pessoas terão falhado por completo e que chegou o fim de Satanás. Por conseguinte, o maior medo de Satanás é que o povo escolhido de Deus entenda a verdade e ganhe vida, e menos ainda ele quer ver o sucesso do plano de Deus de salvar o homem. Portanto, diante da realidade de demônios anticrísticos ficarem com ciúme e revidarem com fúria, o povo escolhido de Deus deve enxergar através da essência da natureza de Satanás e de suas tramoias e maquinações. Agora é o momento crucial para que o povo escolhido de Deus rejeite completamente o demônio Satanás e comece a entrar na trilha certa de crer em Deus. Todas as forças malignas de Satanás começaram a revidar furiosamente. Este é o momento da batalha decisiva na guerra entre a justiça e o mal. Os que não buscarem nem perseguirem a verdade neste momento essencial serão completamente aprisionados por Satanás. Para que o povo escolhido de Deus seja testemunha, ele precisa ver claramente onde está o ponto focal da batalha espiritual. Ou seja, deve identificar claramente as coisas que contêm as tramoias escusas e maquinações de Satanás, e enxergar através do fato de que tudo o que Satanás faz contém tramoias escusas e maquinações, e ele mira o que ele quer alcançar. Se o povo escolhido de Deus apenas combate Satanás, mas não consegue enxergar onde estão suas maquinações, então é muito difícil derrotá-lo. Isso é um fato. Qualquer coisa que torne Satanás imediatamente enciumado e faça com que ele comece a revidar com fúria é o que pode ser verificado como precisamente os quatro pontos focais da batalha -- isso é certo. O ponto focal da batalha espiritual é principalmente representado de quatro maneiras. As quatro dúvidas dos anticristos, já dissemos anteriormente, são os pontos focais da batalha espiritual. De fato, as quatro dúvidas dos demônios anticrísticos são precisamente a realidade da verdade em que o povo escolhido de Deus deve entrar. Isso está diretamente relacionado a derrotar Satanás. Se o povo escolhido de Deus não tiver a realidade da verdade quanto a esses quatro aspectos, será atingido no calcanhar de Aquiles e em seu ponto vital pelos demônios anticrísticos. Se todo o povo escolhido de Deus entrou na realidade da verdade nesses quatro aspectos, então já derrotou Satanás, e os demônios anticrísticos não serão capazes de enganar o povo escolhido de Deus quanto a esses quatro aspectos, e ademais, não serão capazes de acusá-lo. Portanto, as quatro dúvidas dos anticristos são precisamente os quatro pontos focais da batalha entre o povo escolhido de Deus e as forças de Satanás. O povo escolhido de Deus agora já começou a entrar na realidade da verdade e está, aos poucos, caminhando pela senda certa de crer em Deus. Quando as forças dos demônios anticrísticos não tiverem mais acusações contra o povo escolhido de Deus, Satanás será completamente derrotado e envergonhado. Somente esse é o glorioso e retumbante testemunho do povo escolhido de Deus ao vencer Satanás. Quando o povo escolhido de Deus puder dar sua lealdade definitiva a Deus na batalha espiritual e puder ser obediente até a morte, ele terá testemunhos verdadeiros, o que prova de modo suficiente que Deus venceu Satanás e ganhou glória.

A derrota de Satanás por Deus se manifesta principalmente em quatro aspectos:

Primeiro, as palavras de Deus conquistaram todas as pessoas que verdadeiramente creem Nele. Todas elas reconhecem a obra de Deus dos últimos dias, Sua encarnação, e que todas as palavras de Deus são a verdade e a realidade. Elas estão plenamente convencidas pelas palavras de Deus, e suas noções se transformaram em obediência. Mesmo que não entendam algumas palavras de Deus, elas ainda admitirão que são a verdade e que absolutamente não podem errar ao buscar e praticar a obediência. Isso mostra que o povo escolhido de Deus já foi completamente conquistado por Suas palavras e nunca mais será capaz de deixá-las. Essas pessoas estão plenamente convencidas de que as palavras de Deus são a origem da vida do homem, da verdade e da vida. As palavras de Deus já mostraram seu poder e onipotência. Esse é um sinal de que Deus derrotou e suplantou Satanás completamente.

Segundo, é algo muito difícil para a humanidade corrompida aceitar e obedecer que o homem usado pelo Espírito Santo recebeu testemunho de Deus para levar Seu povo escolhido a experimentar Sua obra e obedecer a ela. Agora, por meio da orientação e da proteção da obra do Espírito Santo, o povo escolhido de Deus aceitou completamente a liderança e o pastoreamento do homem usado pelo Espírito Santo. Todos aqueles que amam a verdade podem aceitar a pregação e confiar nela, na comunhão e nos arranjos da obra do alto . Não importa como os anticristos e os ímpios perturbem, derrubem e destruam, serão todos envergonhados e fracassarão no fim. Se uma pessoa pode ou não aceitar e obedecer ao homem usado pelo Espírito Santo tornou-se um ponto focal da batalha espiritual. Todos os anticristos estão insatisfeitos e não estão convencidos, espalhando falácias para perturbar e demolir, maquinando para substituir o homem usado pelo Espírito Santo. Mas todos eles foram envergonhados e fracassaram e, assim, foram expostos e rejeitados. Isso assinala que o povo escolhido de Deus já entrou na trilha certa de crer em Deus. Todos os que podem aceitar a liderança e o pastoreamento do homem usado pelo Espírito Santo têm uma chance de ser salvos, e são todos pessoas que começaram a entrar na trilha certa de crer em Deus. Todos os que resistem e rejeitam a liderança e o pastoreamento do homem usado pelo Espírito Santo foram expostos como anticristos, ímpios e descrentes. Esse resultado prova completamente que Deus derrotou Satanás e ganhou glória.

Terceiro, todos aqueles que sinceramente creem em Deus e amam a verdade têm conhecimento genuíno quando se trata da Sua obra e das Suas palavras. Eles não têm mais noções e passaram a se conhecer por meio das palavras de Deus. Começaram a entender a verdade e entrar na realidade, e já assentaram raízes no verdadeiro caminho. O povo escolhido de Deus começou a discernir e rejeitar as forças satânicas que resistem a Deus lideradas pelos anticristos. Isso mostra que o povo escolhido de Deus se voltou completamente para Ele e começou a se libertar da influência de Satanás para entrar por completo na trilha certa de crer em Deus. Isso prova de modo suficiente que Deus derrotou Satanás e realizou a Sua grande obra.

Em quarto lugar, as palavras de Deus estão atualmente se espalhando e expandindo, e todas as pessoas do povo de Deus estão dando testemunho da obra de Deus dos últimos dias. Deus já criou um grupo de vencedores na China continental. A grande obra de Deus está feita. O santo nome de Deus Todo-Poderoso é louvado por dezenas de milhares de pessoas, e a divulgação do evangelho do reino está acelerando. Está chegando o tempo do estrondo dos sete trovões. O mundo-universo inteiro será abalado. Quando a expansão do evangelho do reino tiver alcançado um nível sem precedentes, Deus mudará Sua imagem para Se revelar publicamente em todas as nações e lugares, o que mostra que a grande obra de Deus foi realizada e que Ele ganhou plena glória.

Podemos ver com os quatro aspectos acima que Deus derrotou completamente Satanás. Podemos ver que o povo escolhido de Deus entrou na trilha certa de crer Nele num nível sem precedentes. Contudo, todos os tipos de anticristos, ímpios e infiéis não conseguem enxergar os reais resultados da obra de Deus dos últimos dias. Isso prova, de modo suficiente, que seus olhos espirituais foram cegados por Satanás; que eles não entendem nem um pouco da verdade, e não conseguem enxergar o fato de que Deus venceu Satanás e ganhou glória; que não têm nada da obra do Espírito Santo; e que não têm nenhuma entrada real, nem experiências na obra de Deus dos últimos dias. Só as pessoas que não entendem de jeito nenhum a verdade duvidarão da obra de Deus, do homem usado pelo Espírito Santo, dos resultados da obra de Deus dos últimos dias e da extensão sem precedentes em que o povo escolhido de Deus está entrando na trilha certa de crer Nele. Esse é necessariamente o caso.

O efeito de o povo escolhido de Deus buscar a verdade e entrar na realidade é completamente alcançado por meio da batalha contra os demônios anticrísticos. Toda ocasião em que ele chega a compreender a verdade e entrar na realidade é cheia de batalhas. O povo escolhido de Deus só entende completamente a verdade depois de derrotar Satanás. Quanto mais combatem os demônios anticrísticos, mais facilmente compreendem a verdade e conhecem as palavras de Deus. Quanto mais combatem Satanás, mais parece que têm uma senda para praticar a verdade, sabem como ficar do lado de Deus e como levar Sua vontade em consideração, como rejeitar Satanás e não ser controlado por ele, e como ser leal a Deus e obedecer a Ele até a morte. Apenas isso é praticar plenamente a verdade e ganhar soltura e liberdade, provando a doçura de se libertar da influência de Satanás e de não ser controlado por nenhuma pessoa, problema ou coisa, e de ser liberto e solto. Combater os demônios anticrísticos é, em si, praticar a verdade e ficar do lado de Deus. É se libertar das amarras e do controle da influência de Satanás e praticar a verdade e obedecer a Deus, sem dúvida. O povo escolhido de Deus já viu que combater Satanás não é só discernir as filosofias dele e suas várias falácias, nem é apenas renunciar à carne. O principal ainda é lançar uma batalha contra o inimigo externo – os demônios anticrísticos – e conseguir discernir sua essência, enxergar através de sua verdadeira face demoníaca e rejeitá-los. Só isso é se voltar verdadeiramente para Deus. Em seu coração, a pessoa sentirá que, enfim, chegou diante de Deus, enfim se voltou para Ele e, enfim, se submeteu a Ele. Somente então tudo se tornará real. Aquele que nunca combate os demônios anticrísticos nem os rejeita jamais entenderá onde está a realidade dessas verdades e a que ela se refere. Somente então verá que suas discussões anteriores sobre retornar a Deus, ficar do lado Dele, obedecer à Sua obra e aceitar a liderança e o pastoreamento do homem usado pelo Espírito Santo são todas vazias, impraticáveis, vagas e apenas doutrinas e imaginações do homem. Hoje, depois de terem discernimento das ações e da conduta dos demônios anticrísticos e, em especial, depois de expulsarem os anticristos e os ímpios e de rejeitarem Satanás, ler as palavras de Deus é como acordar de um sonho e, de repente, se tornar iluminado. Ler as palavras de Deus é pura liberação, liberdade, revelação e luz. Isso é perfeitamente acurado.

Por que se diz que os anticristos não podem ser salvos e devem ser expulsos? A razão principal é que os anticristos não creem em nenhuma das palavras de Deus, não aceitam a verdade, não obedecem a todos os castigos e julgamentos de Deus e não experimentam a Sua obra. Não importa quanto abandonem ou o preço que paguem, nenhum dos esforços despendidos é por Deus. São todos para lutar pelo poder e lucro e para controlar o povo escolhido de Deus de modo que possam alcançar sua meta de se alimentar da igreja, se apossar das oferendas a Deus e passar brutalmente por cima dos outros. Consonantemente, fazem o que for preciso e tudo ao seu alcance em nome de obter status e controlar o povo escolhido de Deus; não hesitarão nem se tiverem de lutar até a morte e fazer com que todos pereçam juntos. Por isso, a única maneira de lidar com todos os tipos de anticristo é adotar a expulsão permanente para remover para sempre problemas futuros. Essa é a melhor política. A resistência furiosa contra Deus e a perturbação à obra e a demolição da obra de Deus pelos anticristos são completamente determinados por sua natureza satânica. As sete características da natureza satânica dos anticristos que expusemos são completamente acuradas, sem nenhum desvio. O fato de os anticristos possuírem plenamente essas sete características prova de modo suficiente que eles não aceitam a verdade nem valorizam as palavras de Deus. Eles somente pesquisam as palavras de Deus e maquinam para achar alguma coisa que possam usar e encontrar brechas nas palavras de Deus para perturbar a obra da Sua casa. A casa de Deus tem o homem usado pelo Espírito Santo que lidera o Seu povo escolhido, o que é o maior obstáculo para todos os tipos de anticristos e ímpios que perturbam e prejudicam a Sua obra dos últimos dias. Assim, todos os anticristos consideram o homem usado pelo Espírito Santo um espinho nas costas e um prego na sua carne, e são extremamente hostis e zangados em relação a eles. Isso fica aparente assim que vemos os diversos argumentos que todos os tipos de anticristo usam para atacar e odiar o homem usado pelo Espírito Santo. Acredito que a maioria do povo escolhido de Deus já compreende por que os anticristos odeiam o homem usado pelo Espírito Santo. Aos olhos dos anticristos, é o homem usado pelo Espírito Santo que arruinou seus sonhos e destruiu inteiramente suas ambições e fantasias, protegendo, desse modo, o povo escolhido de Deus. Agora, o povo escolhido de Deus submeteu todos os diabos anticrísticos a juízo, o que revela por completo que o caráter justo de Deus é incapaz de ser ofendido.

Quando está experimentando a obra de Deus, Seu povo escolhido sempre é acompanhado por enganos, perturbações, demolições e destruições de demônios anticrísticos. O povo escolhido já passou por tormentos e misérias suficientes, e por sofrimentos indizíveis nas mãos do demônio Satanás. Somente quando isso chegou a um ponto intolerável foi que enxergaram a essência e a natureza satânicas dos demônios anticrísticos e começaram a discerni-los, combatê-los e rejeitá-los. Com base nisso, podemos ver que a batalha entre o povo escolhido de Deus e os demônios anticrísticos é uma batalha contra Satanás e o grande dragão vermelho. Os demônios anticrísticos são servos típicos de Satanás e os filhos legítimos do grande dragão vermelho. Por conseguinte, é apropriado dizer que os anticristos são o demônio Satanás real porque as ações e a conduta dos anticristos são todas para perturbar, demolir e destruir a obra de Deus. Na realidade, são demônios que resistem diretamente a Deus. Isso é perfeitamente exato. Nesse sentido, os demônios anticrísticos são o inimigo de Deus e também o inimigo de Seu povo escolhido. Ser enganado e controlado por demônios anticrísticos é ser enganado e controlado por Satanás. Adorar e seguir anticristos é adorar e seguir Satanás. Ser controlado e usado por demônios anticrísticos é ser um cúmplice de Satanás e, ademais, um de seus demônios. Portanto, os demônios anticrísticos expostos ao final da obra de Deus dos últimos dias serão para sempre condenados como pecadores e serão julgados e punidos por Deus no auge de Sua ira. Na Era da Lei, Deus realizou sinais e maravilhas para fazer a terra se abrir e tragar vivos os 250 líderes que resistiam a Moisés. Os demônios anticrísticos expostos pela obra de Deus dos últimos dias são ainda piores que os 250 líderes que resistiram a Moisés na Era da Lei, e, além disso, deveriam ser amaldiçoados com a danação eterna. Todos aqueles que verdadeiramente odeiam o grande dragão vermelho com certeza odeiam mais os demônios anticrísticos, porque o grande dragão vermelho persegue e prejudica o povo escolhido de Deus por fora, enquanto os anticristos se esgueiram dentro da igreja para danificar e atormentar por dentro o povo escolhido de Deus. Pode-se dizer que os demônios anticrísticos são servos de Satanás e também a encarnação do grande dragão vermelho. São todos tipos de demônios que odeiam Deus ao extremo.

Por meio das ações e da conduta dos anticristos, podemos ver plenamente como os demônios anticrísticos tratam a Deus, a verdade de Suas palavras, o homem usado pelo Espírito Santo tornado testemunha por Deus e Seu povo escolhido. Isso é claramente óbvio a todos do povo escolhido de Deus. Por que os anticristos odeiam Deus e Suas palavras? Existe apenas uma única explicação: somente o demônio Satanás pode odiar Deus, e os anticristos são o espírito do demônio Satanás. São o espírito de Satanás reencarnado nos demônios, motivo pelo qual odeiam Deus e a verdade. Por que os demônios anticrísticos odeiam o homem usado pelo Espírito Santo? Porque o homem usado pelo Espírito Santo é tornado testemunha e encaminhado por Deus, alguém que executa Sua vontade. É por isso que não surpreende que os anticristos naturalmente odeiem o homem usado pelo Espírito Santo. Todos os que resistiram a Deus na Era da Lei se opuseram a Moisés, porque Moisés era um homem usado por Deus. Por isso, o demônio Satanás também é muito prático e sabe que usar a resistência a Moisés para resistir a Deus é ainda mais prático e eficaz. Durante a obra de Deus dos últimos dias, a fim de se esconder, os demônios anticrísticos não ousam resistir e julgar abertamente a Deus; em vez disso, costumam resistir ao homem usado pelo Espírito Santo para alcançar seu objetivo de resistir a Deus e destruir Sua obra. As maneiras pelas quais os demônios anticrísticos resistem a Deus se tornaram ainda mais traiçoeiras e maliciosas. O povo escolhido de Deus deve enxergar mais através das maquinações de Satanás para poderem derrotá-lo e dar testemunho.

O povo escolhido de Deus tem experimentado a batalha e a guerra espiritual entre a justiça e o mal há vários anos, e todos reconhecem que não ter a verdade é algo digno de pena, é tolice e uma vergonha. De fato, não é possível à pessoa manter-se firme sem a verdade. Em especial, quando se trata de discernir os demônios anticrísticos mais traiçoeiros, as pessoas realmente ficam impotentes contra eles e não conseguem refutar as falácias e heresias que parecem verdade, mas que são falsas e contêm motivos escusos e maquinações de Satanás. Elas veem como é pobre e miserável não ter a verdade. Ao mesmo tempo, isso também instiga ainda mais sua aspiração a buscar a verdade. Se a pessoa não consegue discernir e rejeitar totalmente os demônios anticrísticos mais traiçoeiros e as falácias e heresias “inescrutáveis” que parecem verdadeiras, mas na realidade são falsas, é de fato fácil para elas serem capturadas por Satanás e se tornarem suas vítimas. Quem não busca a verdade não pode ser salvo nem aperfeiçoado. Somente os que verdadeiramente discernem e rejeitam as falácias e as heresias dos demônios anticrísticos mais traiçoeiros, que parecem verdadeiras, mas são falsas, são as pessoas que entendem genuinamente a verdade e, de fato, assentam raízes no verdadeiro caminho e dão testemunho. Apenas os totalmente vitoriosos na batalha contra os demônios anticrísticos são verdadeiramente aqueles a serem salvos e aperfeiçoados. Quem não busca nem ganha a verdade não pode derrotar os demônios anticrísticos. Assim, esses não serão capazes de ser aperfeiçoados por Deus e se tornarem vitoriosos e, ademais, não poderão se tornar uma verdadeira testemunha de Deus. Somente aqueles que conhecem a Deus são Suas verdadeiras testemunhas. Somente os que conseguem discernir as falácias e heresias que parecem verdadeiras, mas são falsas e contêm motivos escusos e maquinações de Satanás, podem discernir e rejeitar totalmente os demônios anticrísticos mais traiçoeiros, podem estimar o povo escolhido de Deus e proteger Sua obra, e são os vitoriosos que são, de fato, leais a Deus e obedecem a Ele absolutamente.

Essa comunhão deve ser comungada juntamente com as seguintes dez passagens das palavras de Deus:

Você serve a Deus com seu caráter natural e de acordo com suas preferências pessoais; além disso, continua a achar que Deus se deleita com tudo o que você deseja fazer e odeia tudo o que você não deseja fazer, bem como é guiado exclusivamente por suas próprias preferências em seu trabalho. Pode-se dizer que isto é servir a Deus? Afinal, seu caráter de vida não mudará absolutamente nada; na verdade, você ficará ainda mais obstinado porque esteve servindo a Deus, o que fará com que seu caráter corrupto se arraigue profundamente. Assim, você desenvolverá interiormente regras sobre o serviço a Deus que estarão baseadas sobretudo em sua própria índole e na experiência obtida ao servir conforme seu caráter. Isto é lição da experiência humana. É filosofia de vida do homem. Pessoas assim são como os fariseus e as autoridades religiosas. Se nunca acordarem e se arrependerem, elas vão acabar por se tornar os falsos Cristos que aparecerão nos últimos dias e ludibriarão os seres humanos. Os mencionados falsos Cristos e ludibriadores surgirão entre pessoas desse tipo. Se aqueles que servem a Deus seguem sua própria índole e agem conforme sua própria vontade, correm o risco de ser expulsos em qualquer momento. Aqueles que aplicam seus muitos anos de experiência para servir a Deus no intuito de conquistar o coração de outrem, instruí-los e dominá-los e manter-se em alto nível, sem nunca se arrependerem, nunca confessarem seus pecados, nunca renunciarem aos benefícios da posição, são pessoas que tombarão ante Deus. São pessoas do mesmo tipo que Paulo, pessoas que abusam de sua longa experiência e se gabam de suas qualificações. Deus não fará com que tais pessoas se tornem perfeitas. Esse tipo de serviço interfere com a obra de Deus. As pessoas adoram apegar-se ao antigo. Aferram-se às noções do passado, a coisas do passado. Isto é um grande obstáculo a seu serviço. Se você não conseguir se livrar dessas coisas, elas tolherão toda a sua vida. Deus não o louvará de modo algum, nem mesmo se você quebrar as pernas correndo, ou as costas de tanto trabalhar, nem sequer se for martirizado em seu serviço a Deus. Muito pelo contrário, Ele dirá que você é um praticante do mal.

de ‘O caminho de serviço religioso deve ser proibido’ em “A Palavra manifesta em carne”

A Minha obra é salvar as almas das pessoas. Se a sua alma cair nas mãos de Satanás, então o seu corpo não terá dias de paz. Se Eu estiver protegendo o seu corpo, então a sua alma certamente estará aos Meus cuidados. Se Eu realmente desprezá-lo, seu corpo e sua alma imediatamente cairão nas mãos de Satanás. Dá para imaginar qual será a sua situação se isto acontecer? Se um dia as Minhas palavras perderem o valor para vocês, então terei de entregá-los a Satanás para que os torture em dobro até que a Minha ira tenha se dissipado por completo, ou terei de castigá-los pessoalmente, seus humanos irredimíveis, porque seu coração de traição a Mim nunca mudou.

de ‘Um problema muito sério: traição (2)’ em “A Palavra manifesta em carne”

A terceira coisa que quero lhes dizer é: todo homem, no curso de sua vida de fé em Deus, já resistiu e enganou a Deus em alguns pontos. Certos delitos não precisam ser registrados como ofensas, mas alguns são imperdoáveis; pois há muitas obras que transgridem os decretos administrativos, ou seja, ofendem o caráter de Deus. Muitos que se preocupam com seus próprios destinos podem perguntar o que são essas obras. Vocês devem saber que vocês são arrogantes e soberbos por natureza, e relutantes em se sujeitarem aos fatos. Por essa razão, Eu lhes direi mais tarde, depois que tenham refletido sobre si mesmos. Exorto-lhes a que adquiram melhor entendimento do conteúdo dos decretos administrativos e a que façam um esforço para conhecerem o caráter de Deus. Caso contrário, vocês acharão difícil manter seus lábios selados e evitar que sua língua se agite livremente demais com conversa pomposa, e vocês involuntariamente ofenderão o caráter divino e cairão em trevas, perdendo a presença do Espírito Santo e da luz. Pois vocês são inescrupulosos em suas ações. Se fizer ou disser aquilo que não deve, você receberá uma retribuição cabível. Você deve saber que, embora seja inescrupuloso em palavra e em obra, Deus é muito escrupuloso em ambas. A razão pela qual você recebe retribuição é que sua ofensa foi a Deus, e não a um homem. Se, em sua vida, você cometer muitas ofensas contra o caráter de Deus, então você certamente se tornará filho do inferno. Ao homem parece que você cometeu somente algumas obras em discordância com a verdade, nada mais. Você está ciente, porém, de que, aos olhos de Deus, você já é alguém para quem não há mais oferta pelo pecado? Porque você transgrediu os decretos administrativos de Deus mais de uma vez e além disso não deu sinais de arrependimento, portanto você não tem escolha a não ser ir para o inferno, onde Deus pune o homem.

de ‘Três admoestações’ em “A Palavra manifesta em carne”

Porque este Cristo é Ele Próprio a expressão do Espírito Santo, a expressão de Deus, aquele que Deus incumbiu de fazer Seu trabalho na terra. E, então, Eu digo que se você não pode aceitar tudo o que é feito pelo Cristo dos últimos dias, você blasfema contra o Espírito Santo. Todo mundo sabe o castigo que deve sofrer quem blasfema contra o Espírito Santo. Eu também lhe digo que se você se opõe ao Cristo dos últimos dias, se O nega, não haverá quem possa sofrer as consequências em seu lugar. Ademais, desse dia em diante você não terá outra oportunidade de conseguir a aprovação de Deus; mesmo se tentar se redimir, nunca mais verá o rosto de Deus. Pois não é um homem a quem você se opõe, não é a qualquer ser insignificante que você repudia, mas a Cristo. Está ciente desta consequência? Você não cometeu um pequeno erro, mas um crime atroz. Por isso, recomendo a todos não mostrar as presas para a verdade nem fazer críticas imprudentes, pois só a verdade pode lhe trazer vida e nada, exceto a verdade, pode fazer você renascer e contemplar a face de Deus.

de ‘Só o Cristo dos últimos dias pode dar ao homem o caminho de vida eterna’ em “A Palavra manifesta em carne”

Aos olhos de Deus, o homem é menor que uma formiga, então como pode um homem sondar a obra de Deus? Aqueles que estão constantemente dizendo, “Deus não opera desta ou daquela forma” ou “Deus é como isto ou aquilo” – não são arrogantes? Devíamos saber que aquelas pessoas, que são da carne, foram todas corrompidas por Satanás. É a natureza delas se oporem a Deus, e elas não estão em paridade com Deus, tampouco podem oferecer conselhos para a obra de Deus. Como Deus guia o homem é obra do Próprio Deus. O homem deve se submeter, e não manter tal e tal visão, pois o homem não é nada mais que pó. Uma vez que buscamos a Deus, não devemos sobrepor nossas concepções sobre a obra de Deus em consideração a este Deus, muito menos devemos empregar nosso caráter corrupto para tentar deliberadamente opor à obra de Deus. Isto não nos faria anticristos? Como poderia tais pessoas dizer que creem em Deus? Uma vez que acreditamos que há um Deus, e desde que desejemos satisfazê-Lo e vê-Lo, devemos buscar o caminho da verdade, e devíamos buscar um modo de sermos compatíveis com Deus. Não devemos permanecer em rígida oposição contra Deus; que bem tiraríamos de tais ações?

de ‘Prefácio’ em “A Palavra manifesta em carne”

Quem não entende o propósito da obra de Deus são aqueles que permanecem contra Ele e, mais ainda, aqueles que estão cientes do propósito da obra de Deus, mas não buscam satisfazê-Lo. Aqueles que leem a Bíblia em igrejas majestosas e a recitam todos os dias, embora nenhum compreenda o propósito da obra de Deus. Ninguém é capaz de conhecer Deus; além disso, ninguém está alinhado com o coração de Deus. São homens indignos e fúteis, cada um se achando na posição de ensinar Deus. Embora clamem o nome Dele, opõem-se a Ele de modo deliberado. Embora se rotulem como crentes em Deus, são eles que comem a carne e bebem o sangue do homem. Tais homens são diabos que devoram a alma do ser humano, demônios que atrapalham propositalmente quem quer trilhar o caminho certo e são pedras de tropeço atravessadas no caminho daqueles que buscam a Deus. Apesar de serem “carne saudável”, como seus seguidores podem saber que são anticristos que conduzem o homem contra Deus? Como podem saber que são demônios vivos que procuram principalmente almas para devorar?

de ‘Todos os que não conhecem a Deus são aqueles que se opõem a Ele’ em “A Palavra manifesta em carne”

No universo e nas extensões ilimitadas do firmamento, todas e cada uma das inumeráveis coisas da criação, das inumeráveis coisas na terra e das inumeráveis coisas no céu estão consagrando toda a sua força ao último estágio da Minha obra. Decerto vocês não desejam ficar à margem como espectadores, empurrados de um lado para o outro pelas forças de Satanás? Satanás está constantemente devorando o conhecimento que os homens têm de Mim em seus corações, e constantemente, com os dentes arreganhados e as garras à mostra, debatendo-se nos últimos estertores de sua agonia. Vocês querem ser pegos por seus estratagemas enganosos neste momento? Vocês querem tirar sua própria vida bem no momento em que a última fase da Minha obra está completa? Decerto vocês não continuam esperando por Mim para dispensar Minha leniência mais uma vez? Buscar Me conhecer é a questão-chave, mas vocês não deveriam negligenciar a atenção à prática efetiva. Eu estou revelando ideias para vocês diretamente nas Minhas palavras, na esperança de que vocês serão capazes de se submeter à Minha condução e parar de manter aspirações ou desígnios próprios.

de ‘A sexta declaração’ das declarações de Deus para todo o universo em “A Palavra manifesta em carne”

A partir das experiências de Pedro, não é difícil ver que, se deseja Me conhecer, o homem deve se concentrar na consideração cuidadosa no espírito. Eu não peço que você dedique uma grande medida a Mim externamente; essa é uma preocupação secundária. Se não Me conhecer, então toda fé, todo amor e lealdade dos quais fala são apenas ilusões, conversa fiada, e de fato você vai se tornar alguém que se faz grande ostentação diante de Mim, mas não conhece a si mesmo, e assim mais uma vez você será enredado por Satanás e não poderá se libertar; você se tornará o filho da perdição, se tornará o objeto de destruição. Porém, se for frio e negligente com as Minhas palavras, então, sem dúvida, você se opõe a Mim. Isso é fato e seria melhor você olhar o reino espiritual através do portão para ver os muitos e variados espíritos que são castigados por Mim. Quais deles não foram passivos, negligentes e intolerantes em relação às minhas palavras? Quais não foram cínicos em relação às Minhas palavras? Qual dentre eles não tentou encontrar uma manipulação nas Minhas palavras? Qual dentre eles não usou as Minhas palavras como uma arma de defesa para se proteger? Eles não buscaram o conhecimento de Mim através das Minhas palavras, simplesmente as usaram como brinquedos para se divertir. Nesse caso, não se opuseram diretamente a Mim? Quem são as Minhas palavras? Quem é o Meu espírito? Tantas vezes Eu apresentei tais palavras para vocês, mesmo assim, suas visões alguma vez ficaram mais elevadas e claras? Suas experiências já foram verdadeiras? Lembro-lhes mais uma vez: se não conhecerem as Minhas palavras, não as aceitarem e não as colocarem em prática, então vocês inevitavelmente se tornarão o alvo do Meu castigo! Vocês certamente se tornarão uma vítima de Satanás!

de ‘A oitava declaração’ em “A Palavra manifesta em carne”

Quanto mais preciso o conhecimento das pessoas sobre Deus, menos elas se opõem a Ele. Em contrapartida, quanto menos as pessoas conhecem Deus, maior a probabilidade de se oporem a Ele. Suas concepções, sua antiga natureza e sua humanidade, caráter e perspectiva moral são o “capital” com o qual você resiste a Deus e, quanto mais corrupto, degradado e vil você é, mais é o inimigo de Deus. Aqueles que são possuídos de concepções penosas e têm um caráter de justiça própria são ainda mais inimigos de Deus encarnado, e tais pessoas são os anticristos. Se suas concepções não forem corrigidas, elas sempre estarão contra Deus; você nunca será compatível com Deus e sempre estará separado Dele.

de ‘Conhecer os três estágios da obra de Deus é o caminho para conhecer Deus’ em “A Palavra manifesta em carne”

Se você tem acreditado em Deus por muitos anos e, no entanto, nunca O obedeceu ou aceitou todas as Suas palavras, mas preferiu pedir que Deus se submetesse a você e agisse de acordo com as suas noções, então você é a mais rebelde das pessoas e é um incrédulo. Como alguém assim conseguirá obedecer à obra e às palavras de Deus que não estão em conformidade com as noções do homem? A pessoa mais rebelde é aquela que intencionalmente desafia Deus e resiste a Ele. É inimiga de Deus e é o anticristo. Essa pessoa tem constantemente uma atitude hostil em relação à nova obra de Deus, nunca demonstrou a menor intenção de se submeter, e nunca se submeteu ou humilhou a si mesma. Ela se exalta diante dos outros e nunca se submete a ninguém. Diante de Deus, ela se considera a mais proficiente em pregar a palavra e a mais hábil em trabalhar com os outros. Não descarta os tesouros já em sua posse, mas trata-os como heranças familiares para adoração, para pregar aos outros, e os utiliza para ensinar a esses tolos que os idolatram. Há, de fato, um certo número de pessoas assim na igreja. Pode-se dizer que são “heróis indomáveis”, que permanecem na casa de Deus, geração após geração. Eles tomam a pregação da palavra (doutrina) como seu dever mais elevado. Ano após ano, geração após geração, aplicam-se vigorosamente a cumprir seu dever “sagrado e inviolável”. Ninguém ousa tocá-los e nenhuma pessoa se atreve a reprová-los abertamente. Eles se tornam “reis” na casa de Deus, correndo desenfreados enquanto tiranizam os outros, de geração em geração. Esse bando de demônios procura unir esforços e demolir a Minha obra. Como posso permitir que esses demônios vivos existam diante de Meus olhos? Mesmo os meio obedientes não podem caminhar até o fim, quanto menos esses tiranos sem a menor obediência no coração! A obra de Deus não é facilmente ganha pelo homem. Mesmo que o homem use todas as suas forças, ele ganhará apenas uma mera porção e atingirá a perfeição no final. O que dizer então dos filhos do arcanjo que procuram destruir a obra de Deus? Eles não têm ainda menos esperança de serem ganhos por Deus? O Meu propósito ao operar a obra da conquista não é apenas conquistar por causa da conquista, mas conquistar para revelar a justiça e a iniquidade, obter prova para a punição do homem, condenar os ímpios e, ainda mais, conquistar tendo em vista o aperfeiçoamento daqueles que obedecem voluntariamente. No final, todos serão separados de acordo com sua espécie, e todos os que são aperfeiçoados têm seus pensamentos e ideias cheios de obediência. Esta é a obra a ser concluída no final. Mas aqueles que estão cheios de caminhos rebeldes serão punidos, enviados para queimar no fogo e se tornarão objeto de maldição eterna. Quando chegar esse momento, esses “heróis grandiosos e indomáveis” de tempos passados se tornarão os mais baixos e rejeitados “covardes, fracos e impotentes”.

de ‘Aqueles que obedecem a Deus com um coração sincero certamente serão ganhos por Deus’ em “A Palavra manifesta em carne”

1 de abril de 2012

Anterior:Boas ações, más ações e falácias que o povo escolhido de Deus deve discernir claramente

Próximo:Concentre-se na comunicação das vinte verdades-chave, quando propagar o evangelho e der testemunho de Deus